Fleet enema

Fleet Laboratories

Atualizado em 08/12/2014

Fleet enema1

Substância Ativa de Fleet Enema1

(em cada dose de 118mL)

Fosfato de sódio dibásico 0,06g/mL

Fosfato de sódio monobásico 0,16g/mL

Indicações de Fleet Enema1


Fleet® Enema1 está indicado como laxante2 no tratamento da obstipação3 intestinal e no esvaziamento do cólon4 no pré e pós-parto, pré e pós-operatório e na preparação para exames proctológicos5 e radiológicos.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS6 O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

ESTE MEDICAMENTO PODE SER UTILIZADO DURANTE A GRAVIDEZ7 DESDE QUE SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Contra-Indicações de Fleet Enema1

Casos de apendicite8, colite9 ulcerativa, insuficiência hepática10 ou renal11, insuficiência cardíaca congestiva12, hipertensão arterial13, obstrução intestinal e hipersensibilidade conhecida aos componentes da fórmula.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS6 O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

ESTE MEDICAMENTO PODE SER UTILIZADO DURANTE A GRAVIDEZ7 DESDE QUE SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Dosagem de Fleet Enema1


Adultos e crianças acima de 12 anos = 1 frasco

ESTE MEDICAMENTO É CONTRA-INDICADO NA FAIXA ETÁRIA DE MENORES DE 12 ANOS DE IDADE.

Modo de Usar de Fleet Enema1


Antes de usar, retire a capa protetora da cânula retal;


Inserir suavemente a cânula no reto14, como se a ponta fosse em direção ao umbigo15;

NÃO FORCE A INSERÇÃO DA CÂNULA NO RETO14 – ISTO PODE CAUSAR UM FERIMENTO;

Comprima o frasco até o líquido ser expelido. Não é preciso esvaziar completamente o frasco pois ele contém uma quantidade acima do necessário;

Após a aplicação mantenha a posição até sentir forte vontade de evacuar (geralmente dentro de 2 a 5 minutos).

Lado esquerdo

Deitar sobre o lado esquerdo com os joelhos em flexão e os braços relaxados

 



Joelho-tórax16

Ajoelhar-se e, em seguida, baixar a cabeça17 e o tórax16 para a frente, até que o lado esquerdo da face18 repouse na superfície, deixando os braços em posição confortável.


REGISTRO ANVISA

Registro no Ministério da Saúde19: 1.2847.0001 Fabricado por C. B. Fleet Company Classe terapêutica20: Laxante2 Forma Farmacêutica: Enema1


Fleet enema - Laboratório

Fleet Laboratories
4615 Murray Place. Lynchburg, Virginia 24502. USA.
Tel: (434) 528-4000
Importado por Euroart Import.
SAC: 0800 709 0807.

Ver outros medicamentos do laboratório "Fleet Laboratories"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Enema: Introdução de substâncias líquidas ou semilíquidas através do esfíncter anal, com o objetivo de induzir a defecação ou administrar medicamentos.
2 Laxante: Que laxa, afrouxa, dilata. Medicamento que trata da constipação intestinal; purgante, purgativo, solutivo.
3 Obstipação: Prisão de ventre ou constipação rebelde.
4 Cólon:
5 Proctológicos: Relativos ou pertencentes à proctologia, ramo da gastroenterologia que se dedica ao estudo e tratamento das patologias do reto e do ânus.
6 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
7 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
8 Apendicite: Inflamação do apêndice cecal. Manifesta-se por abdome agudo, e requer tratamento cirúrgico. Sua complicação mais freqüente é a peritonite aguda.
9 Colite: Inflamação da porção terminal do cólon (intestino grosso). Pode ser devido a infecções intestinais (a causa mais freqüente), ou a processos inflamatórios diversos (colite ulcerativa, colite isquêmica, colite por radiação, etc.).
10 Insuficiência hepática: Deterioração grave da função hepática. Pode ser decorrente de hepatite viral, cirrose e hepatopatia alcoólica (lesão hepática devido ao consumo de álcool) ou medicamentosa (causada por medicamentos como, por exemplo, o acetaminofeno). Para que uma insuficiência hepática ocorra, deve haver uma lesão de grande porção do fígado.
11 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
12 Insuficiência Cardíaca Congestiva: É uma incapacidade do coração para efetuar as suas funções de forma adequada como conseqüência de enfermidades do próprio coração ou de outros órgãos. O músculo cardíaco vai diminuindo sua força para bombear o sangue para todo o organismo.
13 Hipertensão arterial: Aumento dos valores de pressão arterial acima dos valores considerados normais, que no adulto são de 140 milímetros de mercúrio de pressão sistólica e 85 milímetros de pressão diastólica.
14 Reto: Segmento distal do INTESTINO GROSSO, entre o COLO SIGMÓIDE e o CANAL ANAL.
15 Umbigo: Depressão no centro da PAREDE ABDOMINAL, marcando o ponto onde o CORDÃO UMBILICAL entrava no feto. OMPHALO- (navel)
16 Tórax: Parte superior do tronco entre o PESCOÇO e o ABDOME; contém os principais órgãos dos sistemas circulatório e respiratório. (Tradução livre do original Sinônimos: Peito; Caixa Torácica
17 Cabeça:
18 Face: Parte anterior da cabeça que inclui a pele, os músculos e as estruturas da fronte, olhos, nariz, boca, bochechas e mandíbula.
19 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
20 Terapêutica: Terapia, tratamento de doentes.

Tem alguma dúvida sobre Fleet enema?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.