BESEROL

Sanofi Aventis Farmacêutica Ltda

Atualizado em 03/06/2015

                               BESEROL

Nova fórmula

Miorrelaxante1/Analgésico2/Antiinflamatório

Composição de Beserol

Carisoprodol 125 mg; Diclofenaco sódico 50 mg; Paracetamol 300 mg; Cafeína 30 mg.

Indicações de Beserol

Reumatismo3, crise de gota4, processos inflamatórios pós-traumáticos, artrite5 aguda, reumatismo3 extra-articular. O miorrelaxante1 carisoprodol inicia sua ação 30 minutos após a administração e tem a duração de 4 a 6 horas. O carisoprodol é rapidamente absorvido, metabolizado pelo fígado6 e eliminado via renal7. Atravessa a barreira placentária e é encontrado no leite materno. O diclofenaco sódico é um antiinflamatório não-esteróide, que inibe a síntese das prostaglandinas8 donde se originam suas propriedades analgésicas, antiinflamatórias e antitérmicas. O paracetamol apresenta principalmente ação antitérmica e analgésica, tanto por mecanismo central como periférico. A cafeína é um estimulante do SNC9, produz alerta mental e assim corrige a sonolência que pode ser causada pelo carisoprodol. A cafeína também potencializa o efeito analgésico2 central das demais substâncias.

Contra-Indicações de Beserol

Contra-indicado nos casos de úlcera péptica10 ativa, hipersensibilidade aos componentes da fórmula, discrasias sangüíneas11, insuficiência cardíaca12, hepática13 ou renal7 graves, hipertensão arterial14 grave, pacientes asmáticos ou alérgicos de um modo geral. Precaução especial de uso em pacientes idosos, e com menos de 14 anos. Não deve ser utilizado durante a gravidez15 e lactação16.

Reações Adversas de Beserol

Distúrbios gastrintestinais, cefaléia17, sonolência, confusão mental, tonturas18 são as reações mais freqüentes.

Posologia de Beserol

A dose mínima diária é de um comprimido de 12 em 12 horas. A posologia deve ser adaptada de acordo com o quadro clínico. A duração do tratamento não deve ultrapassar 10 dias.

Apresentação de Beserol

Cartucho com 12 comprimidos.

SANOFI WINTHROP Farmacêutica Ltda.

BESEROL - Laboratório

Sanofi Aventis Farmacêutica Ltda
Rua Conde Domingos Papais, 413
Suzano/SP - CEP: 08613-010
Site: http://www.sanofi-aventis.com.br
C.N.P.J. 02.685.377/0008-23 - Indústria Brasileira

Ou

Sanofi Aventis Farmacêutica Ltda
Av Brasil, 22.155- Rio de Janeiro - RJ
CNPJ 02.685.377/0019-86 - Indústria Brasileira
Atendimento ao Consumidor 0800-703-0014
www.sanofi-aventis.com.br

Ver outros medicamentos do laboratório "Sanofi Aventis Farmacêutica Ltda"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Miorrelaxante: Produto farmacológico com função de reduzir contratura muscular.
2 Analgésico: Medicamento usado para aliviar a dor. As drogas analgésicas incluem os antiinflamatórios não-esteróides (AINE), tais como os salicilatos, drogas narcóticas como a morfina e drogas sintéticas com propriedades narcóticas, como o tramadol.
3 Reumatismo: Termo que é utilizado em geral para se referir ao conjunto de doenças inflamatórias e degenerativas que afetam as articulações e estruturas vizinhas.
4 Gota: 1. Distúrbio metabólico produzido pelo aumento na concentração de ácido úrico no sangue. Manifesta-se pela formação de cálculos renais, inflamação articular e depósito de cristais de ácido úrico no tecido celular subcutâneo. A inflamação articular é muito dolorosa e ataca em crises. 2. Pingo de qualquer líquido.
5 Artrite: Inflamação de uma articulação, caracterizada por dor, aumento da temperatura, dificuldade de movimentação, inchaço e vermelhidão da área afetada.
6 Fígado: Órgão que transforma alimento em energia, remove álcool e toxinas do sangue e fabrica bile. A bile, produzida pelo fígado, é importante na digestão, especialmente das gorduras. Após secretada pelas células hepáticas ela é recolhida por canalículos progressivamente maiores que a levam para dois canais que se juntam na saída do fígado e a conduzem intermitentemente até o duodeno, que é a primeira porção do intestino delgado. Com esse canal biliar comum, chamado ducto hepático, comunica-se a vesícula biliar através de um canal sinuoso, chamado ducto cístico. Quando recebe esse canal de drenagem da vesícula biliar, o canal hepático comum muda de nome para colédoco. Este, ao entrar na parede do duodeno, tem um músculo circular, designado esfíncter de Oddi, que controla o seu esvaziamento para o intestino.
7 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
8 Prostaglandinas: É qualquer uma das várias moléculas estruturalmente relacionadas, lipossolúveis, derivadas do ácido araquidônico. Ela tem função reguladora de diversas vias metabólicas.
9 SNC: Principais órgãos processadores de informação do sistema nervoso, compreendendo cérebro, medula espinhal e meninges.
10 Úlcera péptica: Lesão na mucosa do esôfago, estômago ou duodeno. Também chamada de úlcera gástrica ou duodenal. Pode ser provocada por excesso de ácido clorídrico produzido pelo próprio estômago ou por medicamentos como antiinflamatórios ou aspirina. É uma doença infecciosa, causada pela bactéria Helicobacter pylori em quase 100% dos casos. Os principais sintomas são: dor, má digestão, enjôo, queimação (azia), sensação de estômago vazio.
11 Discrasias sangüíneas: Qualquer alteração envolvendo os elementos celulares do sangue, glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas.
12 Insuficiência Cardíaca: É uma condição na qual a quantidade de sangue bombeada pelo coração a cada minuto (débito cardíaco) é insuficiente para suprir as demandas normais de oxigênio e de nutrientes do organismo. Refere-se à diminuição da capacidade do coração suportar a carga de trabalho.
13 Hepática: Relativa a ou que forma, constitui ou faz parte do fígado.
14 Hipertensão arterial: Aumento dos valores de pressão arterial acima dos valores considerados normais, que no adulto são de 140 milímetros de mercúrio de pressão sistólica e 85 milímetros de pressão diastólica.
15 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
16 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
17 Cefaleia: Sinônimo de dor de cabeça. Este termo engloba todas as dores de cabeça existentes, ou seja, enxaqueca ou migrânea, cefaleia ou dor de cabeça tensional, cefaleia cervicogênica, cefaleia em pontada, cefaleia secundária a sinusite, etc... são tipos dentro do grupo das cefaleias ou dores de cabeça. A cefaleia tipo tensional é a mais comum (acomete 78% da população), seguida da enxaqueca ou migrânea (16% da população).
18 Tonturas: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.

Tem alguma dúvida sobre BESEROL?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.