BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos

Resultados encontrados para Alcoolismo:

Cirurgia bariátrica. O que é isso?

A adesão ao tratamento deverá ser avaliada, uma vez que pacientes instáveis psicologicamente podem recorrer a preparações de alta densidade calórica, de baixa qualidade nutricional, colocando em risco o sucesso da intervenção a longo prazo. Existem contra-indicações para a realização desta cirurgia como, por exemplo, cirrose hepática, algumas doenças renais e psiquiátricas graves, vícios (droga, alcoolismo) e disfunções hormonais. Todas devem ser avaliadas por profissionais com prática e conhecimento aprofundado neste assunto. - [Mais...]

FDA alerta: Byetta (exenatida) foi associado a pancreatite necrotizante ou hemorrágica e deve ser descontinuado nesses casos

Desde da primeira informação do FDA para profissionais de saúde, em outubro de 2007, foram recebidos relatos de seis novos casos de pancreatite necrotizante ou hemorrágica em pacientes em uso de Byetta. O Byetta é um medicamento usado no tratamento de pacientes diabéticos tipo 2, resistentes ao tratamento com metformina ou sulfoniluréias. Dos seis casos de pancreatite necrotizante ou hemorrágica, todos os pacientes tiveram que ser hospitalizados, dois deles morreram e quatro estavam se ... - [Mais...]

Lançamento de medicamentos: clique e confira as novidades

O novo medicamento pode também ser utilizado na terapia da cistite pós-radiação (pacientes em tratamento radioterápico por câncer) e na profilaxia das infecções urinárias de repetição com bons resultados. ReVia, da Cristália, para tratar o alcoolismo ReVia ou cloridrato de naltrexona é uma medicação antiga usada para bloquear o efeito das substâncias derivadas do ópio, como a morfina e a heroína. - [Mais...]

Vinho e Saúde: confira artigo sobre os benefícios do vinho para a saúde

Em 1865-66, Louis Pasteur, o grande cientista francês nascido na região do Jura (terra dos famosos vin jaune e vin de paille ), empregou o vinho em diversas de suas experiências, declarando que o vinho é "a mais higiênica e saudável das bebidas". Em 1892, durante a grande epidemia de cólera em Hamburgo, o vinho era adicionado à água com intuito de esterilizá-la. A partir do final do século XIX, a visão do vinho como medicamento começou a mudar. O alcoolismo foi definido como doença e os malefícios de seu consumo indiscriminado começaram a ser estudados. Nas décadas de 70 e 80, o consumo de álcool foi fortemente atacado por campanhas de saúde pública exaltando as complicações de seu uso em excesso. - [Mais...]

Confira material de apoio ao paciente: Sou obeso e quero mudar esta realidade

A adesão ao tratamento deverá ser avaliada, uma vez que pacientes instáveis psicologicamente podem recorrer a preparações de alta densidade calórica, de baixa qualidade nutricional, colocando em risco o sucesso da intervenção a longo prazo. Existem contra-indicações para a realização desta cirurgia como, por exemplo, cirrose hepática, algumas doenças renais e psiquiátricas graves, vícios (droga, alcoolismo) e disfunções hormonais. Todas devem ser avaliadas por profissionais com prática e conhecimento aprofundado neste assunto. - [Mais...]

Meritor

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Meritor glimepirida + cloridrato de metformina Comprimidos 2/1000 mg e 4/1000 mg APRESENTAÇÕES Comprimido revestido 2/1000 mg: embalagens com 10 e 30 comprimidos Comprimido revestido 4/1000 mg: embalagens com 10 e 30 comprimidos USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido de Meritor 2/1000 mg contém: glimepirida 2 mg cloridrato de metformina (equivalente a 779,8 mg de metformina base) 1000 mg excipiente q.s.p. 1 comprimido Excipientes: celulose ... - [Mais...]

Rapifen

Opiódes devem ser titulados com cautela em pacientes com qualquer uma das seguintes condições: hipotiroidismo não controlado, doença pulmonar, diminuição da reserva respiratória, alcoolismo, insuficiência hepática ou renal. Tais pacientes, podem necessitar de monitoramento pós-operatório prolongado. Precauções Depressão respiratória, parada respiratória, bradicardia, assistolia, arritmias e hipotensão podem ocorrer. - [Mais...]

