HERPEX

UNIAO QUIMICA

Atualizado em 08/12/2014

Cloridrato de Tromantadina

Formas Farmacêuticas e Apresentações de Herpex

Gel - bisnagas contendo 10 g.

USO PEDIÁTRICO E ADULTO

Composição de Herpex

Cada grama1 contém :

cloridrato de tromantadina................10,00mg
                                           Veículo : metilparabeno, ácido sórbico,
                                           lactose2, sorbitol3 a 70%, hidroxietilcelulose,
                                           água deionizada.

Informações ao Paciente de Herpex

                   Após o uso do medicamento, recolocá-lo na caixa. Conserve o produto à temperaturas abaixo de 25º C. Prazo de validade : 2 (dois) anos a partir da data de fabricação.
Não use qualquer medicamento após o prazo de validade.
A interrupção da medicação constitui sustação dos seus efeitos terapêuticos.
Informe seu médico a ocorrência de uma gravidez4 durante o tratamento.
Siga corretamente as indicações de seu médico. Não desaparecendo os sintomas5 ou, no caso do aparecimento de reações diferentes ou desagradáveis, informe seu médico.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE6.

Informações Técnicas de Herpex

                   HERPEX é um produto de ação virustática que provoca um rápido alívio das erupções dérmicas de infecções7 por herpes simples e Zoster8, como por exemplo a sensação de tensão pruriginosa ou dolorosa.
HERPEX evita a formação de vesículas9 ou o desenvolvimento posterior destas; reduz a ocorrência de infecções7 (superinfecções10) ou, no caso de herpes Zoster8, a formação de cicatrizes11, decorrentes do rompimento das vesículas9.
A ação de HERPEX é igualmente eficaz no tratamento da pré-infecção12 e das recidivas13, diminuindo a gravidade e duração da doença e reduzindo a frequência das recidivas13. HERPEX é particularmente recomendável para pacientes14 expostos à complicações graves, como portadores de eczema15 e recém-nascidos.

Indicações de Herpex

                   Infecções7 por herpes simples da pele16 e mucosas17, principalmente na fase inicial, e recidivantes18. Eczema15 herpético. Manifestações dérmicas de herpes Zoster8.

Contra-Indicações de Herpex

                   NÃO USAR O MEDICAMENTO NOS TRÊS PRIMEIROS MESES DE GRAVIDEZ4. HIPERSENSIBILIDADE AO PRINCÍPIO ATIVO.
NO HERPES ZOSTER8 SE DURANTE O TRATAMENTO HOUVER AUMENTO DO ERITEMA19, INCHAÇO20 OU FORMAÇÃO DE LESÕES21 COM PROPAGAÇÃO SOBRE AS REGIÕES CUTÂNEAS22 NÃO ATINGIDAS.

Advertências de Herpex

                   NÃO SE DEVE APLICAR A POMADA EM CASO DE FORMAÇÃO MUITO PRONUNCIADA DE VESÍCULAS9, PRINCIPALMENTE SE ESTAS ESTIVEREM ABERTAS. NÃO É CONHECIDO SE O MEDICAMENTO É EXCRETADO NO LEITE MATERNO.

Precauções de Herpex

                   O TRATAMENTO COM HERPEX DEVE SER INTERROMPIDO SE NÃO HOUVER MELHORA DENTRO DE DOIS DIAS. ISTO É NECESSÁRIO PRINCIPALMENTE NA PROPAGAÇÃO DO ERITEMA19, INCHAÇO20 E LESÕES21 EMERGENTES SOBRE A REGIÃO CUTÂNEA23 VIZINHA.

Gravidez4 de Herpex

                   AINDA NÃO EXISTEM EXPERIÊNCIAS SUFICIENTES SOBRE O USO DURANTE A GRAVIDEZ4. TESTES EM ANIMAIS NÃO MOSTRARAM EVIDÊNCIA DE AÇÃO EMBRIOTÓXICA OU TERATOGÊNICA24.

Interações Medicamentosas de Herpex

                   NÃO É CONHECIDO SE O PRODUTO PRODUZ OU SOFRE INTERAÇÕES COM OUTROS MEDICAMENTOS.

Reações Adversas de Herpex

                   PODE OCORRER HIPERSENSIBILIDADE DA PELE16 (ALERGIA25 DE CONTATO), INCLUINDO CASOS EM QUE O PRODUTO JÁ TENHA SIDO USADO ANTERIORMENTE COM BOA TOLERABILIDADE DURANTE LONGO PERÍODO DE TEMPO. A HIPERSENSIBILIDADE PODE MANIFESTAR-SE EM FORMA DE PELE16 AVERMELHADA, AUMENTO DO PRURIDO26, FORMAÇÃO DE VESÍCULAS9 E NÓDULOS. NESTES CASOS O TRATAMENTO DEVERÁ SER SUSPENSO.

