GONOL

NEO QUIMICA

Atualizado em 08/12/2014

Composição de Gonol

cada frasco contém (após reconstituição com água filtrada para 60 ml): ampicilina 3,5 g; probenecida 1,0 g; excipientes: amido de milho, sílica precipitada amorfa, parabenos e essência de morango.

Posologia e Administração de Gonol

o medicamento deve ser administrado após a reconstituição (para 60 ml), em uma única dose, por via oral, cerca de 30 minutos antes de uma refeição. - Superdosagem: obedecendo-se a posologia da dose única, a superdosagem é evitada. Em casos de ingestão acidental de maior quantidade do que a preconizada1, e nos casos de hipersensibilidade recomenda-se: relativo à ampicilina: ao primeiro sinal2 de reação alérgica3 deve se administrar de 0,3 a 1 ml de adrenalina4 por via intramuscular, ou 0,2 ml intravenosa nos casos mais graves; a urticária5 pode ser tratada com corticosteróides orais; relativo à probenecida: fazer esvaziamento do estômago6 por aspiração e/ou lavagem; para controlar eventuais convulsões deve ser administrado diazepam (5 a 10 mg) por via intravenosa.

Precauções de Gonol

recomenda-se o uso de antibiogramas para a definição da sensibilidade do(s) microorganismo(s) antes de qualquer tratamento com antimicrobiano. Antes do tratamento com ampicilina deve ser realizado anamnese7 completa para buscar histórico alérgico do mesmo tanto às penicilinas como cefalosporinas e outros agentes alergênicos. O uso em mulheres grávidas é contra-indicado, porém se não houver outro medicamento de escolha deve se fazer uma prévia avaliação médica dos fatores riscos/benefícios. Paciente idosos (acima de 65 anos) só devem fazer uso de Gonol sob rigoroso critério e acompanhamento médico. - Interações medicamentosas: o uso concomitante com alopurinol pode levar ao surgimento freqüente de erupções cutâneas8. Quimioterápicos bacteriostáticos que inibem a síntese protéica (clindamicina, cloranfenicol, eritromicina, sulfonamidas, tetraciclinas) podem interferir com o efeito bactericida da ampicilina. A ampicilina pode diminuir a eficácia dos anticoncepcionais orais contendo estrogênio. A probenecida reduz a excreção e aumenta os níveis plasmáticos do ácido pantotênico, cetoprofeno, clofibrato, dapsona, indometacina, naproxeno, nitrofurantoína e rifampicina; além de aumentar e prolongar os efeitos anticoagulantes9 da heparina.

Reações Adversas de Gonol

as mais comuns relatadas são náuseas10, vômitos11, diarréia12 e anorexia13. Existem relatos de casos raros de pacientes que apresentaram alterações hematológicas (anemia14, trombocitopenia15, eosinofilia16, leucopenia17). Podem ocorrer reações de hipersensibilidade que vão desde erupções cutâneas8 até o choque anafilático18.

Contra-Indicações de Gonol

para pacientes19 hipersensíveis a quaisquer penicilinas e à probenecida, mulheres grávidas ou em fase de aleitamento, portadores de discrasias sangüíneas20, cálculos renais ou insuficiência renal21 grave.

Indicações de Gonol

tratamento específico da gonorréia22 em dose única.

Apresentação de Gonol

caixa com 1 frasco de vidro âmbar com pó para suspensão oral extemporânea em dose única de 60 ml após reconstituição.


