Preço de Contractubex em Wilmington/SP: R$ 64,54

Contractubex

BIOLAB SANUS FARMACÊUTICA LTDA

Atualizado em 15/08/2019

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

CONTRACTUBEX®
cepalin + alantoína + heparina sódica
Gel

APRESENTAÇÕES

Gel 
Bisnaga com 20g e 50g

USO TÓPICO1
USO ADULTO E PEDIÁTRICO

COMPOSIÇÃO

Cada g do gel contém:

cepalin® 100 mg
alantoína 10 mg
heparina sódica (50 UI) 0,4 mg
excipiente q.s.p. 1 g

Excipientes: ácido sórbico, metilparabeno, goma xantana, macrogol, óleo perfumado, água purificada.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

O seu médico lhe receitou Contractubex® para o tratamento de cicatrizes2 com o objetivo de melhorar a qualidade da cicatrização e prevenir o aparecimento de cicatrizes2 hipertróficas (de tamanho aumentado) e queloídes (cicatriz3 elevada e de formato irregular).

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Contractubex® é um produto combinado à base de Cepalin (extrato de Allii cepae L.), alantoína e heparina. O Cepalin atua como antiinflamatório e possui efeito antialérgico e ação antibacteriana. Essas propriedades estimulam a reparação da pele4 além de conter a formação de cicatrizes2 anormais. A heparina possui propriedades antiinflamatórias, antialérgicas, antiproliferativas e promove a hidratação do tecido5 endurecido causando um relaxamento das cicatrizes2. A alantoína possui propriedades cicatrizantes, queratoliticas (impede formação de queratina na pele4), hidratantes, epitelizantes (formadora de tecido5 da pele4) e antiirritantes. Além disso, a alantoína possui um efeito suavizante que diminui o prurido6 associado a formação de cicatrizes2. Esses ativos, juntos, promovem um alto efeito na contenção da formação de cicatrizes2.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Contractubex® não deve ser usado por pessoas com alergia7 aos componentes da fórmula.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Advertências

Evitar irritações locais, tais como exposições ao frio intenso, luz ultravioleta ou massagens muito fortes durante o tratamento de cicatrizes2 recentes. Contractubex® contém metilparabeno, que pode causar reações alérgicas. Contractubex® contém ácido sórbico, que pode causar reações de alergia7 na pele4.

Gravidez8 e Lactação9

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Não há restrições específicas para o uso no período de lactação9 (amamentação10).

Uso em crianças

Não há restrições específicas para o uso em crianças.

Uso em idosos

Não há restrições específicas para o uso em idosos

Insuficiência hepática11/renal12

Não há restrições específicas para o uso em pessoas com insuficiência hepática11 (doença do fígado13) ou renal12 (doença dos rins14).

Não são conhecidos efeitos de doping.

Interações Medicamentosas

Não são conhecidas até o momento interações entre o Contractubex® gel e outros medicamentos de uso tópico1 nem interferência em testes laboratoriais.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESSE MEDICAMENTO?

Cuidados de conservação

Mantenha Contractubex® guardado em lugar fresco, temperatura ambiente (15 a 30ºC).
Este medicamento é valido por 24 meses a partir da data de fabricação.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido.
Para sua segurança, mantenha o medicamento na embalagem original.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance de crianças.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Este medicamento deve ser administrado somente pela via recomendada para evitar riscos desnecessários.

Em geral Contractubex® é aplicado no local 2 vezes ao dia ou conforme orientação médica.

Aplicar o produto com massagem moderada sobre a pele4 ou tecido5 escarificado (com feridas) até completa absorção do gel.

Nos casos de cicatrizes2 antigas ou endurecidas o produto pode ser aplicado utilizando-se uma gaze de proteção durante a noite.

Dependendo do tamanho da cicatriz3 ou da contratura, o tratamento será necessário durante várias semanas.

