BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos

Resultados encontrados para Crises Epilépticas:

Dieta rica em gordura e proteína reduz em até 90% as crises de epilepsia

Antes de iniciar a dieta, esses pacientes tinham, em média, 25 convulsões diárias. Já nos três primeiros meses de tratamento, todos os participantes da pesquisa apresentaram redução no número de crises. Entretanto, os melhores resultados foram verificados no sexto e 12 mês de acompanhamento, com uma redução que variou entre 40% a 90%. Também houve diminuição gradativa dos medicamentos anticonvulsivantes . Fonte: Hospitalar . - [Mais...]

Ácido valproico mostra potencial terapêutico positivo para a retinite pigmentosa, de acordo com pesquisa publicada pelo British Journal of Ophthalmology

De acordo com estudo publicado pelo British Journal of Ophthalmology , o ácido valproico, medicamento usado para tratar crises epilépticas e transtorno bipolar , mostrou potencial terapêutico positivo para pacientes com retinite pigmentosa . - [Mais...]

Dor de cabeça: a maioria delas não é necessariamente sinal de doenças graves

Associação da dor de cabeça com febre, vômito (exceto se já ocorrem há muito tempo, de forma repetida, junto com as dores de cabeça, sem deixarem consequências, como ocorre na enxaqueca), rigidez do pescoço, visão dupla, estrabismo, paralisia facial, queda da pálpebra, diferença no tamanho das pupilas, crises epilépticas, confusão mental, alterações cognitivas e comportamentais ou qualquer outro sintoma neurológico. Cefaleia de início após os 50 anos. A maioria das cefaleias primárias tem início antes dessa idade. - [Mais...]

BIA 2-093 : estudo comprova eficácia e segurança do novo antiepiléptico da Bial, licenciado a empresa norte-americana

A Bial acaba de assinar um contrato de licenciamento exclusivo com a empresa farmacêutica norte-americana Sepracor para o desenvolvimento e comercialização, nos EUA e no Canadá, do antiepiléptico BIA 2-093, desenvolvido pelo grupo Bial. O acetato de eslicarbazepina - BIA 2-093 (novo antiepiléptico da Bial) - demonstrou ser eficaz e seguro em ensaios clínicos com adultos epilépticos. Participaram das triagens clínicas mais de mil epilépticos de 22 países que testaram este composto em três ... - [Mais...]

Apoio aos pacientes: a maioria das dores de cabeça não é necessariamente sinal de doenças graves

Associação da dor de cabeça com febre, vômito (exceto se já ocorrem há muito tempo, de forma repetida, junto com as dores de cabeça, sem deixarem conseqüências, como ocorre na enxaqueca), rigidez do pescoço, visão dupla, estrabismo, paralisia facial, queda da pálpebra, diferença no tamanho das pupilas, crises epilépticas, confusão, alterações cognitivas e comportamentais ou qualquer outro sintoma neurológico. Cefaléia de início após os 50 anos. A maioria das cefaléias primárias tem início antes dessa idade. - [Mais...]

Publicada série de artigos sobre doença mental na revista The Lancet: elas são responsáveis por 14% do total de todas as doenças registradas no mundo

A série The Lancet Global Mental Health Series, desenvolvida por um grupo internacional de especialistas em saúde mental e em saúde pública com base em literatura científica e em dados da Organização Mundial de Saúde, foi publicada na revista médica The Lancet desta semana. São seis artigos que indicam a necessidade de definir estratégias para reduzir o impacto e a incidência das doenças mentais na população mundial. As doenças mentais são responsáveis por 14% do total de todas as doenças ... - [Mais...]

Beber chá pode reduzir o risco de doenças cardíacas e derrames somente se ingerido sem leite, segundo estudo publicado no European Heart Journal

Pesquisadores do Charite Hospital da Universidade de Berlim, na Alemanha, descobriram que o leite elimina os efeitos benéficos do chá para a proteção contra doenças cardiovasculares. Estudos já demonstraram que o chá preto é eficiente como anti-oxidante e neuroestimulante, sendo aplicado em estudos contra o câncer e epilepsia. Além disso, o chá verde apresenta propriedades músculo-relaxantes, com efeito sobre a hipertensão e ulcerações no aparelho digestivo. O chá é a bebida mais consumida no ... - [Mais...]

Acomplia

ACOMPLIA D rimonabanto Forma farmacêutica e apresentações Comprimidos revestidos Cartucho com 28 comprimidos de 20 mg. Via oral USO ADULTO Composição rimonabanto ....................................................................................20 mg excipientes q.s.p................................................................. 1 comprimido (amido de milho, lactose monoidratada, povidona K 30, croscarmelose sódica, laurilsulfato de sódio, celulose microcristalina, estearato de ... - [Mais...]

