Preço de Saflutan em Fairfield/SP: R$ 110,13

Saflutan

MUNDIPHARMA BRASIL PRODUTOS MÉDICOS E FARMACÊUTICOS LTDA

Atualizado em 20/01/2020

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO

Saflutan™
tafluprosta
Solução oftálmica 15 mcg/mL

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Solução oftálmica estéril sem conservante
Disponível em 30 flaconetes de dose única de 0,3 mL

USO OFTÁLMICO
USO ADULTO

COMPOSIÇÃO:

Cada mL de Saflutan contém:

tafluprosta 15 mcg
veículo q.s.p. 1 mL

Excipientes: glicerina, fosfato de sódio monobásico di-hidratado, edetato dissódico, polissorbato 80 e ácido clorídrico1 e/ou hidróxido de sódio.

Cada flaconete de dose única (0,3 mL) contém 4,5 mcg de tafluprosta.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

Seu médico prescreveu Saflutan para diminuir a pressão elevada em seu olho2 a fim de tratar o glaucoma3 de ângulo aberto ou a hipertensão4 ocular.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Saflutan pertence a um grupo de medicamentos chamado análogos da prostaglandina5. Saflutan reduz a pressão nos olhos6. Ele é utilizado quando a pressão no olho2 for muito alta.

A pressão elevada no olho2 pode danificar o nervo óptico, resultando em deterioração da visão7 e possível cegueira. Há geralmente poucos sintomas8 que você pode sentir para dizer se você tem níveis elevados de pressão no olho2. O exame médico é necessário para determinar isso. Se você tem pressão elevada no olho2, exames periódicos dos olhos6 e medições da pressão dentro de seus olhos6 serão necessários.

As gotas começarão a funcionar cerca de 2 a 4 horas após o medicamento ser colocado nos olhos6 e o efeito máximo é atingido depois de 12 horas. O efeito é mantido por pelo menos 24 horas.

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Não utilizar Saflutan em caso de alergia9 a qualquer um de seus ingredientes.

Se não tiver certeza se deve utilizar Saflutan, entre em contato com seu médico ou farmacêutico.

O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

Gravidez10 e Amamentação11

Em caso de possibilidade de gravidez10, você deve utilizar um método contraceptivo eficaz ao utilizar Saflutan.

Informe seu médico se estiver grávida ou pretende engravidar. Em caso de gravidez10, converse com seu médico imediatamente para determinar se deve utilizar Saflutan.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem autorização médica ou do cirurgião dentista.

Se pretender amamentar, consulte seu médico.

Crianças

Saflutan não foi estudado em crianças e, portanto, o uso não é recomendado para crianças ou adolescentes com menos de 18 anos de idade.

Idosos

Não é necessário ajuste de dose para pacientes12 com mais de 65 anos de idade.

Dirigir ou operar máquinas

Pode ser que você fique com a visão7 turva por uns instantes logo após colocar Saflutan em seu olho2. Não dirija ou utilize nenhuma ferramenta ou máquina até que sua visão7 volte ao normal. Interações Medicamentosas: informe seu médico sobre todos os medicamentos, incluindo outros colírios, que esteja utilizando ou planeja utilizar, incluindo aqueles obtidos sem prescrição médica.

Se utilizar outros medicamentos em seu olho2, aguarde um intervalo de pelo menos 5 minutos entre a aplicação de Saflutan e a de outro medicamento.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento. Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde13.

Informe seu médico a respeito de qualquer problema médico que apresente agora ou tenha apresentado no passado, incluindo qualquer outra doença ocular.

Informe seu médico a respeito de qualquer alergia9 a qualquer medicamento.

Informe seu médico a respeito de qualquer problema renal14 ou hepático que você apresente ou tenha apresentado no passado.

Informe seu médico a respeito de qualquer doença pulmonar, incluindo asma15, que você apresente ou tenha apresentado no passado.