Metta SR

São fatores predisponentes: diabetes mal controlado, cetose, jejum prolongado, alcoolismo, insuficiência hepatocelular, assim como qualquer estado de hipoxemia (insuficiência cardíaca congestiva necessitando medicação, infarto agudo do miocárdio, insuficiência respiratória, etc). - [Mais...]

Concerta

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Concerta cloridrato de metilfenidato Comprimidos APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos de liberação prolongada Embalagem com 30 comprimidos USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO ACIMA DE 6 ANOS COMPOSIÇÃO Cada comprimido de Concerta 18 mg contém cloridrato de metilfenidato (correspondente a 15,57 mg de metilfenidato) 18 mg excipiente q.s.p. 1 comprimido Excipientes: macrogol, povidona, ácido succínico, ácido esteárico, butil-hidroxitolueno, óxido de ferro amarelo, ... - [Mais...]

Jurnista TM

Em geral, Jurnista™ não deve ser descontinuado de forma abrupta. Jurnista™ deve ser usado com cautela em pacientes com alcoolismo e outras dependências farmacológicas devido à frequência aumentada de tolerância ao opióide e dependência psicológica observada nessas populações de pacientes. - [Mais...]

Seis-B 300 mg

Em alguns casos é necessário suplementar a quantidade de Piridoxina (vitamina B6), conforme prescrito pelo medico. A sua necessidade de SEIS-B® pode estar aumentada em algumas situações como: alcoolismo, queimaduras, diarreia, dialise, doenças hepáticas ou intestinais, hipertireoidismo, estresse, tratamento com anticoncepcionais contendo estrógenos, ou síndrome de tensão pré-menstrual. - [Mais...]

Neutrofer Fólico (Suspensão oral)

A administração de ácido fólico não é uma terapia apropriada para o tratamento da anemia macrocítica (caracterizada pela presença de glóbulos vermelhos maiores que o usual) e outras anemias megaloblásticas (anemia no qual a medula óssea produz glóbulos vermelhos glóbulos brancos gigantes e imaturos) devidas a deficiência de vitamina B12. Como todos os preparados contendo ferro, Neutrofer Fólico deve ser administrado com cuidado na presença de alcoolismo, inflamação do trato intestinal, doenças hepáticas (doenças do fígado) e nefropatias (doenças dos rins). Pacientes idosos podem necessitar de doses maiores de ferro para corrigir anemia ferropriva (anemia por deficiência de ferro). - [Mais...]

ALTROX

Em geral, os pacientes que não tenham sido previamente tratados com medicação psicotrópica necessitarão de doses menores que aqueles previamente tratados com tranqüilizantes menores, antidepressores ou hipnóticos, ou aqueles que tiveram antecedentes de alcoolismo crônico. Recomenda-se que seja seguido o costume geral de usar a dose eficaz mais baixa para os pacientes idosos ou debilitados, para evitar o desenvolvimento de sedação excessiva ou ataxia. - [Mais...]

Meguanin

Em situações clínicas como insuficiência renal (creatinina maior ou igual a 1,5 mg/dl), insuficiência hepática grave, acidose láctica, insuficiência cardíaca congestiva, infarto do miocárdio, doenças pulmonares crônicas, cirurgia, septicemia, desidratação, hipoxemia, alcoolismo agudo ou crônico. Complicações agudas do diabetes, como acidose metabólica, cetoacidose diabética, coma hiper-osmolar hiperglicêmico, infecção, gangrena. Qualquer outra condição que predisponha à acidose láctica. - [Mais...]

Dimorf LC

insuficiência cardíaca secundária; crise de asma brônquica; arritmia cardíaca; doença pulmonar obstrutiva crônica; hipercabia, aumento da pressão intracraniana e do líquido cérebro-espinhal; lesões cerebrais; tumor cerebral; alcoolismo crônico; tremores; doenças que causam convulsão; pós-cirúrgico de cirurgia de vesícula biliar ou de abdômen, anastomose cirúrgica, administração conjunta com inibidores da MAO ou após um período de 14 dias com este tratamento. - [Mais...]

  • Entrar
  • Cadastrar