REAÇÕES ADVERSAS ATROVERAN COMPOSTO SOLUÇÃO ORAL

Atualizado em 20/09/2017
QUANDO USADO EM DOSES ACIMA DAS RECOMENDADAS, O PRODUTO PODERÁ OCASIONAR NÁUSEAS1, TAQUICARDIA2, TONTEIRA E CONGESTÃO FACIAL. A PAPAVERINA BASE FREQUENTEMENTE CAUSA ELEVAÇÃO DA FOSFATASE ALCALINA3 NO PLASMA4, INDICATIVO DA HEPATOTOXICIDADE5. EM PACIENTES SENSÍVEIS, INDEPENDENTEMENTE DA DOSE, A DIPIRONA PODE PROVOCAR REAÇÕES DE HIPERSENSIBILIDADE.AS MAIS GRAVES, EMBORA BASTANTE RARAS, SÃO CHOQUE6 E DISCRASIAS SANGUÍNEAS (AGRANULOCITOSE7, LEUCOPENIA8 E TROMBOCITOPENIA9), QUE É SEMPRE UM QUADRO MUITO GRAVE. PACIENTES COM HISTÓRIA DE REAÇÃO DE HIPERSENSIBILIDADE A OUTRAS DROGAS OU SUBSTÂNCIAS PODEM CONSTITUIR UM GRUPO DE MAIOR RISCO E APRESENTAR EFEITOS COLATERAIS10 MAIS INTENSOS, ATÉ MESMO CHOQUE6.
NESTE CASO, O TRATAMENTO DEVE SER IMEDIATAMENTE SUSPENSO E SEREM TOMADAS AS PROVIDÊNCIAS MÉDICAS ADEQUADAS. EM SITUAÇÕES OCASIONAIS, PRINCIPALMENTE EM PACIENTES COM HISTÓRICO DE DOENÇA RENAL11 PRÉ-EXISTENTE OU EM CASOS DE SOBREDOSAGEM, HOUVE DISTÚRBIOS RENAIS TRANSITÓRIOS COM OLIGÚRIA12 OU ANÚRIA13, PROTEINÚRIA14 E NEFRITE15 INTERSTICIAL16. PODEM SER OBSERVADOS ATAQUES DE ASMA17 EM PACIENTES PRÉ-DISPOSTOS A TAL CONDIÇÃO.
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc .
2 Taquicardia: Aumento da frequência cardíaca. Pode ser devido a causas fisiológicas (durante o exercício físico ou gravidez) ou por diversas doenças como sepse, hipertireoidismo e anemia. Pode ser assintomática ou provocar palpitações.
3 Fosfatase alcalina: É uma hidrolase, ou seja, uma enzima que possui capacidade de retirar grupos de fosfato de uma distinta gama de moléculas, tais como nucleotídeos, proteínas e alcaloides. Ela é sintetizada por diferentes órgãos e tecidos, como, por exemplo, os ossos, fígado e placenta.
4 Plasma: Parte que resta do SANGUE, depois que as CÉLULAS SANGÜÍNEAS são removidas por CENTRIFUGAÇÃO (sem COAGULAÇÃO SANGÜÍNEA prévia).
5 Hepatotoxicidade: É um dano no fígado causado por substâncias químicas chamadas hepatotoxinas.
6 Choque: 1. Estado de insuficiência circulatória a nível celular, produzido por hemorragias graves, sepse, reações alérgicas graves, etc. Pode ocasionar lesão celular irreversível se a hipóxia persistir por tempo suficiente. 2. Encontro violento, com impacto ou abalo brusco, entre dois corpos. Colisão ou concussão. 3. Perturbação brusca no equilíbrio mental ou emocional. Abalo psíquico devido a uma causa externa.
7 Agranulocitose: Doença causada pela falta ou número insuficiente de leucócitos granulócitos (neutrófilos, basófilos e eosinófilos), que se manifesta como ulcerações na garganta e outras mucosas, seguidas por infecções graves.
8 Leucopenia: Redução no número de leucócitos no sangue. Os leucócitos são responsáveis pelas defesas do organismo, são os glóbulos brancos. Quando a quantidade de leucócitos no sangue é inferior a 6000 leucócitos por milímetro cúbico, diz-se que o indivíduo apresenta leucopenia.
9 Trombocitopenia: É a redução do número de plaquetas no sangue. Contrário de trombocitose. Quando a quantidade de plaquetas no sangue é inferior a 150.000/mm, diz-se que o indivíduo apresenta trombocitopenia (ou plaquetopenia). As pessoas com trombocitopenia apresentam tendência de sofrer hemorragias.
10 Efeitos colaterais: 1. Ação não esperada de um medicamento. Ou seja, significa a ação sobre alguma parte do organismo diferente daquela que precisa ser tratada pelo medicamento. 2. Possível reação que pode ocorrer durante o uso do medicamento, podendo ser benéfica ou maléfica.
11 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
12 Oligúria: Clinicamente, a oligúria é o débito urinário menor de 400 ml/24 horas ou menor de 30 ml/hora.
13 Anúria: Clinicamente, a anúria é o débito urinário menor de 400 ml/24 horas.
14 Proteinúria: Presença de proteínas na urina, indicando que os rins não estão trabalhando apropriadamente.
15 Nefrite: Termo que significa 밿nflamação do rim e que agrupa doenças caracterizadas por lesões imunológicas ou infecciosas do tecido renal. Alguns exemplos são a nefrite intersticial por drogas, a glomerulonefrite pós-estreptocócica, etc. Podem manifestar-se por hipertensão arterial, hematúria e dor lombar.
16 Intersticial: Relativo a ou situado em interstícios, que são pequenos espaços entre as partes de um todo ou entre duas coisas contíguas (por exemplo, entre moléculas, células, etc.). Na anatomia geral, diz-se de tecido de sustentação localizado nos interstícios de um órgão, especialmente de vasos sanguíneos e tecido conjuntivo.
17 Asma: Doença das vias aéreas inferiores (brônquios), caracterizada por uma diminuição aguda do calibre bronquial em resposta a um estímulo ambiental. Isto produz obstrução e dificuldade respiratória que pode ser revertida de forma espontânea ou com tratamento médico.

Tem alguma dvida sobre REAÇÕES ADVERSAS ATROVERAN COMPOSTO SOLUÇÃO ORAL?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.