Enquanto estiver usando Saflutan

Você pode ter os seguintes efeitos adversos, alguns dos quais podem ser permanentes. Estes efeitos podem ocorrer lentamente e você poderá observá-los meses depois. Saflutan poderá:

  • aumentar o comprimento, espessura, cor e/ou número de cílios16 e pode causar crescimento anormal de pelos nas pálpebras17;
  • causar escurecimento da cor da pele18 ao redor dos olhos6. Secar qualquer excesso de solução na pele18, isso reduzirá o risco de escurecimento da pele18;
  • alterar a cor da íris19 (parte colorida do olho2). Se Saflutan é usado em apenas um olho2, a cor do olho2 tratado pode se tornar permanentemente diferente da cor do outro olho2.

O que devo saber sobre os ingredientes inativos na Saflutan?

Saflutan não contém conservantes. Saflutan não contém o conservante cloreto de benzalcônio.

ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?

Armazenar o cartucho com os sachês de alumínio fechados em um refrigerador, 2°C – 8°C. Não abrir o sachê até o momento de utilizar o colírio20. Após abrir o sachê:

  • manter os flaconetes de dose única no sachê original;
  • manter em refrigerador entre 2°C – 8°C;
  • descartar os flaconetes de dose única fechados após 28 dias a partir da data de abertura do sachê de alumínio;
  • descartar o flaconete de dose única aberto com qualquer solução remanescente imediatamente após o uso.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original. Após aberto, válido por 28 dias.

Características físicas e organolépticas do produto

Solução transparente e incolor.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?

Sempre use Saflutan exatamente conforme orientação médica. Verifique com seu médico ou farmacêutico em caso de dúvida sobre como utilizar Saflutan.

A dose é de 1 gota21 de Saflutan em um ou ambos os olhos6, uma vez ao dia à noite. Utilizar Saflutan em ambos os olhos6 apenas se seu médico lhe orientar a respeito.

Não instilar mais gotas ou utilizar mais frequentemente do que conforme instruído por seu médico. Isto pode tornar Saflutan menos eficaz.

Se utilizar outros medicamentos no olho2, deixar pelo menos 5 minutos entre a aplicação de Saflutan e a de outro medicamento.

Não pare de utilizar Saflutan sem antes perguntar a seu médico. Se interromper o uso de Saflutan, a pressão no olho2 aumentará novamente. Isto pode causar um dano permanente ao seu olho2.

COMO USAR

Uso Oftálmico

Quando iniciar um novo sachê: Não utilizar os flaconetes de dose única se o sachê estiver violado. Abrir o sachê na linha tracejada. Escrever a data em que o sachê foi aberto no espaço reservado para a data no sachê.

A cada uso de Saflutan: 

  1. Lavar as mãos22.
  2. Retirar a tira do flaconete do sachê.
  3. Destacar um flaconete de dose única da tira.
  4. Colocar de volta a tira no sachê e dobrar a extremidade para fechar o sachê.
  5. Certifique-se de que a solução encontra-se na parte inferior do flaconete de dose única.
  6. Para abrir o flaconete, girar a aba.
  7. Recline sua cabeça23 para trás. Se não conseguir inclinar sua cabeça23, deite-se.
  8. Colocar a ponteira do flaconete próximo de seu olho2. Cuidado para não tocar a ponteira do flaconete no olho2.
  9. Puxar a pálpebra inferior e olhar para cima.
  10. Apertar suavemente o flaconete e deixar uma gota21 cair no espaço entre a pálpebra inferior e o olho2.
  11. Fechar o olho2 por um momento e pressionar o canto interno do olho2 com seu dedo por cerca de um minuto. Isto ajuda a evitar que a gota21 seja drenada no ducto lacrimal.
  12. Secar qualquer solução em excesso da pele18 ao redor do olho2 com qualquer tecido24.

Se a gota21 não entrar no olho2, tente novamente.

Se seu médico lhe orientou a utilizar gotas em ambos os olhos6, repetir as etapas 7 a 12 para o outro olho2.

