Gretivit

ABBOTT

Atualizado em 12/08/2019

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

GRETIVIT
acetato de retinol + cloridrato de tiamina + riboflavina + cloridrato de piridoxina + cianocobalamina + colecalciferol + nicotinamida + ácido pantotênico + sulfato ferroso + sulfato de magnésio + sulfato de manganês
Comprimido 

APRESENTAÇÃO

Comprimido revestido 
Embalagem com 30 comprimidos

USO ORAL
USO ADULTO

COMPOSIÇÃO

Cada comprimido revestido contém:

Acetato de retinol (equivalente a 4000UI de vitamina1 A) 8,00 mg
Cloridrato de tiamina (equivalente a 1,34mg de vitamina1 B1) 1,5 mg
Riboflavina (vitamina1 B2) 1,7 mg
Cloridrato de piridoxina (equivalente a 1,645mg de vitamina1 B6) 2,0 mg
Cianocobalamina (vitamina1 B12) 15,0 µg
Colecalciferol (equivalente a 200 UI vitamina1 D) 5,0 µg
Nicotinamida (vitamina1 B3) 20,0 mg
Pantotenato de cálcio (equivalente a 9,20mg de ácido pantotênico) 10,0 mg
Sulfato ferroso (equivalente a 8,22mg de ferro) 25,0 mg
Sulfato de magnésio (equivalente a 50mg de magnésio) 330,16 mg
Sulfato de manganês (equivalente a 1,2mg de manganês) 3,69 mg
excipiente q.s.p 1 comprimido

Excipientes: amido, celulose microcristalina, povidona, dióxido de silício, ácido esteárico, hipromelose, polietilenoglicol, dióxido de titânio, corante vermelho eritrosina, corante amarelo crepúsculo, álcool etílico, água purificada.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Gretivit é indicado como suplemento vitamínico e mineral nos seguintes casos: em anemias carenciais, em dietas restritivas e inadequadas, em estados de convalescença, em períodos de crescimento acelerado e em idosos.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Gretivit é utilizado para a prevenção e tratamento das deficiências de vitaminas e minerais. Vitaminas e minerais são substâncias indispensáveis para o funcionamento do organismo, participam das reações químicas que transformam os alimentos em energia e são necessárias para a formação de novos tecidos.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Gretivit não deve ser utilizado no tratamento de hipovitaminoses específicas (carência de uma única vitamina1) e graves, em casos de hipervitaminose A e/ou D (excesso destas vitaminas), insuficiência renal2 grave e em pacientes com hipersensibilidade conhecida a qualquer um dos componentes da fórmula.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Gretivit não deve ser a opção de escolha para o tratamento de anemia perniciosa3 ou outras anemias megaloblásticas causadas por deficiência de vitamina1 B12 devido à baixa dosagem desta vitamina1. Gretivit não deve ser administrado por períodos prolongados em doses superiores às recomendadas. A alteração da coloração da urina4 devido à presença de riboflavina (vitamina1 B2) em Gretivit não é prejudicial à saúde5. O uso da piridoxina (vitamina1 B6) em doses altas e por períodos prolongados pode ocasionar sintomas6 como: alteração da sensibilidade, alteração no modo de andar e fraqueza muscular. O uso prolongado e excessivo de ferro pode ocasionar acúmulo de ferro em alguns órgãos. O uso de retinóides - etretinato, isotretinoína, acitretina, etc. deve ser informado para evitar o acúmulo de vitamina1 A no organismo. Deve-se informar ao médico o uso de Gretivit em indivíduos que utilizam fenobarbital ou fenitoína (difenilhidantoína), carbamazepina e levodopa, porque as quantidades destes medicamentos no sangue7 podem se alterar (diminuir). Porém, quando a levodopa estiver associada com benserazida ou carbidopa não ocorre interação com a vitamina1 B6 presente em Gretivit. O uso concomitante de carbamazepina e nicotinamida (vitamina1 B3) pode causar um aumento da quantidade de carbamazepina no sangue7.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Conservar o produto em temperatura ambiente (entre 15 e 30ºC). Proteger da luz e umidade.
Número de lote e datas e fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características físicas

O comprimido é vermelho, oblongo, liso.
Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

O comprimido deve ser tomado com líquido, por via oral, antes das principais refeições.

Adultos: 1 comprimido, 2 vezes ao dia ou a critério médico.

Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas6, procure orientação de seu médico ou cirurgião-dentista.

Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Você deve tomar Gretivit conforme as recomendações da bula ou orientação médica. Se você deixou de tomar uma dose, deverá tomar a dose seguinte como de costume, isto é, na hora regular e sem dobrar a dose.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Reações alérgicas podem raramente ocorrer quando do uso de vitaminas. Podem ocorrer sintomas6 gastrintestinais como náusea8, vômito9, diarréia10 e irritação no estômago11, bem como vermelhidão e coceira na pele12. A alteração da coloração da urina4 devido à presença de riboflavina (vitamina1 B2) não é prejudicial à saúde5.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Se você tomar uma dose muito grande deste medicamento acidentalmente, deve procurar um médico ou um centro de intoxicação imediatamente. O apoio médico imediato é fundamental para adultos e crianças, mesmo se os sinais13 e sintomas6 de intoxicação não estiverem presentes. O uso de piridoxina (vitamina1 B6) em doses altas (doses muito acima daquelas indicadas na bula) e por períodos prolongados, pode ocasionar sintomas6 como: alteração da sensibilidade, alteração no modo de andar, fraqueza muscular, dor de cabeça14, dor abdominal, ausência de fome, prisão de ventre, náusea8, tontura15, vômito9 e vermelhidão na pele12. Caso alguma destas reações venha a ocorrer, procure imediatamente um médico para que sejam adotadas medidas de desintoxicação adequadas.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 7226001, se você precisar de mais orientações.

DIZERES LEGAIS


Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas6 procure orientação médica.
 

MS 1.0571.0009
Farmacêutico Responsável: Dr. Rander Maia - CRF-MG 2546

BELFAR LTDA.
Rua Alair Marques Rodrigues, 516 - Belo Horizonte - MG - CEP 31560-220
C.N.P.J.: 18.324.343/0001-77
Indústria Brasileira


SAC: 0800 0310055

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Vitamina: Compostos presentes em pequenas quantidades nos diversos alimentos e nutrientes e que são indispensáveis para o desenvolvimento dos processos biológicos normais.
2 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
3 Anemia Perniciosa: Doença causada pela incapacidade do organismo absorver a vitamina B12. Mais corretamente, ela se refere a uma doença autoimune que resulta na perda da função das células gástricas parietais, que secretam ácido clorídrico para acidificar o estômago e o fator intrínseco gástrico que facilita a absorção da vitamina B12.
4 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
5 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
6 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
7 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
8 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
9 Vômito: É a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Pode ser classificado como: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial. Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
10 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.
11 Estômago: Órgão da digestão, localizado no quadrante superior esquerdo do abdome, entre o final do ESÔFAGO e o início do DUODENO.
12 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
13 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
14 Cabeça:
15 Tontura: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.

Tem alguma dúvida sobre Gretivit?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.