BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos
BulasMed
Selecione a bula

Este medicamento é contraindicado para menores de 1 mês de idade O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO? Leia também as respostas das Questões 3 e 8 Você deve saber que a maioria dos antibióticos, inclusive cloridrato de lincomicina, pode levar ao aparecimento de colite pseudomembranosa, (infecção do intestino por bactéria da espécie C. dificille ) um tipo potencialmente grave de diarreia. Avise seu médico se apresentar diarreia durante e após o tratamento com cloridrato de lincomicina.
 - 07/03/2007
Infecções causadas por Clostridium spp.; Sífilis causada por Treponema pallidum e bouba causada por Treponema pertenue ; Listeriose causada por Listeria monocytogenes ; Infecção de Vincent (gengivite ulcerativa aguda com necrose) causado por Leptotrichia buccalis (anteriormente Fusobacterium fusiforme ). O cloridrato de doxiciclina pode ser usado como auxiliar no tratamento da infecção aguda por amebas no intestino e no tratamento da acne.
 - 25/09/2019
Quando a bactéria que cresce em excesso é a Clostridium difficile a gravidade pode variar de leve a colite fatal (infecção do cólon, parte do intestino). A diarreia associada a C. difficile pode ocorrer em até dois meses após a administração de antibióticos. Dalacin C não deve ser usado para o tratamento de meningite.
 - 12/08/2019
Caso ocorra reação alérgica à cefadroxila, o tratamento deve ser interrompido. Avise seu médico caso apresente diarreia após administração de cefadroxila. Colite pseudomembranosa é uma complicação descrita com quase todos os agentes antibacterianos e pode variar de leve a grave, com risco de vida. Caso seja feito diagnóstico de colite pseudomembranose, seu médico iniciará o tratamento apropriado.
 - 07/03/2007
OS PREPARADOS VITAMINICOS CONTENDO ACIDO FOLICO OU SEUS DERIVADOS PODEM ALTERAR AS RESPOSTAS AO METOTREXATO . O METOTREXATO DEVE SER USADO COM EXTREMO CUIDADO NA PRESENCA DE INFECCAO, ULCERA PEPTICA, COLITE ULCERATIVA, FRAQUEZA E OS EXTREMOS DA INFANCIA OU VELHICE. SE HOUVER LEUCOPENIA PROFUNDA DURANTE A TERAPIA, PODE OCORRER INFECCAO BACTERIANA, QUE PODE SE TORNAR UMA AMEACA.
 - 07/03/2007
Como todos os medicamentos contendo ferro, Biotônico Fontoura N, deve ser administrado com cautela na presença de alcoolismo, hepatites (inflamação no fígado), infecções agudas e estados inflamatórios do trato gastrintestinal como enterite (inflamação na mucosa dos intestinos), colite ulcerativa (doença inflamatória intestinal que afeta o intestino grosso e o reto), pancreatite (inflamação no pâncreas) e úlcera péptica (ferida na parede do estômago ou duodeno).
 - 07/03/2007
Infecções causadas por Clostridium spp .; Sífilis causada por Treponema pallidum e bouba causada por Treponema pertenue ; Listeriose causada por Listeria monocytogenes ; Infecção de Vincent (gengivite ulcerativa aguda com necrose) causado por Leptotrichia buccalis (anteriormente Fusobacterium fusiforme ). Vibramicina pode ser usada como auxiliar no tratamento da infecção aguda por amebas no intestino e no tratamento da acne.
 - 07/03/2007
outras doenças afetando a circulação do sangue como diabetes, lúpus eritematoso sistêmico (uma doença do sistema imunológico), síndrome hemolítico-urêmica (uma doença do sangue que danifica os rins), doença de Crohn ou colite ulcerativa (inflamação crônica do intestino) e anemia de células falciformes (doença do sangue). O tratamento adequado dessas doenças pode reduzir o risco de bloqueio dos vasos sanguíneos.
 - 07/03/2007
Infecções causadas por Clostridium spp.; Sífilis causada por Treponema pallidum e bouba causada por Treponema pertenue ; Listeriose causada por Listeria monocytogenes ; Infecção de Vincent (gengivite ulcerativa aguda com necrose) causado por Leptotrichia buccalis (anteriormente Fusobacterium fusiforme ). Vibramicina pode ser usada como auxiliar no tratamento da infecção aguda por amebas no intestino e no tratamento da acne.
 - 07/03/2007
neurite óptica; oftalmia simpática; inflamação do segmento anterior; conjuntivite alérgica; úlceras alérgicas marginais da córnea e queratite. Doenças gastrintestinais: para auxiliar o paciente durante um período crítico da doença em: colite ulcerativa (terapia sistêmica), enterite regional (terapia sistêmica). Doenças respiratórias: sarcoidose sintomática, beriliose, tuberculose pulmonar fulminante ou disseminada (usado concomitantemente com quimioterapia antituberculose apropriada), síndrome de L effler, pneumonite por aspiração.
 - 07/03/2007
O bulas.med.br faz parte da plataforma HiDoctor
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).
Mostrar: 10
<< - « Anteriores - 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - 14 - Próximos » - >>
111 a 120 (Total: 1298)

Outros resultados:

Resultados: 31

O que é colite ulcerativa? A colite ulcerativa é uma doença inflamatória que atinge a mucosa do intestino grosso e que se acompanha de úlceras do cólon. É uma doença de curso irregular, que tem períodos de acalmia e exacerbação dos sintomas.
Previamente aprovado para o tratamento de artrite reumatoide, artrite psoriática e espondilite anquilosante (artrite que afeta as articulações da coluna vertebral e da pelve), o Simponi está aprovado para o tratamento de adultos com colite ulcerativa moderada a grave, que são resistentes (refratários) ao tratamento prévio ou requerem continuação do tratamento com esteroides.
Em um terço dos casos todo o cólon está afetado, e nos demais ele só é comprometido parcialmente. A colite ulcerativa tem repercussões sistêmicas e leva a muitos outros sintomas fora do intestino. As manifestações extra intestinais costumam ser dores articulares, complicações de pele e, mais raramente, alterações oculares ( uveítes , esclerites) e hepáticas.
A mortalidade associada à terapia medicamentosa versus colectomia eletiva no tratamento da colite ulcerosa foi avaliada em um estudo de coorte, com publicação online pelo periódico Annals of Internal Medicine . Os pacientes com colite ulcerativa muitas vezes tem que decidir entre o uso de medicamentos imunossupressores mais fortes (por exemplo, esteroides ou azatioprina) ou a realização de uma cirurgia para remover o cólon (intestino grosso).
Os participantes foram acompanhados prospectivamente pelo menos a cada três anos. O principal desfecho foi o desenvolvimento de DII, incluindo doença de Crohn ou colite ulcerativa . As associações entre a ingestão de alimentos ultraprocessados ​​e o risco de DII foram avaliadas usando modelos multivariáveis ​​de risco proporcional de Cox. Os resultados são apresentados como taxas de risco com intervalos de confiança de 95%.
Mostrar: 5
1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - Próximos » - >>
1 a 5 (Total: 31)
  • Entrar
  • Cadastrar