Preço de Natele em Cambridge/SP: R$ 22,48

Natele

BAYER S.A.

Atualizado em 11/04/2019

IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO

Natele
polivitamínico e poliminerais
Cápsula gelatinosa mole

APRESENTAÇÕES

Natele é apresentado na forma farmacêutica de cápsula gelatinosa mole em cartucho contendo blíster com 14 ou 28 cápsulas gelatinosas

USO ORAL
USO ADULTO

COMPOSIÇÃO

Componentes

Quantidade por cápsula

% de IDR (*) para gestantes

retinol (como palmitato) (vit. A)

2664 UI

99,9

colecalciferol (vit. D)

400 UI

200

acetato de tocoferol (vit. E)

10,00 UI

100

acido ascórbico (vit. C)

70,00 mg

127,27

tiamina (como mononitrato) (vit. B1)

3,00 mg

214,29

riboflavina (vit. B2)

3,40 mg

242,86

nicotinamida

17,00 mg

94,44

cloridrato de piridoxina (vit. B6)

4,00 mg

210,53

acido fólico

0,60 mg

169,01

cianocobalamina (vit. B12)

2,20 mcg

84,61

ferro (como fumarato ferroso)

30,00 mg

111,11

zinco (como óxido de zinco)

15,00 mg

136,36

(*) IDR = Ingestão diária recomendada

Excipientes: óleo de soja, glicerídeos de ácidos graxos saturados, lecitina de soja, gelatina, mistura de sorbitol1/glicerina, água destilada, metilparabeno, propilparabeno, dióxido de titânio, óxido de ferro preto em suspensão, óxido de ferro vermelho em suspensão
Outros componentes: este medicamento contém cálcio (como carbonato de cálcio).

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Natele é um suplemento vitamínico-mineral indicado para uso durante o período pré- gestacional, de gravidez2 e amamentação3.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Natele é indicado para suprir as necessidades de vitaminas e minerais durante o período pré- gestacional, na gravidez2 e amamentação3, períodos de grande atividade fisiológica4, nos quais ocorre aumento das necessidades nutricionais diárias.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Natele está contraindicado nos casos de alergia5 comprovada a qualquer um dos componentes de sua formulação.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Advertências e Precauções

Pode ocorrer sensibilização alérgica após administração, por via oral ou parenteral, de qualquer um dos componentes do produto.

Este produto não é indicado para o tratamento de anemia perniciosa6 (um tipo de anemia7).

Este produto não deve ser utilizado em pacientes portadores de hipervitaminose A e/ou D (excesso de vitamina8 A e/ou D no organismo), mau funcionamento dos rins9 (insuficiência renal10), hemossiderose11 (deposição tecidual de ferro sob a forma insolúvel, o que lesa vários tecidos) hipercalcemia (nível elevado de cálcio no sangue12) e hipercalciúria13 (eliminação excessiva de cálcio na urina14). Este produto não deve ser utilizado por períodos prolongados após a gravidez2 e/ou lactação15.

Gravidez2

Categoria D – Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez2.

Interações Medicamentosas

Medicamentos contendo ferro não devem ser utilizados com tetraciclinas (um tipo de antibiótico), pois um componente pode impedir a absorção do outro. Se for realmente necessário o uso concomitante, deve-se respeitar um intervalo mínimo de 2 horas entre a administração dos medicamentos.

Este produto não deve ser administrado em pacientes com doença de Parkinson16 que estão utilizando levodopa (um medicamento utilizado para tratamento da doença de Parkinson16).

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde17.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

O medicamento deve ser mantido em temperatura ambiente (temperatura entre 15°C e 30 °C). Proteger da luz e da umidade.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características organolépticas:

Natele é uma cápsula gelatinosa mole oblonga marrom.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

O não-cumprimento pode ocasionar falhas na obtenção dos resultados.

Tome uma cápsula de Natele ao dia, com ou sem alimentos, ou a critério médico.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

O produto é bem tolerado. Em casos pouco frequentes pode ocorrer prisão de ventre (obstipação18 intestinal).

Podem ocorrer sintomas19 gastrintestinais como, por exemplo, desconforto abdominal, prisão de ventre, gases intestinais, vômito20, diarreia21 e náusea22, durante o uso de polivitamínicos e poliminerais na gestação.

Foram relatadas reações adversas entre mulheres grávidas que iniciaram suplementação23 com polivitamínicos contendo ferro (35 e 60 mg), tais como: prisão de ventre (21 a 23%), náuseas24 e/ou vômito20 (19 a 21%), dor abdominal/ cólicas25 (9 a 11%), queimação/ refluxo ácido (2 a 7%), diarreia21 (2 a 6%).

