DEXMINE

Grupo Cimed

Atualizado em 08/12/2014

DEXMINE    
 
CLASSE TERAPÊUTICA1: ANTI-HISTAMÍNICO ANTIALÉRGICO ANTIINFLAMATÓRIO
PRINCÍPIO ATIVO: BETAMETASONA + MALEATO DE DEXCLORFENIRAMINA

Forma Farmacêutica e Apresentação de Dexmine

Xarope: Frasco com 120 ml Comprimido: Caixa 20 comprimidos

Composição de Dexmine

Xarope:Cada 5 ml contém: Betametasona 0,25 mg Maleato de dexclorfeniramina 2 mg
Comprimido:Cada comprimido contém: Betametasona 0,25 mg Maleato de dexclorfeniramina 2 mg

Indicação de Dexmine

DEXMINE é indicado no tratamento adjuvante das afecções2 alérgicas do aparelho respiratório3.

Contra-Indicações de Dexmine

Este medicamento é contra-indicado em pacientes com infecção4 sistêmica por fungos, em prematuros e recém-natos, nos pacientes que estejam recebendo terapia com inibidores da MAO5, e nos que demonstrarem hipersensibilidade a qualquer dos componentes de sua fórmula.

Posologia de Dexmine

Adultos: a dose inicial recomendada para adultos e crianças maiores de 12 anos é de 1 a 2 comprimidos (ou duas colheres das de chá do xarope) 3 a 4 vezes por dia após as refeições e ao deitar. A dose não deverá exceder a 8 comprimidos (ou 8 colheres das de chá do xarope) por dia. Crianças de 2 a 6 anos: A dose recomendada é de 1/2 comprimido (ou 1/2 colher das de chá do xarope), 3 vezes por dia. Em crianças de menor idade, a dose deve ser ajustada de acordo com a gravidade da doença e o peso corporal.

Referência de Dexmine

Celestamine*
*Marca registrada do laboratório Schering Plough.

Ao persistirem os sintomas6, o médico deverá ser consultado.

Reg. MS. 1.4381.0082

DEXMINE - Laboratório

Grupo Cimed
Av. Coronel Armando Rubens Storino, 2750
Pouso Alegre/MG - CEP: 37550 000
Tel: 0800-704 4647
Site: http://www.grupocimed.com.br/
CNPJ: 02.814.497/0002-98

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Terapêutica: Terapia, tratamento de doentes.
2 Afecções: Quaisquer alterações patológicas do corpo. Em psicologia, estado de morbidez, de anormalidade psíquica.
3 Aparelho respiratório: O aparelho respiratório transporta o ar do meio externo aos pulmões e vice-versa e promove a troca de gases entre o sangue e o ar.
4 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
5 Mão: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
6 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.

Tem alguma dúvida sobre DEXMINE?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.