Preço de Andantol em Fairfield/SP: R$ 16,84

Bula do paciente Bula do profissional

Andantol
(Bula do profissional de saúde)

Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A

Atualizado em 26/11/2020

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

Andantol
cloridrato de isotipendil
Gel 7,5 mg/g

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Gel
Bisnaga com 40 g

USO DERMATOLÓGICO
USO ADULTO E PEDIÁTRICO

COMPOSIÇÃO:

Cada grama1 de Andantol contém:

cloridrato de isotipendil 7,5 mg
excipiente q.s.p. 1 g

Excipientes: carmelose sódica, edetato dissódico, água purificada, ácido sórbico, hidróxido de sódio e sorbitol2.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE3

INDICAÇÕES

Andantol é indicado ao tratamento dos sintomas4 cutâneos de alguns tipos de alergia5, principalmente prurido6, eritema7, edema8 e dor. Tratamento sintomático9 tópico10 das picadas de insetos. Tratamento sintomático9 tópico10 do prurido6 em geral.

RESULTADOS DE EFICÁCIA

O cloridrato de isotipendil é utilizado há mais de 60 anos e existem registros de estudos de eficácia datados desde os anos 50. Contzen publicou em 1959 um trabalho de avaliação do uso de Andantol gel em 134 pacientes com diferentes graus de queimadura e obteve bons resultados devido às propriedades farmacológicas do cloridrato de isotipendil. Schroeder fez um estudo com 55 pacientes mostrando bons resultados com Andantol.

  • CONTZEN H. Local treatment of superficial burns with andantol jelly. Munch Med Wochenschr. 101(14):620- 2; 1959.
  • SCHROEDER H, HUTSCHENREUTER K.Experiences with andantol jelly in local therapy of superficial burns. Med Welt. 35:1788-90; 1961

CARACTERÍSTICAS FARMACOLÓGICAS

Andantol possui pronunciada ação anti-histamínica, anti-serotonínica e intensa atividade antialérgica. A acentuada ação anestésica local de Andantol torna o gel de especial valor no tratamento das dermatoses pruriginosas11.

CONTRAINDICAÇÕES

Andantol é contraindicado para uso por pacientes que tenham alergia5 ao cloridrato de isotipendil e aos demais componentes da fórmula.

ADVERTÊNCIAS E PRECAUÇÕES

Andantol é um medicamento de uso externo, não deve ser ingerido. Deve-se evitar exposição demorada ao sol após o uso de Andantol, pois poderá ocorrer sensibilização da pele12 à luz (fotossensibilização). Nesse caso, deve-se interromper o uso do produto e estabelecer uma terapia conveniente.

Categoria de risco na gravidez13: C – Não há estudos adequados em mulheres. Em experiências animais ocorreram alguns efeitos colaterais14 no feto15, mas o benefício do produto pode justificar o risco potencial durante a gravidez13..

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS

Não existem evidências suficientes que confirmem a ocorrência de interações clinicamente relevantes com o componente do medicamento.

CUIDADOS DE ARMAZENAMENTO DO MEDICAMENTO

Cuidados de conservação

Conservar em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C). Proteja da luz e umidade.

Desde que respeitados os cuidados de armazenamento, o medicamento apresenta uma validade de 24 meses a contar da data de sua fabricação.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características físicas e organolépticas do produto

Andantol é um gel transparente, ligeiramente amarelado.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

POSOLOGIA E MODO DE USAR

Aplicar uma fina camada de gel sobre as partes afetadas uma ou mais vezes ao dia.

O limite máximo diário é de 6 aplicações.

REAÇÕES ADVERSAS

Assim como outros anti-histamínicos de uso tópico10, pode ocorrer sensibilização com o uso de Andantol.

Foi descrito um único caso de hipersensibilidade ao isotipendil gel em uso tópico10 em paciente que, no dia seguinte da utilização do gel de isotipendil, apresentou exacerbação da lesão16 e aparecimento de uma nova lesão16 em face17.

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária – NOTIVISA ou à Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

SUPERDOSE

Em caso de utilização de grandes quantidades do produto na pele12, deve-se retirar o excesso manualmente.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações sobre como proceder.

DIZERES LEGAIS


Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas4 procure orientação médica.
 

MS - 1.0573.0324
Farmacêutica Responsável: Gabriela Mallmann - CRF-SP nº 30.138

Fabricado por:
Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A.
Guarulhos - SP

Registrado por:
Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A.
Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 - 20º andar
São Paulo - SP
CNPJ 60.659.463/0029-92
Indústria Brasileira


SAC 0800 701 6900

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Grama: 1. Designação comum a diversas ervas da família das gramíneas que formam forrações espontâneas ou que são cultivadas para criar gramados em jardins e parques ou como forrageiras, em pastagens; relva. 2. Unidade de medida de massa no sistema c.g.s., equivalente a 0,001 kg . Símbolo: g.
2 Sorbitol: Adoçante com quatro calorias por grama. Substância produzida pelo organismo em pessoas com diabetes e que pode causar danos aos olhos e nervos.
3 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
4 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
5 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
6 Prurido: 1.    Na dermatologia, o prurido significa uma sensação incômoda na pele ou nas mucosas que leva a coçar, devido à liberação pelo organismo de substâncias químicas, como a histamina, que irritam algum nervo periférico. 2.    Comichão, coceira. 3.    No sentido figurado, prurido é um estado de hesitação ou dor na consciência; escrúpulo, preocupação, pudor. Também pode significar um forte desejo, impaciência, inquietação.
7 Eritema: Vermelhidão da pele, difusa ou salpicada, que desaparece à pressão.
8 Edema: 1. Inchaço causado pelo excesso de fluidos no organismo. 2. Acúmulo anormal de líquido nos tecidos do organismo, especialmente no tecido conjuntivo.
9 Sintomático: 1. Relativo a ou que constitui sintoma. 2. Que é efeito de alguma doença. 3. Por extensão de sentido, é o que indica um particular estado de coisas, de espírito; revelador, significativo.
10 Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc.
11 Pruriginosas: Relativas a ou próprias de prurido, que coçam, que causam coceira ou comichão. Em medicina, é o que produz prurido; prurientes, prurígenas.
12 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
13 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
14 Efeitos colaterais: 1. Ação não esperada de um medicamento. Ou seja, significa a ação sobre alguma parte do organismo diferente daquela que precisa ser tratada pelo medicamento. 2. Possível reação que pode ocorrer durante o uso do medicamento, podendo ser benéfica ou maléfica.
15 Feto: Filhote por nascer de um mamífero vivíparo no período pós-embrionário, depois que as principais estruturas foram delineadas. Em humanos, do filhote por nascer vai do final da oitava semana após a CONCEPÇÃO até o NASCIMENTO, diferente do EMBRIÃO DE MAMÍFERO prematuro.
16 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
17 Face: Parte anterior da cabeça que inclui a pele, os músculos e as estruturas da fronte, olhos, nariz, boca, bochechas e mandíbula.

Tem alguma dúvida sobre Andantol?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.