PROCTOSAN POMADA

KLEY HERTZ S.A

Atualizado em 09/12/2014

PROCTOSAN POMADA
Cloridrato de lidocaína 25 mg
Mentol 2,5 mg - azuleno a 25% - 0,5 mg
Aesculus hippocastanum 0,075 ml
(Castanha da Índia)
Hamamelis virginiana 0,025 ml
(Hamamélis)

Forma Farmacêutica e Apresentação de Proctosan Pomada

Pomada retal - caixa com bisnaga de alumínio de 20 g.USO EXTERNO
USO ADULTO

Composição de Proctosan Pomada

Cada grama1 contém:
Cloridrato de lidocaína .................... 25,000 mg
Mentol .................... 2,500 mg
Azuleno a 25 % .................... 0,500 mg
Extr. Fl. de Castanha da Índia
(Aesculus hippocastanum) ................... 0,075 ml
Extr. Fl. Hamamélis
(Hamamelis virginiana L.) .................... 0,025 ml
Excipiente q.s.p. .................... 1,000 g
Excipientes: ácido esteárico, lanolina anidra, metilparabeno, propilparabeno, trolamina, petrolato branco, água deionizada.

Informações ao Paciente de Proctosan Pomada

PROCTOSAN Pomada é utilizada na profilaxia e tratamento das varizes2 e hemorroidas3. Cuidados de conservação: evitar calor excessivo (temperatura acima de 40°C) e proteger da luz e umidade.
Prazo de validade: 36 meses. Informar seu médico a ocorrência de gravidez4 na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar seu médico se estiver amamentando. Informar ao seu médico o aparecimento de reações desagradáveis como: erupção5 cutânea6, urticária7 ou angioedema8 por reação alérgica9. Os medicamentos depressores do sistema nervoso central10 podem aumentar os efeitos depressores da lidocaína. A utilização simultânea com bloqueadores neuromusculares pode potencializar ou prolongar a ação destes.
Informar ao seu médico qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento. Deve ser administrada com cuidado na presença de hemorroidas3 sangrentas, infecção11 local na zona de tratamento (diminuição ou perda do efeito anestésico local) e trauma grave da mucosa12 (aumenta sua absorção). O produto é contraindicado para pacientes13 com hipersensibilidade aos componentes da fórmula, na gravidez4 e lactação14.
Pacientes idosos podem ter a sensibilidade alterada com a idade. Recomenda-se o uso sob prescrição médica.
O produto poderá conter ar dentro do tubo, sem que este interfira na quantidade declarada na embalagem.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.
SIGA CORRETAMENTE O MODO DE USAR. NÃO DESAPARECENDO OS SINTOMAS15, PROCURE ORIENTAÇÃO MÉDICA.

Informações Técnicas de Proctosan Pomada

PROCTOSAN Pomada contém substâncias ativas, que inibem a formação de edemas16 inflamatórios locais e promovem alívio imediato dos sintomas15 hemorroidários e varicosos (dores, prurido17, sensação de ardor18 e de tensão).
Lidocaína - O cloridrato de lidocaína é um anestésico local indicado para anestesias regionais.
Mentol - tem características antipruriginosas e refrescantes, causa vasodilatação e uma sensação de frio seguido de analgesia (rubefasciente), quando aplicado sobre a pele19.
O Azuleno confere ação anti-inflamatória ao produto, reduzindo o edema20 e outros sintomas15 presentes no quadro inflamatório.
Castanha-da-índia e Hamamélis têm ação vasoconstritora e agem especificamente nos vasos dilatados.

Indicações de Proctosan Pomada

Na profilaxia e tratamento das varizes2 e hemorroidas3.

Contraindicações de Proctosan Pomada

Hipersensibilidade aos componentes da fórmula, na gravidez4 e lactação14

Precauções de Proctosan Pomada

Deve ser administrada com cuidado na presença de hemorroidas3 sangrentas, infecção11 local na zona de tratamento (diminuição ou perda do efeito anestésico local) e trauma grave da mucosa12 (aumenta sua absorção).

Interações Medicamentosas de Proctosan Pomada

Os medicamentos depressores do sistema nervoso central10 podem aumentar os efeitos depressores da lidocaína. A utilização simultânea com bloqueadores neuromusculares pode potencializar ou prolongar a ação destes.

Reações Adversas de Proctosan Pomada

Podem ocorrer reações alérgicas como erupção5 cutânea6, urticária7 ou angioedema8.

Posologia e Modo de Usar de Proctosan Pomada

Adultos e crianças acima de 12 anos:Hemorroidas3:
Duas aplicações diárias (pela manhã e ao deitar) ou conforme necessidade. Recomenda-se realizar as aplicações após a evacuação intestinal e higiene local.
Antes do uso, lubrificar o aplicador com a própria pomada. Retirar a tampa, romper o lacre da bisnaga e rosquear o bico aplicador. Introduzir no reto21, pressionando à medida que a retira lentamente.
Aplicar também na parte externa e pregas da pele19 da margem anal. Após o uso, lavar o bico aplicador e manter a bisnaga bem fechada.
Varizes2:
Aplicar de 2 a 3 vezes ao dia, massageando suave e prolongadamente o local.