O conteúdo de um flaconete de dose única de Saflutan é suficiente para os dois olhos6. A solução deve ser utilizada imediatamente após a abertura. Como a esterilidade25 não pode ser mantida após a abertura, descartar o flaconete aberto com qualquer conteúdo remanescente imediatamente após o uso.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento. Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

O QUE DEVO FAZER QUANDO EU ME ESQUECER DE USAR ESTE MEDICAMENTO?

É importante usar Saflutan conforme prescrito por seu médico.

Se esquecer de utilizar Saflutan, use uma única gota21 assim que se lembrar, e depois aplique a dose seguinte como de costume; isto é, na hora regular e sem duplicar a dose.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR?

Qualquer medicamento pode apresentar efeitos não pretendidos ou indesejáveis, chamados reações adversas. Nos estudos clínicos, os pacientes que utilizaram Saflutan apresentaram sintomas8 como:

Reações comuns (ocorridas entre 1% e 10% dos pacientes que utilizaram esse medicamento): vermelhidão dos olhos6, coceira nos olhos6, irritação dos olhos6, dor ocular, ou uma sensação de que há algo nos olhos6, ressecamento do olho2, olho2 lacrimejante, ou secreção ocular; vermelhidão da pálpebra ou pálpebra inchada; visão7 turva, redução da capacidade de visualisação de detalhes pelos olhos6, ou sensibilidade à luz; cefaleia26; e alteração na superfície do olho2.

Nestes estudos, os pacientes também apresentaram reações adversas que incluíram alteração da cor da íris19 (alteração que pode ser permanente), alterações no comprimento, espessura, ou número de cílios16, alteração de cor dos cílios16, ou alteração de cor da pele18 em torno do olho2.

Nestes estudos, os pacientes também apresentaram efeitos adversos, incluindo:

Reações comuns (ocorridas entre 1% e 10% dos pacientes que utilizaram esse medicamento): alteração da cor da íris19 (alteração que pode ser permanente), alterações no comprimento, espessura, ou número de cílios16, descoloração dos cílios16 e catarata27.

Reação pouco frequente (ocorrida entre 0,1% e 1% dos pacientes que utilizaram esse medicamento): alteração da cor da pele18 ao redor dos olhos6, tosse, boca28 seca e dor de garganta29.

Também podem ocorrer reações adversas além das listadas acima. Pergunte a seu médico ou farmacêutico mais informações sobre as reações adversas.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO?

Caso utilize uma quantidade maior de Saflutan do que deveria, é improvável que ocorra algum dano grave.

Retome sua dose seguinte no horário usual.

Saflutan deve ser utilizado como colírio20 apenas e não deve ser ingerido. Se o medicamento for ingerido acidentalmente, peça orientação ao seu médico.

Em caso de superdose, o tratamento deve ser sintomático30.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

DIZERES LEGAIS


VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA
 

Registro MS – 1.9198.0004
Farm. Resp.: Kátia Esteves dos Santos – CRF-SP nº 36.165

Registrado e Importado por:
MUNDIPHARMA BRASIL PROD. MÉDICOS E FARMACÊUTICOS LTDA
Rua Verbo Divino, 2001 – 16º andar – Sala A – Chácara Santo Antônio
São Paulo – SP
CNPJ 15.127.898/0001-30

Fabricado e Embalado por:
Laboratoire Unither
ZI La Guerie
F-50211 COUTANCES Cedex
França


