VITTIS

Atualizado em 29/10/2009

Vittis vinifera L., Vitaceae

Leia com atenção antes de usar o produto.
FITOTERÁPICO

 

- FORMA FARMACÊUTICA

Cápsula gelatinosa mole.

 

- VIA DE ADMINISTRAÇÃO

Oral.

 

- APRESENTAÇÃO

Embalagem com 2 blísters contendo 15 cápsulas cada.

USO ADULTO

 

- COMPOSIÇÃO

Cada cápsula contém:

Extrato seco de Vitis vinifera L., Vitaceae (Uva) ........142,10 mg
Veículos (Óleo de soja, óleo vegetal parcialmente hidrogenado,
cera branca e lecitina de soja) .......................... q.s.p 1 cápsula

 

- CONCENTRAÇÃO DOS PRINCÍPIOS ATIVOS

O extrato está padronizado em 95% de proantocianidinas. Cada cápsula contém 135mg de proantocianidinas.

 

- NOMENCLATURA BOTÂNICA OFICIAL

Vitis vinífera L., Vitaceae


- PARTE UTILIZADA DA PLANTA

Sementes.

 

- INFORMAÇÕES AO PACIENTE

Como este medicamento funciona?
VITTlS inibe a peroxidação lipídica, protegendo as células1 contra a ação dos radicais livres, fortalecendo as paredes dos capilares2 sanguíneos e mantendo o fIuxo sanguíneo normal.

Para que este medicamento é indicado?
Atua como antioxidante, sendo indicado para a proteção das células1 contra os radicais livres, auxiliando no tratamento de dislipidemias (alterações na concentração de lipídeos no sangue3), principalmente hipercolesterolemia4 (altos níveis de colesterol5 no sangue3), prevenindo a aterosclerose6 e o desenvolvimento de doenças cardiovasculares7.
Doenças cardiovasculares7 são doenças que alteram o funcionamento do sistema circulatório8, o qual é formado pelo coração9, vasos sanguíneos10 (veias11 e artérias12) e vasos linfáticos. As doenças cardiovasculares7 compreendem três categorias: doença arterial coronariana (angina13. infarto14 agudo15 do miocárdio16, aterosclerose6), doença cerebrovascular17 (derrame18 cerebral) e doença vascular periférica19 (manifestada por dor nas pernas).

Quando não devo usar este medicamento?
Lactação20 e hipersensibilidade conhecida à uva ou a qualquer outro componente da fórmula.
Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas  sem orientação médica ou do cirurgião-dentista. Embora não existam contra-indicações relativas a faixas etárias, recomendamos a utilização do produto para pacientes21 de idade adulta.
Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
Não ingerir doses maiores do que as recomendadas.
Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.
Ainda não foram relatados casos de interações medicamentosas com o uso do produto.
Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Como devo usar este medicamento?
VITTIS  é apresentado em cápsulas gelatinosas moles de cor violeta, que possuem odor característico e praticamente não apresentam sabor.
Ingerir 1 (uma) a 3 (três) cápsulas ao dia.
As cápsulas devem ser ingeridas inteiras e com uma quantidade suficiente de água para que possam ser deglutidas.
Este medicamento não pode ser partido ou mastigado. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas22, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.
Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.

Quais os males que este medicamento pode causar?
Ainda não são conhecidas a intensidade e a freqüência das reações adversas.

O que fazer se alguém usar uma grande quantidade deste medicamento de uma só vez?
Em caso de superdosagem, recomenda-se suspender o uso e procurar orientação médica.

Onde e como devo guardar este medicamento?
Manter em temperatura ambiente (15 a 30'C). Proteger da luz, do calor e da umidade.
Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando  o prazo de validade indicado na embalagem.
Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

 

- INFORMAÇÕES TÉCNICAS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE23

- CARACTERÍSTICAS FARMACOLÓGICAS

VITTIS é constituído pelo extrato seco de uva (Vitis vinifera) padronizado em proantocianidinas.
A produção de LDL24 oxidável, via radicais livres, é o principal mecanismo da formação de gordura25 nos vasos sanguíneos10, sendo associado ao início do desenvolvimento da aterosclerose6.
As proantocianidinas, principais ativos presentes no produto VITTIS, são compostos vasoativos com comprovada ação antioxidante e de proteção das células1 contra os radicais livres, apresentando uma notável capacidade captadora, especialmente de radicais hidroxil e inibição da oxidação do LDL24.

 

- INDICAÇÕES

Atua como antioxidante, sendo indicado para a proteção das células1 contra os radicais livres, auxiliando no tratamento de dislipidemias. principalmente hipercolesterolemia4, prevenindo a aterosclerose6 e o desenvolvimento de doenças cardiovasculares7.

 

- CONTRA-INDICAÇÕES

Gravidez26 e lactação20.

Hipersensibilidade conhecida à uva ou a qualquer outro componente da fórmula.
 
 

- POSOLOGIA E MODO DE USAR

Ingerir 1 (uma) a 3 (três) cápsulas ao dia.
As cápsulas devem ser ingeridas inteiras e com uma quantidade suficiente de água para que possam ser deglutidas.
Cuidados de conservação depois de aberto
Manter o medicamento em sua embalagem original, protegendo-o da luz, do calor e da umidade.

 

- ADVERTÊNCIAS

Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
Não ingerir doses maiores do que as recomendadas.
De acordo com a categoria de risco de fármacos destinados às mulheres grávidas, este fitoterápico apresenta categoria de risco C. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Uso em idosos, crianças e outros grupos de risco

Uso adulto. Não existem recomendações específicas para o uso de ViniS em pacientes idosos e outros grupos de risco.

