EFEITOS INDESEJÁVEIS ATLANSIL

Atualizado em 18/05/2016

Microdepósitos corneanos, fototoxicidade cutânea1, pigmentação grisácea cutânea1 (todos reversíveis); sinais2 de hiper ou hipotireoidismo3; pneumopatia intersticial4 difusa; neuropatia periférica5 (rara), elevação das transaminases; hepatopatia aguda (rara); hipotensão6 e flebite7 (forma injetável).

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Cutânea: Que diz respeito à pele, à cútis.
2 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
3 Hipotireoidismo: Distúrbio caracterizado por uma diminuição da atividade ou concentração dos hormônios tireoidianos. Manifesta-se por engrossamento da voz, aumento de peso, diminuição da atividade, depressão.
4 Intersticial: Relativo a ou situado em interstícios, que são pequenos espaços entre as partes de um todo ou entre duas coisas contíguas (por exemplo, entre moléculas, células, etc.). Na anatomia geral, diz-se de tecido de sustentação localizado nos interstícios de um órgão, especialmente de vasos sanguíneos e tecido conjuntivo.
5 Neuropatia periférica: Dano causado aos nervos que afetam os pés, as pernas e as mãos. A neuropatia causa dor, falta de sensibilidade ou formigamentos no local.
6 Hipotensão: Pressão sanguínea baixa ou queda repentina na pressão sanguínea. A hipotensão pode ocorrer quando uma pessoa muda rapidamente de uma posição sentada ou deitada para a posição de pé, causando vertigem ou desmaio.
7 Flebite: Inflamação da parede interna de uma veia. Pode ser acompanhada ou não de trombose da mesma.

Tem alguma dúvida sobre EFEITOS INDESEJÁVEIS ATLANSIL?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.