Posologia de Herpex

Herpex

Salvo prescrição médica em contrário, aplicar no mínimo 3 vezes ao dia ou mais se necessário, quantidade suficiente do gel sobre as lesões21 para cobrir totalmente o foco herpético; em seguida friccionar suavemente.


ATENÇÃO : Este produto é um novo medicamento e embora as pesquisas realizadas tenham indicado eficácia e segurança quando corretamente indicado, podem ocorrer reações adversas imprevisíveis ainda não descritas ou conhecidas. Em caso de suspeita de reação adversa o médico responsável deve ser notificado.

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

HERPEX - Laboratório

UNIAO QUIMICA
Rua Cel. Luiz Tenório de Brito, 90
Embu-Guaçu/SP - CEP: 06900-000
Tel: SAC 0800 11 1559

Ver outros medicamentos do laboratório "UNIAO QUIMICA"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Grama: 1. Designação comum a diversas ervas da família das gramíneas que formam forrações espontâneas ou que são cultivadas para criar gramados em jardins e parques ou como forrageiras, em pastagens; relva. 2. Unidade de medida de massa no sistema c.g.s., equivalente a 0,001 kg . Símbolo: g.
2 Lactose: Tipo de glicídio que possui ligação glicosídica. É o açúcar encontrado no leite e seus derivados. A lactose é formada por dois carboidratos menores, chamados monossacarídeos, a glicose e a galactose, sendo, portanto, um dissacarídeo.
3 Sorbitol: Adoçante com quatro calorias por grama. Substância produzida pelo organismo em pessoas com diabetes e que pode causar danos aos olhos e nervos.
4 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
5 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
6 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
7 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
8 Zoster: Doença produzida pelo mesmo vírus que causa a varicela (Varicela-Zóster). Em pessoas que já tenham tido varicela, o vírus se encontra em forma latente e pode ser reativado produzindo as características manchas avermelhadas, vesículas e crostas no território de distribuição de um determinado nervo. Como seqüela pode deixar neurite, com dores importantes.
9 Vesículas: Lesões papulares preenchidas com líquido claro.
10 Superinfecções: Geralmente ocorrem quando os antibióticos alteram o equilíbrio do organismo, permitindo o crescimento de agentes oportunistas, como os enterococos. As superinfecções podem ser muito difícil de tratar, porque é necessário optar por antibióticos eficazes contra todos os agentes que podem causá-las.
11 Cicatrizes: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.
12 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
13 Recidivas: 1. Em medicina, é o reaparecimento de uma doença ou de um sintoma, após período de cura mais ou menos longo; recorrência. 2. Em direito penal, significa recaída na mesma falta, no mesmo crime; reincidência.
14 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
15 Eczema: Afecção alérgica da pele, ela pode ser aguda ou crônica, caracterizada por uma reação inflamatória com formação de vesículas, desenvolvimento de escamas e prurido.
16 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
17 Mucosas: Tipo de membranas, umidificadas por secreções glandulares, que recobrem cavidades orgânicas em contato direto ou indireto com o meio exterior.
18 Recidivantes: Característica da doença que recidiva, que acontece de forma recorrente ou repetitiva.
19 Eritema: Vermelhidão da pele, difusa ou salpicada, que desaparece à pressão.
20 Inchaço: Inchação, edema.
21 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
22 Cutâneas: Que dizem respeito à pele, à cútis.
23 Cutânea: Que diz respeito à pele, à cútis.
24 Teratogênica: Agente teratogênico ou teratógeno é tudo aquilo capaz de produzir dano ao embrião ou feto durante a gravidez. Estes danos podem se refletir como perda da gestação, malformações ou alterações funcionais ou ainda distúrbios neurocomportamentais, como retardo mental.
25 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
26 Prurido: 1.    Na dermatologia, o prurido significa uma sensação incômoda na pele ou nas mucosas que leva a coçar, devido à liberação pelo organismo de substâncias químicas, como a histamina, que irritam algum nervo periférico. 2.    Comichão, coceira. 3.    No sentido figurado, prurido é um estado de hesitação ou dor na consciência; escrúpulo, preocupação, pudor. Também pode significar um forte desejo, impaciência, inquietação.

Tem alguma dúvida sobre HERPEX?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.