GONOL - Laboratório

NEO QUIMICA
Rua VPR 1, Quadra 2-A, Mód. 4
Anápolis/GO - CEP: 75133600
Tel: (62 )316-1055
Fax: (62 )316-1022

Ver outros medicamentos do laboratório "NEO QUIMICA"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Preconizada: Recomendada, aconselhada, pregada.
2 Sinal: 1. É uma alteração percebida ou medida por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida. 2. Som ou gesto que indica algo, indício. 3. Dinheiro que se dá para garantir um contrato.
3 Reação alérgica: Sensibilidade a uma substância específica, chamada de alérgeno, com a qual se entra em contato por meio da pele, pulmões, deglutição ou injeções.
4 Adrenalina: 1. Hormônio secretado pela medula das glândulas suprarrenais. Atua no mecanismo da elevação da pressão sanguínea, é importante na produção de respostas fisiológicas rápidas do organismo aos estímulos externos. Usualmente utilizado como estimulante cardíaco, como vasoconstritor nas hemorragias da pele, para prolongar os efeitos de anestésicos locais e como relaxante muscular na asma brônquica. 2. No sentido informal significa disposição física, emocional e mental na realização de tarefas, projetos, etc. Energia, força, vigor.
5 Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.
6 Estômago: Órgão da digestão, localizado no quadrante superior esquerdo do abdome, entre o final do ESÔFAGO e o início do DUODENO.
7 Anamnese: Lembrança pouco precisa, reminiscência, recordação. Na filosofia platônica, é a rememoração gradativa através da qual o filósofo redescobre dentro de si as verdades essenciais e latentes que remontam a um tempo anterior ao de sua existência empírica. Na medicina, é o histórico de todos os sintomas narrados pelo paciente sobre o seu caso clínico. É uma espécie de “entrevista” feita pelo profissional da saúde, em que o paciente é submetido a perguntas que ajudarão na condução a um diagnóstico mais preciso. Ela precede o exame físico em uma consulta médica.
8 Cutâneas: Que dizem respeito à pele, à cútis.
9 Anticoagulantes: Substâncias ou medicamentos que evitam a coagulação, especialmente do sangue.
10 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
11 Vômitos: São a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Podem ser classificados em: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial. Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
12 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.
13 Anorexia: Perda do apetite ou do desejo de ingerir alimentos.
14 Anemia: Condição na qual o número de células vermelhas do sangue está abaixo do considerado normal para a idade, resultando em menor oxigenação para as células do organismo.
15 Trombocitopenia: É a redução do número de plaquetas no sangue. Contrário de trombocitose. Quando a quantidade de plaquetas no sangue é inferior a 150.000/mm³, diz-se que o indivíduo apresenta trombocitopenia (ou plaquetopenia). As pessoas com trombocitopenia apresentam tendência de sofrer hemorragias.
16 Eosinofilia: Propriedade de se corar facilmente pela eosina. Em patologia, é o aumento anormal de eosinófilos no sangue, característico de alergias e infestações por parasitas. Em patologia, é o acúmulo de eosinófilos em um tecido ou exsudato.
17 Leucopenia: Redução no número de leucócitos no sangue. Os leucócitos são responsáveis pelas defesas do organismo, são os glóbulos brancos. Quando a quantidade de leucócitos no sangue é inferior a 6000 leucócitos por milímetro cúbico, diz-se que o indivíduo apresenta leucopenia.
18 Choque anafilático: Reação alérgica grave, caracterizada pela diminuição da pressão arterial, taquicardia e distúrbios gerais da circulação, acompanhado ou não de edema de glote. Necessita de tratamento urgente. Pode surgir por exposição aos mais diversos alérgenos.
19 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
20 Discrasias sangüíneas: Qualquer alteração envolvendo os elementos celulares do sangue, glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas.
21 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
22 Gonorreia: Infecção bacteriana que compromete o trato genital, produzida por uma bactéria chamada Neisseria gonorrhoeae. Produz uma secreção branca amarelada que sai pela uretra juntamente com ardor ao urinar. É uma causa de infertilidade masculina.Em mulheres, a infecção pode não ser aparente. Se passar despercebida, pode se tornar crônica e ascender, atingindo os anexos uterinos (trompas, útero, ovários) e causar Doença Inflamatória Pélvica e mesmo infertilidade feminina.
Artigos relacionados

Tem alguma dúvida sobre GONOL?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.