Superdosagem de Proctosan Pomada

Em caso de utilização de dose e frequência muito acima das preconizadas, pode haver absorção sistêmica ocasionando aumento de reações adversas e efeitos colaterais22.

Pacientes Idosos de Proctosan Pomada

Pacientes idosos podem ter a sensibilidade alterada com a idade. Recomenda-se o uso sob prescrição médica.

Data de fabricação, data de vencimento e lote. Vide cartucho.
KLEY HERTZ S.A - Indústria e Comércio
Rua Comendador Azevedo, 224 - P. Alegre - RS
Farmacêutica Resp.: Paula Carniel Antonio
CRF-RS 4228 - Reg. no M.S. 1.0689.0036.002-6
C. N. P. J. nº 92.695.691/0001-03
INDÚSTRIA BRASILEIRA

PROCTOSAN POMADA - Laboratório

KLEY HERTZ S.A
Rua Comendador Azevedo, 224
Porto Alegre/RS
Tel: 08007049001
Site: http://www.kleyhertz.com.br

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Grama: 1. Designação comum a diversas ervas da família das gramíneas que formam forrações espontâneas ou que são cultivadas para criar gramados em jardins e parques ou como forrageiras, em pastagens; relva. 2. Unidade de medida de massa no sistema c.g.s., equivalente a 0,001 kg . Símbolo: g.
2 Varizes: Dilatação anormal de uma veia. Podem ser dolorosas ou causar problemas estéticos quando são superficiais como nas pernas. Podem também ser sede de trombose, devido à estase sangüínea.
3 Hemorróidas: Dilatações anormais das veias superficiais que se encontram na última porção do intestino grosso, reto e região perianal. Pode produzir sangramento junto com a defecação e dor.
4 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
5 Erupção: 1. Ato, processo ou efeito de irromper. 2. Aumento rápido do brilho de uma estrela ou de pequena região da atmosfera solar. 3. Aparecimento de lesões de natureza inflamatória ou infecciosa, geralmente múltiplas, na pele e mucosas, provocadas por vírus, bactérias, intoxicações, etc. 4. Emissão de materiais magmáticos por um vulcão (lava, cinzas etc.).
6 Cutânea: Que diz respeito à pele, à cútis.
7 Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.
8 Angioedema: Caracteriza-se por áreas circunscritas de edema indolor e não-pruriginoso decorrente de aumento da permeabilidade vascular. Os locais mais acometidos são a cabeça e o pescoço, incluindo os lábios, assoalho da boca, língua e laringe, mas o edema pode acometer qualquer parte do corpo. Nos casos mais avançados, o angioedema pode causar obstrução das vias aéreas. A complicação mais grave é o inchaço na garganta (edema de glote).
9 Reação alérgica: Sensibilidade a uma substância específica, chamada de alérgeno, com a qual se entra em contato por meio da pele, pulmões, deglutição ou injeções.
10 Sistema Nervoso Central: Principais órgãos processadores de informação do sistema nervoso, compreendendo cérebro, medula espinhal e meninges.
11 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
12 Mucosa: Tipo de membrana, umidificada por secreções glandulares, que recobre cavidades orgânicas em contato direto ou indireto com o meio exterior.
13 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
14 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
15 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
16 Edemas: 1. Inchaço causado pelo excesso de fluidos no organismo. 2. Acúmulo anormal de líquido nos tecidos do organismo, especialmente no tecido conjuntivo.
17 Prurido: 1.    Na dermatologia, o prurido significa uma sensação incômoda na pele ou nas mucosas que leva a coçar, devido à liberação pelo organismo de substâncias químicas, como a histamina, que irritam algum nervo periférico. 2.    Comichão, coceira. 3.    No sentido figurado, prurido é um estado de hesitação ou dor na consciência; escrúpulo, preocupação, pudor. Também pode significar um forte desejo, impaciência, inquietação.
18 Ardor: 1. Calor forte, intenso. 2. Mesmo que ardência. 3. Qualidade daquilo que fulge, que brilha. 4. Amor intenso, desejo concupiscente, paixão.
19 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
20 Edema: 1. Inchaço causado pelo excesso de fluidos no organismo. 2. Acúmulo anormal de líquido nos tecidos do organismo, especialmente no tecido conjuntivo.
21 Reto: Segmento distal do INTESTINO GROSSO, entre o COLO SIGMÓIDE e o CANAL ANAL.
22 Efeitos colaterais: 1. Ação não esperada de um medicamento. Ou seja, significa a ação sobre alguma parte do organismo diferente daquela que precisa ser tratada pelo medicamento. 2. Possível reação que pode ocorrer durante o uso do medicamento, podendo ser benéfica ou maléfica.

Tem alguma dúvida sobre PROCTOSAN POMADA?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.