No caso de tratamento de cicatrizes2 recentes, evitar qualquer irritação na pele4, por exemplo, frio extremo, luz ultravioleta ou massagens fortes. Em cicatrizes2 recentes, é adequado iniciar a utilização de Contractubex®, 7 a 10 dias após a retirada dos pontos cirúrgicos, ou conforme orientação médica.

Pacientes com insuficiência renal15 (doença dos rins14) e/ou hepática16 (doença no fígado13): não é necessário ajuste de dose, recomenda-se a mesma dose para a população em geral.

Pacientes pediátricos (crianças): recomenda-se a mesma dose para adultos.

Pacientes idosos: recomenda-se a mesma dose para adultos.

Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do médico ou do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas17, procure seu médico ou cirurgião dentista.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

No caso de esquecer-se de usar este medicamento, você deve usar quando se lembrar.

Em caso de dúvida, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Qualquer medicamento pode apresentar efeitos inesperados ou indesejáveis, denominados, reações adversas. As seguintes reações adversas foram relatadas

Reação comum (ocorre entre 1% e 10% dos pacientes que utilizam este emdicamento): prurido6, eritema18 (coloração avermelhada da pele4), telangiectasia19 (dilatação anormal dos vasos sanguíneos20), atrofia21 da cicatriz3.

Reação incomum (ocorre entre 0,1% e 1% dos pacientes que utilizam este emdicamento): hiperpigmentação da pele4 (escurecimento ou aparecimento de manchas na pele4), atrofia21 da pele4.

Reações com frequência desconhecida: dor no local de aplicação e inchaço22 local, urticária23, irritação da pele4, pápula24 (aparecimento de nódulo25 na pele4), inflamação26 da pele4, sensação de queimação na pele4, sensação de espessamento da pele4, hipersensibilidade (reação alérgica27), rash28 pustular (erupção29 da pele4).

Em geral, Contractubex® é bem tolerado, mesmo utilizado por longos períodos de tempo. A coceira, uma reação incomum observada durante o tratamento com Contractubex®, é uma manifestação da cicatrização e geralmente não requer descontinuação do tratamento.

Informar ao seu médico, cirurgião dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento.

Informe a empresa sobre o aparecimento de reações indesejáveis e problemas com este medicamento, entrando em contato através do Sistema de Atendimento ao Consumidor (SAC).

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Não são conhecidos casos de superdose. Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível.

Em caso de intoxicação ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações sobre como proceder.

DIZERES LEGAIS


Siga corretamente o modo de usar, não desaparecendo os sintomas17 procure orientação médica.
 

Registro MS – 1.0974.0132
Farm. Resp.: Dr. Dante Alario Junior - CRF-SP nº 5143

Fabricado por:
Avert Laboratórios Ltda.
Rua Domingos Graziano, 104 - Araras - SP
CEP 13600-718 - CNPJ 44.211.936/0001-37
Indústria Brasileira

Registrado por:
Biolab Sanus Farmacêutica Ltda.
Av. Paulo Ayres, 280 - Taboão da Serra - SP CEP 06767-220
CNPJ 49.475.833/0001-06
Indústria Brasileira


