Preço de Diupress em Cambridge/SP: R$ 21,36

Diupress

EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A.

Atualizado em 12/03/2021

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

Diupress®
clortalidona + cloridrato de amilorida
Comprimido 25 mg + 5 mg

FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES:

Comprimido
Embalagem com 20 comprimidos

USO ORAL
USO ADULTO

COMPOSIÇÃO:

Cada comprimido de Diupress® contém:

clortalidona 25 mg
cloridrato de amilorida di-hidratada (equivalente a 3,8 mg de amilorida anidra) 5 mg
excipiente q.s.p. 1 comprimido

Excipientes: lactose, estearato de magnésio, talco, corante amarelo de tartrazina, fosfato de cálcio anidro amido, povidona, laurilsulfato de sódio e amido.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Este medicamento é destinado ao tratamento de pressão alta (hipertensão arterial) de qualquer causa.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

O Diupress® aumenta a eliminação de água, sódio e cloro pelos rins, aliviando o acúmulo de água no organismo. Os medicamentos que apresentam esse mesmo modo de ação são chamados de diuréticos. Devido ao efeito da amilorida do Diupress®, a perda de potássio, tão comum com o uso de outros tipos de diuréticos, torna-se menos importante.

O efeito diurético tem início em cerca de 2 (duas) horas e alcança seu máximo após 12 (doze) horas, persistindo por 1 (um) ou 2 (dois) dias.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Esse medicamento não deve ser usado em pacientes que apresentam hipersensibilidade (alergia) conhecida à amilorida, à clortalidona, ou a qualquer um dos componentes da fórmula. Ele também não deve ser utilizado por pacientes que não têm capacidade de urinar por apresentarem falência total dos rins e por pacientes que apresentam altas taxas de potássio no sangue, assim como por pacientes com diagnóstico de doenças renais graves, como insuficiência renal aguda.

Diupress® não deve ser usado nos três primeiros meses de gravidez.

Este medicamento é contraindicado durante os três primeiros meses de gravidez e só deve ser utilizado após este período, sob supervisão médica rigorosa.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Durante o tratamento com Diupress® (clortalidona +cloridrato de amilorida), aconselha-se alimentação rica em verduras e frutas (especialmente frutas cítricas, banana, suco de tomate e melão).

Evite a ingestão de bebidas alcoólicas, que podem aumentar alguns dos eventos adversos da clortalidona.

Gravidez e Lactação

Categoria de risco para gravidez: D – Há evidências de risco em fetos humanos. Só usar se o benefício justificar o risco potencial. Em situação de risco de vida ou em caso de doenças graves para as quais não se possa utilizar drogas mais seguras, ou se estas drogas não forem eficazes.

Durante a gravidez, o Diupress® (clortalidona + cloridrato de amilorida) pode, como outros diuréticos, reduzir o volume do plasma, assim como a irrigação do útero e da placenta, devendo por essa razão ser evitado em mulheres grávidas. Nos casos de aumento da pressão arterial, durante a gravidez, os diuréticos deverão ser usados somente sob supervisão direta do médico, levando em consideração os benefícios em relação ao risco potencial.

Como outros diuréticos, o uso de Diupress® (clortalidona + cloridrato de amilorida), durante a gravidez, deverá ser avaliado cuidadosamente pelo médico. Informe ao médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento, ou após seu término. Informe o médico se está amamentando. Como a clortalidona passa para o leite, as mães que estiverem usando Diupress® (clortalidona + cloridrato de amilorida) não deverão amamentar.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas, sem orientação médica, ou do cirurgião-dentista.

Populações especiais

Diupress® deve ser usado com cautela, em pacientes, com função hepática diminuída, ou doença hepática progressiva, pois pequenas alterações no balanço de líquidos do organismo podem precipitar coma hepático. Da mesma forma, Diupress ® deve ser usado com cautela, em pacientes, com doença renal avançada.

Em pacientes idosos, é recomendável que se inicie o tratamento com doses mais baixas, devido à maior frequência de alterações renais, cardíacas e hepáticas nesta faixa etária.

