BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos
BulasMed
Selecione a bula

Raras: bocio e hipertiroidismo. Sistema hemático e linfático Infreqüentes: anemia e linfadenopatia. Raras: tempo de sangramento aumentado, discrasia sangüínea, leucopenia, linfocitose, petequia, púrpura, velocidade de sedimentação aumentada e trombocitopenia. Metabólico e nutricional Freqüentes: perda de peso.
 - 07/03/2007
Baixa contagem de plaquetas (trombocitopenia reversível), que pode resultar em sangramento ou hematomas (manchas roxas) que surgem com mais facilidade que o normal. Destruição de glóbulos vermelhos e consequentemente anemia (anemia hemolítica), que pode resultar em cansaço, dores de cabeça e falta de ar causada pela prática de exercícios físicos, vertigem, palidez e amarelamento da pele e/ou dos olhos.
 - 27/03/2007
Em pacientes tratados com docetaxel tri- hidratado a cada 3 semanas, a incidência de anemia (diminuição de glóbulos vermelhos do sangue), infecção, alterações nas unhas, anorexia e perda de peso ocorreu em proporção 10% maior que em pacientes com 65 anos ou mais comparados a pacientes mais jovens.
 - 28/08/2012
mal-estar e perda de peso. Gastrintestinal: anorexia, náuseas, vômitos, diarréia, dispepsia e dor epigástrica espasmódica. Hematológicos: anemia normocrômica e normocítica. Locais: dor no local da injeção intravenosa com ou sem flebite ou tromboflebite. Musculoesqueléticos: dor generalizada, incluindo dores musculares e articulares. Neurológicos: enxaqueca.
 - 07/03/2007
Em caso de alergia à penicilina (por exemplo, reação de urticária imediata), o tratamento com a ampicilina deve ser descontinuado e não deve ser substituído por nenhuma outra penicilina. Raras : ocorrência de reações graves, às vezes agudas febre medicamentosa, angioedema, edema laríngeo, doença do soro, vasculite alérgica, anemia hemolítica, artralgia, síndrome de Stevens-Johnson, necrólise epidérmica tóxica e síndrome de Lyell. Em casos isolados, pode ocorrer choque anafilático com risco para a vida.
 - 07/03/2007
A albumina é também uma proteína transportadora, ligando-se naturalmente a produtos terapêuticos e tóxicos na circulação sanguínea. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO? A Albumina Sérica Humana Normal é contraindicada para pacientes com: Histórico de reações alérgicas a albumina ou qualquer outro excipiente Anemia severa Insuficiência cardíaca Não diluir com água para injetáveis uma vez que isso poder causar hemólise no recipiente.
 - 07/03/2007
neoplasia estrogénio-dependente (suspeita ou diagnosticada); sangramento genital anormal, endometriose; tromboflebite ativa ou distúrbios tromboembólicos (incluindo trombose coronariana, acidente cerebrovascular, etc.), doença cardíaca grave; anemia falciforme; distúrbios congânitos do metabolismo lipídico; diabetes mellitus grave com alterações vasculares; doença hepática aguda ou crônica, ou história de doença hepática quando as provas de função hepática não indiquem normalidade.
 - 07/03/2007
O cloridrato de piridoxina regulariza o metabolismo dos aminoácidos, exercendo sua atividade nos distúrbios onde o metabolismo das proteínas é intenso. É eficaz em alguns casos típicos de anemia microcítica e hipocrômica. Exerce ação profilática sobre a neurite periférica de pacientes em tratamento com drogas como a isoniazida e a cicloserina.
 - 07/03/2007
Interações Medicamentosas de Duphaston Não são conhecidas interações medicamentosas entre a didrogesterona e outras substâncias. Reações Adversas a Medicamentos de Duphaston Sistema circulatório - casos raros de anemia hemolítica; Distúrbios gerais - muito raramente observou-se casos de edema.
 - 07/03/2007
angina pectoris (dor intensa no peito), infarto do miocárdio, síndrome de Raynaud e insuficiência cardíaca congestiva. Hematológicas: pode ocorrer neutropenia (quantidade menor e anormal de neutrófilos no sangue)/agranulocitose, assim como casos de anemia, trombocitopenia (quantidade menor e anormal de plaquetas no sangue) e pancitopenia (quantidade menor e anormal de hemácias, leucócitos e plaquetas no sangue). Imunológicas: há casos de angioedema.
 - 22/02/2011
O bulas.med.br faz parte da plataforma HiDoctor
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).
Mostrar: 10
<< - « Anteriores - 27 - 28 - 29 - 30 - 31 - 32 - Próximos » - >>
291 a 300 (Total: 2448)

Outros resultados:

Resultados: 248

Idade avançada Nível socioeconômico muito baixo Muito pouco peso da gestante Índice de massa corporal aumentado Tabagismo Uso de drogas recreativas Nuliparidade Histórico de hipertensão gestacional Histórico familiar de restrição ao crescimento intrauterino em gravidez anterior Além desses, devem ser levados em conta: Desnutrição e anemia maternas Infecções gastrointestinais e respiratórias Malária Doenças sexualmente transmissíveis Alcoolismo Como o médico diagnostica os fatores de restrição ao crescimento intrauterino? Os médicos têm muitas maneiras de estimar o tamanho dos bebês durante a gravidez e assim diagnosticar uma restrição ao crescimento intrauterino.
Veja mais sobre " Agentes teratogênicos e Teratologia ", " Fumo e gestação " e " Anemia na gravidez ". Quais são as características clínicas do enjoo na gravidez? A questão do enjoo na gravidez varia muito de uma mulher para outra quanto ao início, intensidade e término.
A proctocolectomia também pode ser feita para tratar a doença de Crohn que tenha danificado o intestino grosso e causado complicações, mas não cura nem elimina a doença. Veja mais sobre " Sangue nas fezes ", " Colonoscopia " e " Pólipos intestinais podem virar câncer? " Como é o procedimento da proctocolectomia? Como preparação para a cirurgia, a condição clínica do paciente deve ser otimizada antes do procedimento, corrigindo eventuais desvios da anemia , coagulopatia , hipovolemia, desequilíbrios eletrolíticos ou ácido-básicos e quaisquer deficiências nutricionais. Os corticoides devem ser suspensos, se possível.
Até 90% dos pacientes com discrasias sanguíneas apresentam manifestações oculares. As discrasias sanguíneas mais frequentes com manifestações oculares incluem hiperviscosidade, trombocitopenia e todas as formas de anemia, incluindo anemia falciforme , que podem causar diversas formas de retinopatias, manchas algodonosas e derrames oculares. 10.
Quando lançadas, não conseguem desempenhar as funções das células maduras, de proteger o organismo contra bactérias e vírus. Leia mais sobre " Leucemia mieloide aguda ", " Leucocitose "," Leucopenia ", " Anemia aplásica " e " Plaquetas baixas ". Quais são as principais características clínicas da leucemia mieloide crônica? Embora seja uma condição grave se não for tratada adequadamente, a leucemia mieloide crônica tende a desenvolver-se muito lentamente, por meses ou anos, sem apresentar muitos sintomas.
Mostrar: 5
<< - « Anteriores - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - Próximos » - >>
26 a 30 (Total: 248)
  • Entrar
  • Cadastrar