ADNAX

DM (HYPM)

Atualizado em 03/06/2015

ADNAX
- FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Solução nasal tópica. Frasco conta-gotas com 20 mL.
USO ADULTO
USO NASAL

Composição de Adnax

Cada mL contém:cloridrato de nafazolina (DCB 6177) ....................1,0 mg
cloridrato de difenidramina (DCB 2979) ....................0,5 mg
veículo* .................... 1,0 mL
*cloreto de benzalcônio, essência de rosas, cloreto de sódio e água de osmose1 reversa.

Informações ao Paciente de Adnax

Ação esperada do medicamento: ADNAX é indicado no tratamento das rinofaringites e suas manifestações. Os sinais2 de melhora nos sintomas3 podem ocorrer em um prazo variável de dias, após o início do tratamento. Seu médico é a pessoa adequada para dar-lhe mais informações sobre o tratamento; siga sempre suas orientações. Não devem ser utilizadas doses superiores às recomendadas. A interrupção repentina deste medicamento não causa efeitos desagradáveis, nem risco, apenas cessará o efeito terapêutico.
Cuidados de armazenamento: conservar em temperatura ambiente (ambiente com temperatura entre 15 e 30°C). Proteger da luz e umidade.
Prazo de validade: 24 meses a partir da data de fabricação.
Ao comprar qualquer medicamento, verifique o prazo de validade.
Atenção: não use medicamento com prazo de validade vencido. Além de não obter o efeito desejado, você poderá prejudicar sua saúde4.
Gravidez5 e lactação6: informe ao seu médico a ocorrência de gravidez5 na vigência do tratamento ou após o seu término. Informe ao médico se está amamentando.
Cuidados de administração: siga sempre a orientação do seu médico, respeitando os horários, as doses e duração do tratamento.
Interrupção do tratamento: não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
REAÇÕES ADVERSAS: EM ALGUNS CASOS, O PRODUTO PODE PRODUZIR, TRANSITÓRIA NA MAIORIA DAS VEZES, ALGUMAS REAÇÕES DESAGRADÁVEIS. INFORME AO SEU MÉDICO O APARECIMENTO DE REAÇÕES DESAGRADÁVEIS.
" TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS."

Ingestão concomitante com outras substâncias: a administração do produto com outros medicamentos só deverá ser realizada após consulta ao médico.
CONTRAINDICAÇÕES E PRECAUÇÕES: O PRODUTO É CONTRA-INDICADO PARA PACIENTES7 QUE APRESENTAREM ANTECEDENTES DE HIPERSENSIBILIDADE A QUALQUER UM DOS COMPONENTES DA FÓRMULA.
" Informe ao seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento."
" NÃO TOME MEDICAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE4."

Informações Técnicas de Adnax

Características químicas e farmacológicas: cloridrato de nafazolina é uma amina simpatomimética heterocíclica, que possui potente ação vasoconstritora periférica, utilizada em aplicações locais sobre as mucosas8. A nafazolina tem ação depressora sobre a musculatura gastrintestinal, sem maior incidência9 sobre a musculatura brônquica. É facilmente absorvida por todas as vias de administração, inclusive as mucosas8, logo após sua aplicação. É indicada como descongestionante nasal para aliviar a hiperemia10 e o edema11, nos casos de rinites e sinusite12, durando este efeito de 3 a 6 horas após sua aplicação.Cloridrato de difenidramina é um anti-histamínico obtido por síntese e, como todas as substâncias desse grupo, é amina terciária. A ação fundamental do anti-histamínico é antagonizar o efeito da histamina13, por isso que, dado o papel que desempenha a histamina13 nos fenômenos anafilático e alérgico, é de esperar-se que esta substância iniba esses fenômenos. Os anti-histamínicos atuam sobre as células14 efetoras, impedindo a ação da histamina13 por mecanismo de competição. São absorvidos por via oral, retal, parenteral e pelas mucosas8; daí o uso dessa substância nos casos de rinite15 alérgica.

Indicações de Adnax

No tratamento das rinofaringites e suas manifestações.

Contraindicações de Adnax

O PRODUTO É CONTRAINDICADO NA RINITE15 SECA E GLAUCOMA16.ASSIM COMO OUTROS VASOCONSTRITORES, NÃO DEVE SER EMPREGADO APÓS HIPOFISECTOMIA TRANSFENOIDAL OU APÓS CIRURGIAS ORONASAIS EM QUE OCORRA A EXPOSIÇÃO DA DURA-MÁTER17. A OCORRÊNCIA DE IRRITAÇÃO LOCAL, NÁUSEAS18 E DOR DE CABEÇA19 É RARA. TRANSCORRIDAS 6 HORAS APÓS A ADMINISTRAÇÃO, INSTALA-SE UMA HIPEREMIA10 REATIVA DE BREVE DURAÇÃO. PODE OCORRER UM CERTO GRAU DE ACOMETIMENTO DA FUNÇÃO NORMAL DO EPITÉLIO20 CILIADO NASAL. EM CASOS DE USO ININTERRUPTO E PROLONGADO DE ADNAX, O PACIENTE PODE HABITUAR-SE AO SEU EFEITO DESCONGESTIONANTE.
PRECAUÇÕES: ADNAX DEVE SER ADMINISTRADO COM CAUTELA A PACIENTES PORTADORES DE HIPERTENSÃO21 OU HIPERTIREOIDISMO22. DA MESMA FORMA QUE OUTROS MEDICAMENTOS PERTENCENTES AO GRUPO DAS ARILALQUILIMIDAZOLINAS, DEVE SER UTILIZADO COM ESPECIAL CUIDADO EM PACIENTES PORTADORES DE GRANDE SENSIBILIDADE AOS AGENTES SIMPATOMIMÉTICOS, EVIDENCIADA POR SINAIS2 DE INSÔNIA OU TONTURA23. COMO REGRA BÁSICA PARA TODOS OS VASOCONSTRITORES LOCAIS, NÃO DEVE SER EMPREGADO ININTERRUPTAMENTE DURANTE PERÍODO PROLONGADO COMO, POR EXEMPLO, EM RESFRIADOS CRÔNICOS. EM CASOS ESPECIAIS QUE REQUEIRAM ADMINISTRAÇÃO CONTÍNUA POR PERÍODOS PROLONGADOS, DEVE-SE ESTABELECER UMA PAUSA APÓS DEZ DIAS DE TRATAMENTO.
INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS: O USO CONCOMITANTE DE ADNAX E INIBIDORES DE MONOAMINOXIDASE (MAO24) PODE ORIGINAR CRISES HIPERTENSIVAS. ESSE MESMO RISCO ESTÁ AINDA PRESENTE SE ADNAX FOR UTILIZADO EM PERÍODO INFERIOR A 10 DIAS APÓS A SUSPENSÃO DO TRATAMENTO COM INIBIDORES DE MAO24.

