AÇÃO LONIUM

Atualizado em 28/05/2016

LONIUM, cujo princípio ativo é o brometo de otilônio, é usado no tratamento da síndrome1 do intestino irritável e no alívio dos espasmos2 da musculatura lisa do trato gastrointestinal. O brometo de otilônio é um potente agente antiespasmódico, com ação local e de baixa absorção sistêmica.
O brometo de otilônio, quando administrado por via oral (40 mg), é pouco absorvido, apresentando pico da concentração plasmática após 2 horas. A baixa absorção sistêmica do brometo de otilônio também foi observada quando utilizado em altas doses, observando-se pico da concentração plasmática após 1 hora, sendo que, após 4 horas, a concentração da droga no plasma3 era indetectável.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
2 Espasmos: 1. Contrações involuntárias, não ritmadas, de um ou vários músculos, podendo ocorrer isolada ou continuamente, sendo dolorosas ou não. 2. Qualquer contração muscular anormal. 3. Sentido figurado: arrebatamento, exaltação, espanto.
3 Plasma: Parte que resta do SANGUE, depois que as CÉLULAS SANGÜÍNEAS são removidas por CENTRIFUGAÇÃO (sem COAGULAÇÃO SANGÜÍNEA prévia).

Tem alguma dvida sobre AÇÃO LONIUM?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.