A clortalidona provoca aumento das taxas de ácido úrico e de glicose no sangue, devendo ser administrada, com cuidados especiais, a pacientes com diagnóstico de gota ou diabetes.

Informações importantes sobre um dos componentes do medicamento

Este produto contém o corante amarelo de TARTRAZINA, que pode causar reações de natureza alérgica, entre as quais asma brônquica, especialmente em pessoas alérgicas ao ácido acetilsalicílico.

Este medicamento pode causar doping

Informe ao seu médico, ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Cuidados de conservação

Conservar em temperatura ambiente (15–30°C). Proteger da umidade.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido.

Para sua segurança, mantenha o medicamento na embalagem original.

Características físicas e organolépticas do produto

O produto apresenta-se como comprimido circular biconvexo, com vinco em um dos lados e liso do outro, de cor amarela.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso você observe alguma mudança no aspecto do medicamento que ainda esteja no prazo de validade, consulte o médico ou o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Os comprimidos deverão ser deglutidos com um pouco de líquido, por ocasião do desjejum. Para obter o máximo de eficácia, utilize a medicação no horário e na dose exata estipulada por seu médico.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento de seu médico.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Use a medicação assim que se lembrar de que esqueceu uma dose. Se o horário estiver próximo ao que seria a dose seguinte, pule a dose perdida e siga o horário das outras doses normalmente. Não dobre a dose para compensar a dose omitida.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico, ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Informe a seu médico o aparecimento de qualquer reação desagradável.

Os eventos adversos são apresentados em ordem de frequência decrescente a seguir:

Comuns > 1/100 e < 1/10 (> 1% e < 10%):

  • Dermatológico: sensibilidade aumentada à luz.
  • Sistema nervoso central: dor de cabeça, cansaço, tontura.
  • Endócrino e metabolismo: desidratação, aumento do tecido mamário, redução nas concentrações plasmáticas de sódio.
  • Gastrointestinal: perda de apetite, desconforto gástrico, náusea, diarreia, vômito, dor abdominal, aumento dos gases abdominais, constipação
  • Genitourinário: impotência.
  • Muscular: cãimbras e fraqueza.
  • Respiratório: tosse e falta de ar.

Incomuns > 1/1.000 e < 1/100 (> 0,1% e < 1%): Redução das contagens de glóbulos brancos e de plaquetas, anemia, arritmias, falta de ar, dores no peito, pressão baixa ao levantar, palpitações, inflamação nos vasos, inflamação na vesícula biliar, dor para urinar, sangramento intestinal, icterícia, pancreatite, vômito, contrações na bexiga, aumento do volume urinário, gota, aumento das concentrações plasmáticas de cálcio, aumento da glicemia, redução das concentrações plasmáticas de sódio, vermelhidão na pele, queda de cabelo, urticária, formigamentos, aumento da pressão intraocular.

Informe a seu médico, cirurgião-dentista, ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento, tais como: erupção cutânea, sede intensa e cansaço importante. Informe também a empresa através de seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Os sintomas de superdose incluem: náuseas, fraqueza, tontura, boca seca, sede e cãibras. Podem ocorrer alterações nas concentrações sanguíneas de alguns eletrólitos (tais como o potássio, o sódio e o cloro).

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem, ou bula do medicamento, se possível.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações sobre como proceder.

DIZERES LEGAIS


VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA
 

MS - 1.0043.0981s
Responsável Técnica: Dra. Sônia Albano Badaró – CRF-SP 19.258

Registrado por:
EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A
Av. Vereador José Diniz, 3.465 - São Paulo - SP
CNPJ: 61.190.096/0001-92
Indústria Brasileira

Fabricado por:
EUROFARMA LABORATÓRIOS S.A.
Rod. Presidente Castelo Branco, km 35,6
CNPJ: 61.190.096/0008-69
Indústria Brasileira

Comercializado por:
SUPERA RX MEDICAMENTOS LTDA.
Rua Guará S/N, Quadra 04/05/06 Galpão 08
Aparecida de Goiânia - GO


SAC 0800 708 1818

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

Artigos relacionados

Tem alguma dúvida sobre Diupress?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.