INDICAÇÕES BACTRIM

Atualizado em 18/05/2016

Tratamento das infecções1 causadas por germes sensíveis à associação trimetoprimasulfametoxazol, tais como infecções1 do trato respiratório altas e baixas: bronquite aguda2 e crônica, bronquiectasia3, pneumonia4 (inclusive por Pneumocystis carinii); faringite5, amigdalite (em infecções1 por estreptococo b- hemolítico do grupo A, a taxa de erradicação não é completamente satisfatória), sinusite6, otite média7; infecções1 do trato urinário8 e renais: cistites agudas e crônicas, pielonefrites, uretrites, prostatites; infecções1 genitais em ambos os sexos, inclusive uretrite9 gonocócica; infecções1 gastrintestinais, incluindo febres tifóide e paratifóide, e tratamento dos portadoras; cólera10 (como medida conjunta à reposição de líquidos e eletrólitos11); infecções1 da pele12 e tecidos moles: piodermite13, furúnculos, abscessos14 e feridas infectadas; Outras infecções1 bacterianas: osteomielites aguda e crônica, brucelose aguda. Nocardiose, blastomicosa sul-americana.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
2 Bronquite aguda: Inflamação dos brônquios produzida em geral por diferentes vírus respiratórios, que se manifesta por febre, tosse e expectoração de muco à tosse.
3 Bronquiectasia: Sinônimo de 밺ilatação dos brônquios. Há uma dilatação anormal e permanente dos brônquios cartilaginosos de médio calibre, da quinta à décima divisão brônquica. A dilatação está associada a uma destruição inflamatória dos tecidos musculares e elásticos das paredes brônquicas.
4 Pneumonia: Inflamação do parênquima pulmonar. Sua causa mais freqüente é a infecção bacteriana, apesar de que pode ser produzida por outros microorganismos. Manifesta-se por febre, tosse, expectoração e dor torácica. Em pacientes idosos ou imunodeprimidos pode ser uma doença fatal.
5 Faringite: Inflamação da mucosa faríngea em geral de causa bacteriana ou viral. Caracteriza-se por dor, dificuldade para engolir e vermelhidão da mucosa, acompanhada de exsudatos ou não.
6 Sinusite: Infecção aguda ou crônica dos seios paranasais. Podem complicar o curso normal de um resfriado comum, acompanhando-se de febre e dor retro-ocular.
7 Otite média: Infecção na orelha média.
8 Trato Urinário:
9 Uretrite: Inflamação da uretra de causa geralmente infecciosa. Manifesta-se por ardor ao urinar e secreção amarelada drenada pela mesma. Em mulheres esta secreção pode não ser evidente.
10 Cólera: Doença aguda ocasionada por infecção bacteriana pelo vibrião colérico, caracterizada por diarréia aquosa muito freqüente e abundante, que pode levar o paciente ao choque por desidratação. É transmitida por ingestão da bactéria através de água e alimentos contaminados.
11 Eletrólitos: Em eletricidade, é um condutor elétrico de natureza líquida ou sólida, no qual cargas são transportadas por meio de íons. Em química, é uma substância que dissolvida em água se torna condutora de corrente elétrica.
12 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
13 Piodermite: Infecção bacteriana da pele caracterizada pela presença de pústulas (vesículas cheias de pus) na superfície da mesma.
14 Abscessos: Acumulação de pus em uma cavidade formada acidentalmente nos tecidos orgânicos, ou mesmo em órgão cavitário, em consequência de inflamação seguida de infecção.

Tem alguma dvida sobre INDICAÇÕES BACTRIM?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.