CLIMENE

sinais precursores de tromboflebites ou tromboembolias; dor e sensação de constrição do tórax, cirurgias programadas (com antecedência das semanas); imobilização forçada; aparecimento de icterícia; hepatite; prurido generalizado, aumento de crises epilépticas; acentuada elevação de pressão arterial e gravidez. Interações Medicamentosas de Climene A eficácia de CLIMENE pode ser reduzida com a administração regular de barbitúricos, fenilbutazona, hidantoína, rifampicina e ampicilina. - [Mais...]

Livolon (1,25 mg)

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Livolon tibolona Comprimido 1,25 mg FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Comprimido Caixa com 30 e 90 comprimidos USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada comprimido de Livolon contém: tibolona 1,25 mg excipiente q.s.p. 1 comprimido Excipientes: celulose microcristalina, lactose, estearato de magnésio, palmitato de ascorbila, dióxido de silício. INFORMAÇÕES AO PACIENTE PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO? Este medicamento é destinado ao alívio das queixas ... - [Mais...]

CLONOTRIL

Não foi estudado o efeito das doenças renais e hepáticas sobre a farmacocinética de Clonazepam. Indicações de Clonotril CLONOTRIL está indicado isoladamente ou como adjuvante no tratamento das crises epilépticas mioclônicas, acinéticas, ausências típicas (pequeno mal), ausências atípicas (síndrome de Lennox-Gastaut). CLONOTRIL está indicado como medicação de segunda linha em espasmos infantis (Síndrome de West). - [Mais...]

SUPREMA

dificuldade para dormir, fraqueza, perda de energia ou mudança no humor (possibilidade de grave depressão); dor intensa na parte superior do abdômen ou aumento de volume do fígado; aumento das crises epilépticas; dor toráxica, aperto ou sensação de peso no peito (indicando um possível ataque cardíaco); cirurgias programadas (6 semanas antes da data prevista) ou imobilizações forçadas decorrentes de acidentes ou cirurgias; prurido generalizado. - [Mais...]

Siblima

Siblima não deve ser utilizado por mulheres que apresentem qualquer uma das seguintes condições: história anterior ou atual de trombose venosa profunda (obstrução de uma veia), história anterior ou atual de tromboembolismo (obstrução de um ou mais vasos sanguíneos por coágulo), doença vascular cerebral ( derrame ) ou arterial coronariana, valvulopatias trombogênicas (alteração cardíaca que leva à formação de coágulos), distúrbios do ritmo cardíaco trombogênico (alteração do ritmo do coração que leva à formação de coágulos), trombofilias hereditárias ou adquiridas (distúrbios da coagulação com formação de coágulos), dor de cabeça com sintomas neurológicos tais como aura (sensações que antecedem crises de enxaqueca, que podem ser alterações na visão, formigamentos no corpo ou diminuição de força), diabetes com comprometimento da circulação, hipertensão (pressão alta) não controlada. - [Mais...]

Allestra 20

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Allestra 20 gestodeno + etinilestradiol Drágea 75 mcg + 20 mcg FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Drágea Embalagens com 1 ou 3 blísteres com 21 drágeas USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada drágea de Allestra 20 contém: gestodeno 75 mcg etinilestradiol 20 mcg excipiente q.s.p. 1 drágea Excipientes: lactose monoidratada, sacarose, amido, celulose microcristalina, azul de indigotina (corante), croscarmelose sódica, dióxido de titânio, edetato dissódico ... - [Mais...]

Rivotril (Gotas)

Cada gota contém 0,1 mg de clonazepam. INFORMAÇÕES AO PACIENTE PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO? Adulto e pediátrico Distúrbio epiléptico Rivotril é indicado para tratar crises epilépticas e espasmos infantis (síndrome de West). Adulto Rivotril também é indicado para: Transtornos de ansiedade Como ansiolítico em geral. Distúrbio do pânico com ou sem medo de espaços abertos. - [Mais...]

Tegretard (Comprimido 400 mg)

Como devo usar este medicamento? e 8. Quais os males que este medicamento pode me causar? ). Gravidez Informe ao seu médico se você estiver grávida ou está planejando engravidar. O controle das crises epilépticas durante a gravidez é importante. Porém, existe um possível risco para o seu bebê, se você toma a medicação antiepiléptica (medicamento para crises convulsivas) durante a gravidez. - [Mais...]

  • Entrar
  • Cadastrar