Reações Adversas/Colaterais e Alterações de Exames Laboratoriais de Adnax

Ainda não são conhecidas a intensidade e a frequência das reações adversas.

Posologia e Modo de Usar de Adnax

Posologia e modo de usar: instilar 2 gotas em cada narina, até 4 vezes ao dia.

Superdosagem de Adnax

Em caso de suspeita de superdosagem, o paciente deve ser imediatamente encaminhado ao médico.

Pacientes Idosos de Adnax

Não foi relatada nenhuma contraindicação quanto ao uso para pacientes7 com mais de 65 anos de idade. Devem ser consideradas as mesmas contraindicações e precauções.
" SIGA CORRETAMENTE O MODO DE USAR; NÃO DESAPARECENDO OS SINTOMAS3, PROCURE ORIENTAÇÃO MÉDICA."
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

Número do lote, data de fabricação e prazo de validade: vide cartucho/rótulo.
Reg. MS - 1.7287.0034.003-3 - Farmacêutico Resp.: Dr. Carlos Takashi Maki - CRF-SP nº 5606
Hypermarcas S/A Av. Fernando Cerqueira César Coimbra, 1000 - Barueri - SP
CNPJ 02.932.074/0013-25 - Indústria Brasileira - Marca Registrada H2 BA
ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR
080077-17017 LIGAÇÃO GRATUITA

ADNAX - Laboratório

DM (HYPM)
Av. Fernando C. César Coimbra, 1000 - Alphaville
Barueri/SP - CEP: 06465-090
Tel: (11 7)295-2122
Fax: (11 )421-4855

Ver outros medicamentos do laboratório "DM (HYPM)"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Osmose: Fluxo do solvente de uma solução pouco concentrada, em direção a outra mais concentrada, que se dá através de uma membrana semipermeável.
2 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
3 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
4 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
5 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
6 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
7 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
8 Mucosas: Tipo de membranas, umidificadas por secreções glandulares, que recobrem cavidades orgânicas em contato direto ou indireto com o meio exterior.
9 Incidência: Medida da freqüência em que uma doença ocorre. Número de casos novos de uma doença em um certo grupo de pessoas por um certo período de tempo.
10 Hiperemia: Congestão sanguínea em qualquer órgão ou parte do corpo.
11 Edema: 1. Inchaço causado pelo excesso de fluidos no organismo. 2. Acúmulo anormal de líquido nos tecidos do organismo, especialmente no tecido conjuntivo.
12 Sinusite: Infecção aguda ou crônica dos seios paranasais. Podem complicar o curso normal de um resfriado comum, acompanhando-se de febre e dor retro-ocular.
13 Histamina: Em fisiologia, é uma amina formada a partir do aminoácido histidina e liberada pelas células do sistema imunológico durante reações alérgicas, causando dilatação e maior permeabilidade de pequenos vasos sanguíneos. Ela é a substância responsável pelos sintomas de edema e irritação presentes em alergias.
14 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
15 Rinite: Inflamação da mucosa nasal, produzida por uma infecção viral ou reação alérgica. Manifesta-se por secreção aquosa e obstrução das fossas nasais.
16 Glaucoma: É quando há aumento da pressão intra-ocular e danos ao nervo óptico decorrentes desse aumento de pressão. Esses danos se expressam no exame de fundo de olho e por alterações no campo de visão.
17 Dura-Máter: A mais externa das três MENINGES, uma membrana fibrosa de tecido conjuntivo que cobre o encéfalo e cordão espinhal.
18 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
19 Cabeça:
20 Epitélio: Epitélio ou tecido epitelial é um tecido constituído por células justapostas, ou seja, intimamente unidas entre si. Sua principal função é revestir a superfície externa do corpo, os órgãos e as cavidades corporais internas. Os epitélios são eficientes barreiras contra a entrada de agentes invasores e a perda de líquidos corporais. Eles têm também funções secretoras, sensoriais e de absorção. O tecido epitelial é um dos quatro tipos de tecidos básicos do nosso organismo, juntamente com os tecidos conjuntivo, muscular e nervoso.
21 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
22 Hipertireoidismo: Doença caracterizada por um aumento anormal da atividade dos hormônios tireoidianos. Pode ser produzido pela administração externa de hormônios tireoidianos (hipertireoidismo iatrogênico) ou pelo aumento de uma produção destes nas glândulas tireóideas. Seus sintomas, entre outros, são taquicardia, tremores finos, perda de peso, hiperatividade, exoftalmia.
23 Tontura: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.
24 Mão: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.

Tem alguma dúvida sobre ADNAX?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.