SAC 0800 724 6522

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc.
2 Cicatrizes: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.
3 Cicatriz: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.
4 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
5 Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
6 Prurido: 1.    Na dermatologia, o prurido significa uma sensação incômoda na pele ou nas mucosas que leva a coçar, devido à liberação pelo organismo de substâncias químicas, como a histamina, que irritam algum nervo periférico. 2.    Comichão, coceira. 3.    No sentido figurado, prurido é um estado de hesitação ou dor na consciência; escrúpulo, preocupação, pudor. Também pode significar um forte desejo, impaciência, inquietação.
7 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
8 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
9 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
10 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
11 Insuficiência hepática: Deterioração grave da função hepática. Pode ser decorrente de hepatite viral, cirrose e hepatopatia alcoólica (lesão hepática devido ao consumo de álcool) ou medicamentosa (causada por medicamentos como, por exemplo, o acetaminofeno). Para que uma insuficiência hepática ocorra, deve haver uma lesão de grande porção do fígado.
12 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
13 Fígado: Órgão que transforma alimento em energia, remove álcool e toxinas do sangue e fabrica bile. A bile, produzida pelo fígado, é importante na digestão, especialmente das gorduras. Após secretada pelas células hepáticas ela é recolhida por canalículos progressivamente maiores que a levam para dois canais que se juntam na saída do fígado e a conduzem intermitentemente até o duodeno, que é a primeira porção do intestino delgado. Com esse canal biliar comum, chamado ducto hepático, comunica-se a vesícula biliar através de um canal sinuoso, chamado ducto cístico. Quando recebe esse canal de drenagem da vesícula biliar, o canal hepático comum muda de nome para colédoco. Este, ao entrar na parede do duodeno, tem um músculo circular, designado esfíncter de Oddi, que controla o seu esvaziamento para o intestino.
14 Rins: Órgãos em forma de feijão que filtram o sangue e formam a urina. Os rins são localizados na região posterior do abdômen, um de cada lado da coluna vertebral.
15 Insuficiência renal: Condição crônica na qual o corpo retém líquido e excretas pois os rins não são mais capazes de trabalhar apropriadamente. Uma pessoa com insuficiência renal necessita de diálise ou transplante renal.
16 Hepática: Relativa a ou que forma, constitui ou faz parte do fígado.
17 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
18 Eritema: Vermelhidão da pele, difusa ou salpicada, que desaparece à pressão.
19 Telangiectasia: Dilatação permanente da parede de um pequeno vaso sanguíneo localizado na derme.
20 Vasos Sanguíneos: Qualquer vaso tubular que transporta o sangue (artérias, arteríolas, capilares, vênulas e veias).
21 Atrofia: 1. Em biologia, é a falta de desenvolvimento de corpo, órgão, tecido ou membro. 2. Em patologia, é a diminuição de peso e volume de órgão, tecido ou membro por nutrição insuficiente das células ou imobilização. 3. No sentido figurado, é uma debilitação ou perda de alguma faculdade mental ou de um dos sentidos, por exemplo, da memória em idosos.
22 Inchaço: Inchação, edema.
23 Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.
24 Pápula: Lesão firme e elevada, com bordas nítidas e diâmetro que varia de 1 a 5 milímetros (até 1 centímetro, segundo alguns autores).
25 Nódulo: Lesão de consistência sólida, maior do que 0,5cm de diâmetro, saliente na hipoderme. Em geral não produz alteração na epiderme que a recobre.
26 Inflamação: Conjunto de processos que se desenvolvem em um tecido em resposta a uma agressão externa. Incluem fenômenos vasculares como vasodilatação, edema, desencadeamento da resposta imunológica, ativação do sistema de coagulação, etc.Quando se produz em um tecido superficial (pele, tecido celular subcutâneo) pode apresentar tumefação, aumento da temperatura local, coloração avermelhada e dor (tétrade de Celso, o cientista que primeiro descreveu as características clínicas da inflamação).
27 Reação alérgica: Sensibilidade a uma substância específica, chamada de alérgeno, com a qual se entra em contato por meio da pele, pulmões, deglutição ou injeções.
28 Rash: Coloração avermelhada da pele como conseqüência de uma reação alérgica ou infecção.
29 Erupção: 1. Ato, processo ou efeito de irromper. 2. Aumento rápido do brilho de uma estrela ou de pequena região da atmosfera solar. 3. Aparecimento de lesões de natureza inflamatória ou infecciosa, geralmente múltiplas, na pele e mucosas, provocadas por vírus, bactérias, intoxicações, etc. 4. Emissão de materiais magmáticos por um vulcão (lava, cinzas etc.).

Tem alguma dúvida sobre Contractubex?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.