Suplan

INFAN INDUSTRIA QUIMICA FARMACEUTICA NACIONAL S/A

Atualizado em 30/12/2020

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

Suplan
Polivitaminamínico e Poliminerais
Comprimido

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Comprimido revestido
Embalagem com 2 blisters, contendo 15 comprimidos, cada.

USO ORAL
USO ADULTO

COMPOSIÇÃO:

Cada comprimido de Suplan contém:

fumarato ferroso 45,60 mg
acetato de retinol 5000 UI
colecalciferol 400 UI
ácido ascórbico 73,10 mg
cloridrato de tiamina 1,50 mg
riboflavina 1,70 mg
cloridrato de piridoxina 2,00 mg
cianocobalamina 6,00 mcg
pantotenato de cálcio 1,10 mg
nicotinamida 20,00 mg
carbonato de cálcio 300,00 mg
sulfato de manganês 1,60 mg
óxido de zinco 0,75 mg
carbonato de magnésio 11,83 mg
excipiente q.s.p. 1 comprimido

Excipientes: celulose microcristalina 101, Aerosil, Explocel, Estearato de magnésio, Methocel, Sep film, Corante azul de indigotina, Álcool etílico.


Porcentagem da Ingestão Diária Recomendada (IDR) por comprimido:

Conteúdo

IDR (%)

fumarato ferroso 107,4%
acetato de retinol (Vitamina1 A) 250%
colecalciferol (Vitamina1 D3) 250%
ácido ascórbico (Vitamina1 C) 162,4%
cloridrato de tiamina (Vitamina1 B1) 125%
riboflavina (Vitamina1 B2) 130,77%
cloridrato de piridoxina (Vitamina1 B6) 65%
cianocobalamina (Vitamina1 B12) 250%
pantotenato de cálcio 0,01%
nicotinamida (Vitamina1 PP) 125%
carbonato de cálcio 12%
sulfato de manganês 22,60%
óxido de zinco 8,57%
carbonato de magnésio 1,09%

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Utilizado nas dietas restritivas, gravidez2 e lactação3, pré e pós-operatório, nas doenças prolongadas, durante a fase de crescimento e em pacientes idosos.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Este medicamento contém uma associação de vitaminas e sais minerais de grande importância para o organismo humano.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Este medicamento é contraindicado em pacientes parksonianos que estejam usando levodopa pura.

Não deve ser utilizado durante a gravidez2 e a amamentação4, exceto sob orientação médica. Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se ocorrer gravidez2 ou iniciar amamentação4 durante o uso deste medicamento.

Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas5, procure orientação médica ou de seu cirurgião-dentista.

Este medicamento contém a vitamina1 B6 (Piridoxina), portanto, seu uso deve ser evitado em pacientes com doença de Parkinson6 que estejam fazendo uso de levodopa pura.

Gravidez2 e Lactação3

Não deve ser utilizado durante a gravidez2 e a amamentação4, exceto sob orientação médica.

Informe seu médico a ocorrência de gravidez2 na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar ao médico se está amamentando.

Interações medicamentosas

Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início ou durante o tratamento. O uso deste junto com outros medicamentos (principalmente antibióticos) deve ser orientado pelo médico.

Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

ONDE E COMO DEVO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Cuidados de conservação

Este medicamento deve ser guardado dentro da embalagem original, à temperatura entre 15 e 30 ºC, ao abrigo da luz e umidade. Nestas condições, o prazo de validade da apresentação é de 24 meses, a partir da data de fabricação. Ao adquirir o medicamento, confira sempre o prazo de validade impresso na embalagem do produto. Nunca tome medicamento com prazo de validade vencido.

Características físicas e organolépticas do produto

Comprimidos revestidos de cor azul. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Uso por via oral – administrado pela boca7.

Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.

Posologia

Adultos e Crianças acima de 12 anos: um comprimido ao dia, ou a critério médico.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?

Podem ocorrer constipação8 intestinal, ligeiras cólicas9 abdominais, escurecimento e amolecimento das fezes, que regridem com a continuidade do tratamento. Possibilidade de reações alérgicas a um dos componentes da fórmula.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA GRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SÓ VEZ?

Na eventualidade de ingestão acidental de doses muito acima das preconizadas, recomenda-se adotar as medidas habituais de controle das funções vitais, como: levar o paciente para ambiente adequadamente aerado, manter as vias respiratórias livres, afrouxar as roupas e procurar imediatamente orientação médica.

DIZERES LEGAIS


Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas5 procure orientação médica.
 

M.S. 1.1557.0056.001-6
Farm. Resp.: Rosa Lúcia Carneiro da Silva - CRF-PE 1938

Hebron Farmacêutica - Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação Tecnológica
CNPJ 05.314.980/0001-10
INFAN - INDÚSTRIA QUÍMICA FARMACÊUTICA NACIONAL S/A
CNPJ.: 08.939.548/0001-03
Rodovia BR 232, Km 136 - Bairro Agamenom Magalhães - Caruaru - PE
CEP: 55.034-640 - Indústria Brasileira


SAC 0800 724 2022

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Vitamina: Compostos presentes em pequenas quantidades nos diversos alimentos e nutrientes e que são indispensáveis para o desenvolvimento dos processos biológicos normais.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
3 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
4 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
5 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
6 Doença de Parkinson: Doença degenerativa que afeta uma região específica do cérebro (gânglios da base), e caracteriza-se por tremores em repouso, rigidez ao realizar movimentos, falta de expressão facial e, em casos avançados, demência. Os sintomas podem ser aliviados por medicamentos adequados, mas ainda não se conhece, até o momento, uma cura definitiva.
7 Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
8 Constipação: Retardo ou dificuldade nas defecações, suficiente para causar desconforto significativo para a pessoa. Pode significar que as fezes são duras, difíceis de serem expelidas ou infreqüentes (evacuações inferiores a três vezes por semana), ou ainda a sensação de esvaziamento retal incompleto, após as defecações.
9 Cólicas: Dor aguda, produzida pela dilatação ou contração de uma víscera oca (intestino, vesícula biliar, ureter, etc.). Pode ser de início súbito, com exacerbações e períodos de melhora parcial ou total, nos quais o paciente pode estar sentindo-se bem ou apresentar dor leve.

Tem alguma dúvida sobre Suplan?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.