BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos
BulasMed
Selecione a bula

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO acetato de dexametasona Creme 1 mg/g Medicamento genérico Lei n 9.787, de 1999 FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Creme dermatológico Embalagem contendo 1 bisnaga com 10 g USO DERMATOLÓGICO USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO: Cada grama do creme dermatológico contém: acetato de dexametasona 1 mg excipiente q.
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO acetato de dexametasona Creme 1 mg/g Medicamento genérico, Lei n 9.787, de 1999. FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Creme dermatológico Embalagem contendo bisnaga de 10 g USO TÓPICO USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO: Cada grama contém: acetato de dexametasona 1 mg excipiente q.
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Dexameson acetato de dexametasona 0,1% Creme FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Creme dermatológico Embalagens contendo 50 bisnagas de 10 g USO TÓPICO USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO: Cada grama de Dexameson contém: acetato de dexametasona 1 mg excipiente q.
 - 07/03/2007
Trivagel-N Forma Farmacêutica e Apresentação de Trivagel-N Creme vaginal - bisnaga de 60g acompanhada de 10 aplicadores descartáveis de 5g. USO ADULTO Composição de Trivagel-N Creme - cada 5g contém: Dexametasona (fosfato dissódico) .................... 0,32 mg Nistatina .................... 100.000 U.I Sulfato de neomicina .................... 10 mg Tirotricina .................... 2 mg Propionato de sódio ...............
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO fosfato dissódico de dexametasona Solução injetável Medicamento Genérico, Lei n . 9.787, de 1999 APRESENTAÇÃO Solução injetável 2 mg/mL: caixa com 50 ampolas de 1 mL Solução injetável 4 mg/mL: caixa com 50 ampolas de 2,5 mL USO ADULTO E PEDIÁTRICO VIA DE ADMINISTRAÇÃO: INTRAMUSCULAR / INTRAVENOSA COMPOSIÇÃO Cada mL de solução injetável 2 mg/mL contém: fosfato dissódico de dexametasona (equivalente a 2 mg de fosfato de dexametasona) 2,19 mg excipientes q.
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Baycuten N clotrimazol + acetato de dexametasona Creme 10 mg/g + 0,443 mg/g FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Creme dermatológico Embalagem contendo 40 g USO DERMATOLÓGICO USO EXTERNO USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO: Cada 100 g de Baycuten N creme contêm: clotrimazol 1 g acetato de dexametasona (correspondente a 0,040 g de dexametasona) 0,0443 g excipiente q.
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Dexador cianocobalamina + piridoxina + tiamina + dexametasona Solução injetável FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Solução injetável Caixa com 1 ampola A de 2 mL e 1 ampola B de 1 mL.
 - 13/08/2019
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Dexalgen fosfato dissódico de dexametasona + hidroxocobalamina + dipirona sódica Solução injetável 5 mg/mL APRESENTAÇÕES Solução injetável Embalagens com 2 ampolas de 1 mL (1 dose) ou 6 ampolas de 1 mL (3 doses) USO INTRAMUSCULAR USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada ampola I contém: cloridrato de hidroxocobalamina (vitamina B12) .
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Cilodex cloridrato de ciprofloxacino + dexametasona Suspensão Oftálmica Estéril 3,5 mg/mL / 1,0mg/mL FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Suspensão oftálmica estéril Frasco plástico conta-gotas contendo 5 mL VIA TÓPICA OCULAR USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada mL (30 gotas) de Cilodex contém: ciprofloxacino 3,5 mg dexametasona 1 mg veículo q.
 - 07/03/2007
IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Maxidex dexametasona Suspensão Oftálmica APRESENTAÇÕES Suspensão oftálmica estéril Frasco plástico conta-gotas contendo 5 mL de suspensão oftálmica VIA DE ADMINISTRAÇÃO TÓPICA OCULAR USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada mL (24 gotas) de Maxidex contém: dexametasona (0,04 mg de dexametasona por gota) 1,0 mg Veículo* q.
 - 13/08/2019
O bulas.med.br faz parte da plataforma HiDoctor
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).
Mostrar: 10
« Anteriores - 1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - Próximos » - >>
11 a 20 (Total: 364)

Outros resultados:

Resultados: 17

Em março de 2020, o estudo RECOVERY ( Randomized Evaluation of COVid-19 thERapY ) foi estabelecido como um ensaio clínico randomizado para testar uma variedade de tratamentos potenciais para a COVID-19 , incluindo baixas doses de dexametasona (um tratamento com esteroides ). Mais de 11.500 pacientes foram matriculados em mais de 175 hospitais do NHS no Reino Unido.
Estudo publicado pelo The Lancet revela que, em pacientes não-imunocomprometidos diagnosticados com pneumonia comunitária, a dexametasona pode reduzir o tempo de hospitalização quando adicionada ao tratamento com antibióticos.
A dexametasona tem sido proposta como uma terapia equivalente à prednisona/prednisolona para crises da asma aguda em pacientes pediátricos. Apesar de existirem vários pequenos ensaios clínicos sobre o tema, os dados de consenso ainda não são claros.
Os pesquisadores também replicaram as descobertas em camundongos, comprimindo os nervos ciáticos dos animais para produzir dor nas costas e nas pernas ou injetando um irritante nos nervos ciáticos. Quando eles bloquearam a resposta imune dos animais com dexametasona, um esteroide comumente usado para tratar dores nas costas, a dor se tornou crônica. Em seguida, o grupo questionou se a dor crônica resultava da supressão da dor ou da supressão da inflamação .
Descobriu-se que o tempo médio de recuperação autorrelatado para pessoas que usaram budesonida inalada foi 3,011 dias mais curto em comparação com o tratamento usual (intervalo de credibilidade bayesiano [ICB] de 95% 1,134 a 5,410 dias), com alta probabilidade (0,999) de ser superior ao padrão usual de tratamento. Leia sobre " Coquetel de anticorpos REGEN-COV para prevenção da infecção pelo SARS-CoV-2 " e " Dexametasona para COVID-19 ". Cerca de um terço (32%) das pessoas que usaram budesonida inalada se recuperaram nos primeiros 14 dias após a randomização e permaneceram bem até 28 dias, em comparação com pouco mais de um quinto (22%) no grupo de tratamento usual.
Mostrar: 5
1 - 2 - 3 - 4 - Próximos »
1 a 5 (Total: 17)
  • Entrar
  • Cadastrar