MODO DE USAR E CUIDADOS DE CONSERVAÇÃO DEPOIS DE ABERTO IMUNOGLOBULINA HUMANA ESPECÍFICA ANTI-HEPATITE B

Atualizado em 28/05/2016

Utilizar proteção para as mãos1 ao abrir os frascos-ampolas.

Devem ser observados cuidados de assepsia2 durante toda a manipulação do medicamento até o término da injeção3.

Uso intramuscular.


Porém, somente em casos de distúrbios da coagulação4, onde injeções intramusculares são contra-indicadas, a Imunoglobulina5 Humana Específica Anti-Hepatite6 B deve ser administrada por via subcutânea7.

Este medicamento destina-se a uma única dose.

Portanto, qualquer material ou solução não utilizados devem ser descartados de maneira segura.

A injeção3 deve ser administrada na região glútea8, de preferência, com paciente deitado.


O paciente deve ser observado por, pelo menos, 20 minutos, após a administração.

A via intravenosa não deve ser utilizada para administração porque pode causar reações severas no paciente.

A injeção3 deve ser dada na região glútea8, de preferência com o paciente deitado, e o aplicador deve se certificar que, ao picar o paciente, não atingiu algum vaso sangüíneo.

Soluções turvas ou com depósitos não devem ser aplicadas no paciente, inclusive se a solução estiver com o prazo de validade vencido.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
2 Assepsia: É o conjunto de medidas que utilizamos para impedir a penetração de micro-organismos em um ambiente que logicamente não os tem. Logo um ambiente asséptico é aquele que está livre de infecção.
3 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
4 Coagulação: Ato ou efeito de coagular(-se), passando do estado líquido ao sólido.
5 Imunoglobulina: Proteína do soro sanguíneo, sintetizada pelos plasmócitos provenientes dos linfócitos B como reação à entrada de uma substância estranha (antígeno) no organismo; anticorpo.
6 Hepatite: Inflamação do fígado, caracterizada por coloração amarela da pele e mucosas (icterícia), dor na região superior direita do abdome, cansaço generalizado, aumento do tamanho do fígado, etc. Pode ser produzida por múltiplas causas como infecções virais, toxicidade por drogas, doenças imunológicas, etc.
7 Subcutânea: Feita ou situada sob a pele; hipodérmica.
8 Região Glútea:

Tem alguma dúvida sobre MODO DE USAR E CUIDADOS DE CONSERVAÇÃO DEPOIS DE ABERTO IMUNOGLOBULINA HUMANA ESPECÍFICA ANTI-HEPATITE B?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.