CONDUTA NA SUPERDOSAGEM ABRILAR

Atualizado em 28/05/2016


O médico deverá ser informado, caso haja sintomas1 de náuseas2, vômito3 e diarréia4,
pode ser devido à ingestão de quantidades muito altas (mais do que três vezes a
dose diária recomendada), para que se possa ser tomado as medidas cabíveis.

ATENÇÃO: ESTE PRODUTO É UM NOVO MEDICAMENTO E EMBORA AS
PESQUISAS TENHAM INDICADO EFICÁCIA E SEGURANÇA, QUANDO
CORRENTAMENTO INDICADO, PODEM OCORRER REAÇÕES ADVERSAS
IMPREVISÍVEIS, AINDA NÃO DESCRITAS OU CONHECIDAS. EM CASO DE
SUSPEITA DE REAÇÃO ADVERSA O MÉDICO RESPONSÁVEL DEVER SER
NOTIFICADO.
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

Reg. MS: 1.0390.
Farm. Resp. : Dr. Carlos de Azevedo Salles - CRF-RJ nº 2418
Fabricado por Engelhard Arzneimittel Gmbh & Co Kg - Alemanha
Distribuído por FARMOQUÍMICA S/A.
Rua Viúva Cláudio, 300
Rio de Janeiro - RJ
CNPJ: 33.349.473/0003-10
SAC
Serviço de
Atendimento ao
Cliente
0800-250110


Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
3 Vômito: É a expulsão ativa do conteúdo gástrico pela boca. Pode ser classificado como: alimentar, fecalóide, biliar, em jato, pós-prandial. Sinônimo de êmese. Os medicamentos que agem neste sintoma são chamados de antieméticos.
4 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.

Tem alguma dúvida sobre CONDUTA NA SUPERDOSAGEM ABRILAR?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.