FLUVIRAL

HYPERMARCAS

Atualizado em 08/12/2014

FLUVIRAL
Paracetamol
Maleato de clorfeniramina
Cloridrato de fenilefrina

Forma Farmacêutica e Apresentação de Fluviral

Cartucho com 25 blísteres com 6 comprimidos.

Composição de Fluviral

Cada comprimido contém: Paracetamol 400 mg
Maleato de clorfeniramina 4 mg
Cloridrato de fenilefrina 4 mg

Indicações de Fluviral

Rápido alívio dos sintomas1 das gripes e resfriados. Para alívio das dores de cabeça2, febre3, rinite4, tosse, dores musculares, coriza5 e congestão nasal.

Contra-Indicações de Fluviral

Pacientes com hipersensibilidade conhecida a qualquer dos componentes da fórmula. Não deverá ser administrados durante os três primeiros meses de gravidez6 e após esse período deverá ser administrado nos casos de necessidade sob controle médico.

Reações Adversas de Fluviral

As reações adversas são rara, sendo o mais comum o desconforto gástrico. Nos tratamentos prolongados podem surgir discrasias sanguíneas.
A literatura sobre o paracetamol relata, casos de trombocitopenia7, pancitopenia8, agranulocitose9, anemia hemolítica10 e metahemoglobinemia11, já tendo sido relatados casos de aplasia medular.
O uso prolongado pode causar necrose12 papilar renal13.
Reações cutâneas14 têm sido relatadas e incluem principalmente eritema15 e urticárias.
Dependendo da sensibilidade individual do paciente, leve sonolência poderá ocorrer após a primeira dose. Por esse motivo, recomenda-se aos pacientes especial cuidado ao executarem trabalhos mecânicos que requeiram atenção até que sua reação seja observada.

Posologia de Fluviral

Comprimidos (USO ADULTO)
Adultos acima de 12 anos: 1 comprimido 3 ou 4 vezes ao dia ou a critério médico.

FLUVIRAL - Laboratório

HYPERMARCAS
Av. Presidente Juscelino Kubitscheck, 1.830, Torre 3, 5º andar, Itaim Bibi
São Paulo/SP - CEP: 04543-900

SAC Medicamentos: 0800 77 17017
SAC Consumo (Descartáveis, Cosméticos, Alimentos e Limpeza): 0800 011 1145
SAC POMPOM: 0800 770 6606

Ver outros medicamentos do laboratório "HYPERMARCAS"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Cabeça:
3 Febre: É a elevação da temperatura do corpo acima dos valores normais para o indivíduo. São aceitos como valores de referência indicativos de febre: temperatura axilar ou oral acima de 37,5°C e temperatura retal acima de 38°C. A febre é uma reação do corpo contra patógenos.
4 Rinite: Inflamação da mucosa nasal, produzida por uma infecção viral ou reação alérgica. Manifesta-se por secreção aquosa e obstrução das fossas nasais.
5 Coriza: Inflamação da mucosa das fossas nasais; rinite, defluxo.
6 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
7 Trombocitopenia: É a redução do número de plaquetas no sangue. Contrário de trombocitose. Quando a quantidade de plaquetas no sangue é inferior a 150.000/mm³, diz-se que o indivíduo apresenta trombocitopenia (ou plaquetopenia). As pessoas com trombocitopenia apresentam tendência de sofrer hemorragias.
8 Pancitopenia: É a diminuição global de elementos celulares do sangue (glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas).
9 Agranulocitose: Doença causada pela falta ou número insuficiente de leucócitos granulócitos (neutrófilos, basófilos e eosinófilos), que se manifesta como ulcerações na garganta e outras mucosas, seguidas por infecções graves.
10 Anemia hemolítica: Doença hereditária que faz com que os glóbulos vermelhos do sangue se desintegrem no interior dos veios sangüíneos (hemólise intravascular) ou em outro lugar do organismo (hemólise extravascular). Pode ter várias causas e ser congênita ou adquirida. O tratamento depende da causa.
11 Metahemoglobinemia: Condição caracterizada pela presença de um nível mais alto do que o normal de metahemoglobina no sangue. A metahemoglobina é uma forma de hemoglobina que não se liga ao oxigênio. Quando sua concentração está elevada nas hemácias, pode ocorrer uma anemia funcional e uma falta de oxigênio aos tecidos.
12 Necrose: Conjunto de processos irreversíveis através dos quais se produz a degeneração celular seguida de morte da célula.
13 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
14 Cutâneas: Que dizem respeito à pele, à cútis.
15 Eritema: Vermelhidão da pele, difusa ou salpicada, que desaparece à pressão.

Tem alguma dúvida sobre FLUVIRAL?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.