Em casos isolados, polivitamínicos e poliminerais durante a gestação, podem causar reações alérgicas. Os sintomas19 podem incluir urticária26, inchaço27 facial, respiração difícil/ruidosa, vermelhidão na pele28, aparecimento de lesões29 ou vermelhidão da pele28 (exantema30), bolhas e choque31. Se a reação alérgica32 ocorrer, o tratamento deve ser interrompido e um médico deve ser consultado.

O uso deste medicamento pode provocar possíveis interferências em exames laboratoriais, portanto fale com seu médico. Também informe ao laboratório que você esta tomando Natele.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações adversas indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

DIZERES LEGAIS

 

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

 

MS-1.7056.0036
Farm. Resp.: Dra. Dirce Eiko Mimura
CRF-SP nº 16532

Fabricado por:
Catalent Brasil Ltda. – Sorocaba – SP

Registrado por:
Bayer S.A.
Rua Domingos Jorge, 1100 - Socorro 04779-900 - São Paulo - SP
C.N.P.J. nº 18.459.628/0001-15

 

SAC 0800 7021241

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Sorbitol: Adoçante com quatro calorias por grama. Substância produzida pelo organismo em pessoas com diabetes e que pode causar danos aos olhos e nervos.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
3 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
4 Fisiológica: Relativo à fisiologia. A fisiologia é estudo das funções e do funcionamento normal dos seres vivos, especialmente dos processos físico-químicos que ocorrem nas células, tecidos, órgãos e sistemas dos seres vivos sadios.
5 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
6 Anemia Perniciosa: Doença causada pela incapacidade do organismo absorver a vitamina B12. Mais corretamente, ela se refere a uma doença autoimune que resulta na perda da função das células gástricas parietais, que secretam ácido clorídrico para acidificar o estômago e o fator intrínseco gástrico que facilita a absorção da vitamina B12.
7 Anemia: Condição na qual o número de células vermelhas do sangue está abaixo do considerado normal para a idade, resultando em menor oxigenação para as células do organismo.
8 Vitamina: Compostos presentes em pequenas quantidades nos diversos alimentos e nutrientes e que são indispensáveis para o desenvolvimento dos processos biológicos normais.
9 Rins: Órgãos em forma de feijão que filtram o sangue e formam a urina. Os rins são localizados na região posterior do abdômen, um de cada lado da coluna vertebral.
10 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
11 Hemossiderose: Acúmulo de hemossiderina nos tecidos. A hemossiderina é um pigmento ferroso, amarelo-escuro, encontrado em fagócitos e excretado pela urina, especialmente na hemocromatose e na hemossiderose.
12 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
13 Hipercalciúria: Eliminação de quantidade anormalmente grande de cálcio na urina.
14 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
15 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
16 Doença de Parkinson: Doença degenerativa que afeta uma região específica do cérebro (gânglios da base), e caracteriza-se por tremores em repouso, rigidez ao realizar movimentos, falta de expressão facial e, em casos avançados, demência. Os sintomas podem ser aliviados por medicamentos adequados, mas ainda não se conhece, até o momento, uma cura definitiva.
17 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
18 Obstipação: Prisão de ventre ou constipação rebelde.
19 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
20 Vômito: É a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Pode ser classificado como: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial. Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
21 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.
22 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
23 Suplementação: Que serve de suplemento para suprir o que falta, que completa ou amplia.
24 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
25 Cólicas: Dor aguda, produzida pela dilatação ou contração de uma víscera oca (intestino, vesícula biliar, ureter, etc.). Pode ser de início súbito, com exacerbações e períodos de melhora parcial ou total, nos quais o paciente pode estar sentindo-se bem ou apresentar dor leve.
26 Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.
27 Inchaço: Inchação, edema.
28 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
29 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
30 Exantema: Alteração difusa da coloração cutânea, caracterizada por eritema, com elevação das camadas mais superficiais da pele (pápulas), vesículas, etc. Pode ser produzido por uma infecção geralmente viral (rubéola, varicela, sarampo), por alergias a medicamentos, etc.
31 Choque: 1. Estado de insuficiência circulatória a nível celular, produzido por hemorragias graves, sepse, reações alérgicas graves, etc. Pode ocasionar lesão celular irreversível se a hipóxia persistir por tempo suficiente. 2. Encontro violento, com impacto ou abalo brusco, entre dois corpos. Colisão ou concussão. 3. Perturbação brusca no equilíbrio mental ou emocional. Abalo psíquico devido a uma causa externa.
32 Reação alérgica: Sensibilidade a uma substância específica, chamada de alérgeno, com a qual se entra em contato por meio da pele, pulmões, deglutição ou injeções.

Tem alguma dúvida sobre Natele?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.