 

- INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS

Ainda não foram relatados casos de interações medicamentosas com o uso do produto.

 

- REAÇÕES ADVERSAS

Ainda não são conhecidas a intensidade e freqüência das reações adversas.

 

- SUPERDOSAGEM

Em caso de superdosagem, recomenda-se suspender o uso e procurar orientação médica.

 

- ARMAZENAGEM

Manter em temperatura ambiente (15 a 30°C). Proteger da luz, do calor e da umidade.

Lote, data de fabricação e validade: vide embalagem.


HERBARIUM LABORATÓRIO BOTÂNICO LTDA.
Av.. Santos Dumont, 1111 Colombo - PR
CNPJ 78.950.011/0001-20
Indústria brasileira.

Farmacêutlica resp.: Anny M. Trentini

CRF  PR-4081
MS: 1.18.0062
 
ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR  0800 723 8383

Complementos

1 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
2 Capilares: Minúsculos vasos que conectam as arteríolas e vênulas.
3 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
4 Hipercolesterolemia: Aumento dos níveis de colesterol do sangue. Está associada a uma maior predisposição ao desenvolvimento de aterosclerose.
5 Colesterol: Tipo de gordura produzida pelo fígado e encontrada no sangue, músculos, fígado e outros tecidos. O colesterol é usado pelo corpo para a produção de hormônios esteróides (testosterona, estrógeno, cortisol e progesterona). O excesso de colesterol pode causar depósito de gordura nos vasos sangüíneos. Seus componentes são: HDL-Colesterol: tem efeito protetor para as artérias, é considerado o bom colesterol. LDL-Colesterol: relacionado às doenças cardiovasculares, é o mau colesterol. VLDL-Colesterol: representa os triglicérides (um quinto destes).
6 Aterosclerose: Tipo de arteriosclerose caracterizado pela formação de placas de ateroma sobre a parede das artérias.
7 Doenças cardiovasculares: Doença do coração e vasos sangüíneos (artérias, veias e capilares).
8 Sistema circulatório: O sistema circulatório ou cardiovascular é formado por um circuito fechado de tubos (artérias, veias e capilares) dentro dos quais circula o sangue e por um órgão central, o coração, que atua como bomba. Ele move o sangue através dos vasos sanguíneos e distribui substâncias por todo o organismo.
9 Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sangüínea.
10 Vasos Sanguíneos: Qualquer vaso tubular que transporta o sangue (artérias, arteríolas, capilares, vênulas e veias).
11 Veias: Vasos sangüíneos que levam o sangue ao coração.
12 Artérias: Os vasos que transportam sangue para fora do coração.
13 Angina: Inflamação dos elementos linfáticos da garganta (amígdalas, úvula). Também é um termo utilizado para se referir à sensação opressiva que decorre da isquemia (falta de oxigênio) do músculo cardíaco (angina do peito).
14 Infarto: Morte de um tecido por irrigação sangüínea insuficiente. O exemplo mais conhecido é o infarto do miocárdio, no qual se produz a obstrução das artérias coronárias com conseqüente lesão irreversível do músculo cardíaco.
15 Agudo: Descreve algo que acontece repentinamente e por curto período de tempo. O oposto de crônico.
16 Miocárdio: Tecido muscular do CORAÇÃO. Composto de células musculares estriadas e involuntárias (MIÓCITOS CARDÍACOS) conectadas, que formam a bomba contrátil geradora do fluxo sangüíneo. Sinônimos: Músculo Cardíaco; Músculo do Coração
17 Doença cerebrovascular: É um dano aos vasos sangüíneos do cérebro que resulta em derrame (acidente vascular cerebral). Os vasos tornam-se obstruídos por depósitos de gordura (aterosclerose) ou tornam-se espessados ou duros bloqueando o fluxo sangüíneo para o cérebro. Quando o fluxo é interrompido, as células nervosas sofrem dano ou morrem, resultando no derrame. Pacientes com diabetes descompensado têm maiores riscos de AVC.
18 Derrame: Conhecido popularmente como derrame cerebral, o acidente vascular cerebral (AVC) ou encefálico é uma doença que consiste na interrupção súbita do suprimento de sangue com oxigênio e nutrientes para o cérebro, lesando células nervosas, o que pode resultar em graves conseqüências, como inabilidade para falar ou mover partes do corpo. Há dois tipos de derrame, o isquêmico e o hemorrágico.
19 Doença vascular periférica: Doença dos grandes vasos dos braços, pernas e pés. Pode ocorrer quando os principais vasos dessas áreas são bloqueados e não recebem sangue suficiente. Os sinais são: dor e cicatrização lenta de lesões nessas áreas.
20 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
21 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
22 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
23 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
24 LDL: Lipoproteína de baixa densidade, encarregada de transportar colesterol através do sangue. Devido à sua tendência em depositar o colesterol nas paredes arteriais e a produzir aterosclerose, tem sido denominada “mau colesterol“.
25 Gordura: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Os alimentos que fornecem gordura são: manteiga, margarina, óleos, nozes, carnes vermelhas, peixes, frango e alguns derivados do leite. O excesso de calorias é estocado no organismo na forma de gordura, fornecendo uma reserva de energia ao organismo.
26 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.

Tem alguma dúvida sobre VITTIS?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.