BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos

Resultados encontrados para Rouquidão:

Hipotireoidismo. O que é? Quais são as causas e os fatores de risco? Quando procurar um médico?

Fadiga Fraqueza Mialgia Artralgia Cãimbras Reflexos lentos Pele fria, áspera, pálida e seca Depressão Dores de cabeça Intolerância ao frio Aumento do fluxo menstrual Palidez Quando o hipotireoidismo vai evoluindo sem tratamento, podem ser observados: Cansaço Edema periférico Constipação intestinal Fala lenta Rouquidão Dispneia Ganho de peso (não intencional) O estágio terminal do hipotireoidismo não tratado é o coma mixedematoso, em que há uma descompensação que pode ser precipitada por uma infecção, trauma, insuficiência cardíaca ou outras causas. - [Mais...]

Nódulos da Tireóide

Pode haver um crescimento progressivo do nódulo com conseqüente compressão das estruturas profundas do pescoço, levando a sintomas de acordo com a estrutura comprimida: Traquéia: falta de ar e tosse seca Esôfago: dificuldade para engolir Nervos laríngeos: rouquidão Um nódulo maligno não tratado pode levar ao aparecimento de metástases à distância. Ou seja, disseminação do tumor para outros órgãos. - [Mais...]

Refluxo ou Doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE)

Às vezes ela é confundida com infarto do miocárdio ou angina Sensação de plenitude gástrica: relatada pelos pacientes como inchaço no estômago ou má digestão Dor em queimação na boca do estômago (abdome superior), que normalmente acorda a pessoa no meio da noite Eructação (arrotos) Náuseas Excesso de salivação Regurgitação ácida: refluxo de líquidos ou alimentos do estômago à boca Disfagia (dificuldade para engolir): manifestada por engasgos Sensação de asfixia noturna Rouquidão, principalmente pela manhã Dor de garganta Pigarro ou necessidade de limpar a garganta repetidamente Tosse crônica, pneumonias de repetição, asma, sinusite crônica Desgaste do esmalte dentário, halitose (mau-hálito) A intensidade e a freqüência dos sintomas não são sinais de gravidade da esofagite. - [Mais...]

Gripe aviária: países desejam combater o pânico que poderá ser ocasionado pela falta de informação da população

É importante destacar que os sintomas da Gripe muitas vezes se assemelham aos do Resfriado. Este caracteriza-se pela presença de sintomas relacionados ao comprometimento das vias aéreas superiores, como congestão nasal, rinorréia, tosse, rouquidão, febre variável, mialgia, cefaléia. O quadro geralmente é brando, de evolução benigna (2 a 4 dias), mas podem ocorrer complicações como otites, sinusites e bronquites, e quadros graves , de acordo com o agente etiológico em questão. - [Mais...]

Sanilin (Pastilha)

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO SANILIN cloreto de cetilpiridínio monoidratado + benzocaína Pastilha APRESENTAÇÕES Cartucho contendo tubo plástico com 12 pastilhas sabor menta USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 6 ANOS DE IDADE COMPOSIÇÃO Cada pastilha de SANILIN Menta contém: cloreto de cetilpiridínio monoidratado 1,466 mg benzocaína 10 mg excipientes q.s.p. 1 pastilha Excipientes: amido, carbonato de cálcio, estearato de magnésio, aroma natural hortelã-pimenta, corante azul brilhante ... - [Mais...]

PLURAIR

Ouvido, nariz e garganta: Redução do olfato e paladar, perfuração de septo nasal (evento muito raro); rouquidão, mudanças na voz; Ocular: Secura ocular, conjuntivite, aumento da pressão intra-ocular, glaucoma, catarata (estes efeitos também foram muito raros). - [Mais...]

ALVESCO

Na maioria dos casos, tais reações foram leves e não exigiram a descontinuação do tratamento com Alvesco®. As reações consideradas incomuns ( 1/1000, 1/100) foram: rouquidão e súbita dificuldade para respirar, respiração ofegante ou aperto no peito que pode acontecer imediatamente após a inalação de corticoesteróides inalatórios (broncoespasmo paradoxal). - [Mais...]

Seretide Diskus

Existem relatos comuns de cãibra, incomuns de rash e muito raramente observou-se artralgia, hiperglicemia, reações de hipersensibilidade (incluindo reações anafiláticas, como edema e angioedema), broncoespasmo e choque anafilático. Propionato de fluticasona: Em alguns pacientes podem ocorrer rouquidão e candidíase na boca e na garganta. O desconforto ocasionado pode ser evitado com a lavagem da boca com água, após o uso de SERETIDE®. - [Mais...]

Seretide

Existem relatos comuns de cãibra, incomuns de rash e muito raramente observou-se artralgia, hiperglicemia, reações de hipersensibilidade (incluindo reações anafiláticas, como edema e angioedema), broncoespasmo e choque anafilático. Propionato de fluticasona: Em alguns pacientes podem ocorrer rouquidão e candidíase na boca e na garganta. O desconforto ocasionado pode ser prevenido, fazendo a lavagem da boca com água, após o uso de SERETIDE . - [Mais...]

Symbicort Turbuhaler

Reação comum (ocorre entre 1% e 10% dos pacientes que utilizam este medicamento): palpitações (pequenas alterações do batimento/ritmo cardíaco), candidíase na orofaringe (sapinho), pneumonia (infecção do pulmão) em pacientes com DPOC, cefaleia (dor de cabeça), tremores, leve irritação na garganta, tosse e rouquidão. Reação incomum (ocorre entre 0,1% e 1% dos pacientes que utilizam este medicamento): taquicardia (aumento da frequência cardíaca), náusea (enjoo), cãibras musculares, tontura, agitação, ansiedade, nervosismo e perturbações do sono. - [Mais...]

CRONOMET

Urogenitais: retenção urinária, incontinência urinária, urina escura, priapismo. Sentidos especiais: diplopia, midríase, crises oculógiras. Vários: fraqueza, desmaios, fadiga, cefaléia, rouquidão, mal-estar, fogachos, sensação de estimulação, padrões respiratórios bizarros, hipertensão, flebite, síndrome neuroléptica maligna, melanoma maligno, leucopenia, anemia hemolítica e não hemolítica, trombocitopenia, agranulocitose. - [Mais...]

FLUTICAPS

A candidíase sintomática pode ser tratada com terapia antifúngica tópica, sem que haja necessidade de descontinuar o uso de FLUTICAPS (propionato de fluticasona). Em alguns pacientes, o propionato de fluticasona pode ocasionar rouquidão, que pode ser controlada com a lavagem da boca imediatamente após a inalação. - [Mais...]

Renitec

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS). Respiratórios: infiltrados pulmonares, broncoespasmo/asma, dispneia, rinorreia, dor de garganta e rouquidão. Pele: diaforese, eritema polimorfo, dermatite esfoliativa, síndrome de Stevens-Johnson, necrólise epidérmica tóxica, pênfigo, prurido, urticária, alopecia. - [Mais...]

Lisinopril (Comprimido 10 mg)

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO lisinopril Comprimido 10 mg Medicamento Genérico Lei n 9.787, de 1999. FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Comprimido simples Embalagens contendo 30 comprimidos USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada comprimido contém: lisinopril (equivalente a 10,89 mg de lisinopril di-hidratado) 10 mg excipiente q.s.p. 1 comprimido Excipientes: manitol, fosfato de cálcio dibásico, amido, amido pré-gelatinizado, estearato de magnésio, corante FD C N 6 amarelo crepúsculo. ... - [Mais...]

  • Entrar
  • Cadastrar