SAC 0800 038 6040

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Ácido clorídrico: Ácido clorídrico ou ácido muriático é uma solução aquosa, ácida e queimativa, normalmente utilizado como reagente químico. É um dos ácidos que se ioniza completamente em solução aquosa.
2 Olho: s. m. (fr. oeil; ing. eye). Órgão da visão, constituído pelo globo ocular (V. este termo) e pelos diversos meios que este encerra. Está situado na órbita e ligado ao cérebro pelo nervo óptico. V. ocular, oftalm-. Sinônimos: Olhos
3 Glaucoma: É quando há aumento da pressão intra-ocular e danos ao nervo óptico decorrentes desse aumento de pressão. Esses danos se expressam no exame de fundo de olho e por alterações no campo de visão.
4 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
5 Prostaglandina: É qualquer uma das várias moléculas estruturalmente relacionadas, lipossolúveis, derivadas do ácido araquidônico. Ela tem função reguladora de diversas vias metabólicas.
6 Olhos:
7 Visão: 1. Ato ou efeito de ver. 2. Percepção do mundo exterior pelos órgãos da vista; sentido da vista. 3. Algo visto, percebido. 4. Imagem ou representação que aparece aos olhos ou ao espírito, causada por delírio, ilusão, sonho; fantasma, visagem. 5. No sentido figurado, concepção ou representação, em espírito, de situações, questões etc.; interpretação, ponto de vista. 6. Percepção de fatos futuros ou distantes, como profecia ou advertência divina.
8 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
9 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
10 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
11 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
12 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
13 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
14 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
15 Asma: Doença das vias aéreas inferiores (brônquios), caracterizada por uma diminuição aguda do calibre bronquial em resposta a um estímulo ambiental. Isto produz obstrução e dificuldade respiratória que pode ser revertida de forma espontânea ou com tratamento médico.
16 Cílios: Populações de processos móveis e delgados que são encontrados revestindo a superfície dos ciliados (CILIÓFOROS) ou a superfície livre das células e que constroem o EPITÉLIO ciliado. Cada cílio nasce de um grânulo básico na camada superficial do CITOPLASMA. O movimento dos cílios propele os ciliados através do líquido no qual vivem. O movimento dos cílios em um epitélio ciliado serve para propelir uma camada superficial de muco ou fluido.
17 Pálpebras:
18 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
19 Íris: Membrana arredondada, retrátil, diversamente pigmentada, com um orifício central, a pupila, que se situa na parte anterior do olho, por trás da córnea e à frente do cristalino. A íris é a estrutura que dá a cor ao olho. Ela controla a abertura da pupila, regulando a quantidade de luz que entra no olho.
20 Colírio: Preparação farmacológica líquida na qual se encontram dissolvidas diferentes drogas que atuam na conjuntiva ocular.
21 Gota: 1. Distúrbio metabólico produzido pelo aumento na concentração de ácido úrico no sangue. Manifesta-se pela formação de cálculos renais, inflamação articular e depósito de cristais de ácido úrico no tecido celular subcutâneo. A inflamação articular é muito dolorosa e ataca em crises. 2. Pingo de qualquer líquido.
22 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
23 Cabeça:
24 Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
25 Esterilidade: Incapacidade para conceber (ficar grávida) por meios naturais. Suas causas podem ser masculinas, femininas ou do casal.
26 Cefaleia: Sinônimo de dor de cabeça. Este termo engloba todas as dores de cabeça existentes, ou seja, enxaqueca ou migrânea, cefaleia ou dor de cabeça tensional, cefaleia cervicogênica, cefaleia em pontada, cefaleia secundária a sinusite, etc... são tipos dentro do grupo das cefaleias ou dores de cabeça. A cefaleia tipo tensional é a mais comum (acomete 78% da população), seguida da enxaqueca ou migrânea (16% da população).
27 Catarata: Opacificação das lentes dos olhos (opacificação do cristalino).
28 Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
29 Garganta: Tubo fibromuscular em forma de funil, que leva os alimentos ao ESÔFAGO e o ar à LARINGE e PULMÕES. Situa-se posteriormente à CAVIDADE NASAL, à CAVIDADE ORAL e à LARINGE, extendendo-se da BASE DO CRÂNIO à borda inferior da CARTILAGEM CRICÓIDE (anteriormente) e à borda inferior da vértebra C6 (posteriormente). É dividida em NASOFARINGE, OROFARINGE e HIPOFARINGE (laringofaringe).
30 Sintomático: 1. Relativo a ou que constitui sintoma. 2. Que é efeito de alguma doença. 3. Por extensão de sentido, é o que indica um particular estado de coisas, de espírito; revelador, significativo.

Tem alguma dúvida sobre Saflutan?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.