AMIRETIC

BIOLABFARMA

Atualizado em 03/06/2015

                               
AMIRETIC

Hidroclorotiazida/Cloridrato de amilorida

Forma Farmacêutica e Apresentação de Amiretic

Comprimido. Caixa com 30 comprimidos de 50/5 mg.

Composição de Amiretic

Cada comprimido contém: Cloridrato de amilorida 5 mg; Hidroclorotiazida 50 mg; Excipiente q.s.p. 1 comprimido.

Informações Técnicas de Amiretic

Indicações de Amiretic

Como agente diurético1/anti-hipertensivo, indicado no tratamento de pacientes com insuficiência cardíaca congestiva2, nos quais a terapêutica3 diurética concomitantemente pode conseguir diurese4 mais satisfatória; de pacientes em que exista ou se possa esperar excessiva perda de potássio ou alcalose5, e de pacientes portadores de hipertensão6 de leve a moderada.

Posologia e Modo de Usar de Amiretic

Hipertensão6: A posologia usual é de 1 a 2 comprimidos ao dia. Se necessário, esta posologia pode ser aumentada, mas não deve exceder 4 comprimidos diários. Edema7 de origem cardíaca: A posologia ótima se determina pela resposta diurética e pelo nível de potássio sérico. O tratamento pode ser iniciado com 1 a 2 comprimidos diários, e uma vez alcançado o início da diurese4, deve-se tentar a redução posológica para a terapia de manutenção. Esta pode ser instituída em base intermitente8. Não exceder 4 comprimidos ao dia. Cirrose9 hepática10 com ascite11: O tratamento deve ser iniciado com 1 comprimido diário. Se necessário, a posologia pode ser aumentada gradualmente até haver diurese4 eficaz. A posologia não deve exceder 4 comprimidos diários. As doses de manutenção podem ser mais baixas que as requeridas para início da diurese4. Portanto, deve-se tentar a redução da dose diária quando o peso do paciente já está estabelecido. Nos pacientes cirróticos é especialmente desejável a redução gradual de peso, a fim de reduzir a probabilidade de reações adversas associadas com a terapia diurética.

Venda Sob Prescrição Médica.

BIOLAB Farmacêutica.


AMIRETIC - Laboratório

BIOLABFARMA
Rua Olimpíadas, 242, 3° andar. Vila Olímpia.
São Paulo/SP - CEP: 04551-000
Tel: 55 11 3573-6000

Ver outros medicamentos do laboratório "BIOLABFARMA"

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Diurético: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
2 Insuficiência Cardíaca Congestiva: É uma incapacidade do coração para efetuar as suas funções de forma adequada como conseqüência de enfermidades do próprio coração ou de outros órgãos. O músculo cardíaco vai diminuindo sua força para bombear o sangue para todo o organismo.
3 Terapêutica: Terapia, tratamento de doentes.
4 Diurese: Diurese é excreção de urina, fenômeno que se dá nos rins. É impróprio usar esse termo na acepção de urina, micção, freqüência miccional ou volume urinário. Um paciente com retenção urinária aguda pode, inicialmente, ter diurese normal.
5 Alcalose: Desequilíbrio do meio interno, produzido por uma diminuição na concentração de íons hidrogênio ou aumento da concentração de bases orgânicas nos líquidos corporais.
6 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
7 Edema: 1. Inchaço causado pelo excesso de fluidos no organismo. 2. Acúmulo anormal de líquido nos tecidos do organismo, especialmente no tecido conjuntivo.
8 Intermitente: Nos quais ou em que ocorrem interrupções; que cessa e recomeça por intervalos; intervalado, descontínuo. Em medicina, diz-se de episódios de febre alta que se alternam com intervalos de temperatura normal ou cujas pulsações têm intervalos desiguais entre si.
9 Cirrose: Substituição do tecido normal de um órgão (freqüentemente do fígado) por um tecido cicatricial fibroso. Deve-se a uma agressão persistente, infecciosa, tóxica ou metabólica, que produz perda progressiva das células funcionalmente ativas. Leva progressivamente à perda funcional do órgão.
10 Hepática: Relativa a ou que forma, constitui ou faz parte do fígado.
11 Ascite: Acúmulo anormal de líquido na cavidade peritoneal. Pode estar associada a diferentes doenças como cirrose, insuficiência cardíaca, câncer de ovário, esquistossomose, etc.
Artigos relacionados

Tem alguma dúvida sobre AMIRETIC?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.