LACTAÇÃO BACTRIM

Atualizado em 18/05/2016

Tanto TM como SMZ passam para o leite materno. Embora a quantidade ingerida pelo lactente1 seja pequena, recomenda-se que os possíveis riscos para o lactente1 (Kernicterus2, hipersensibilidade) sejam cuidadosamente avaliados frente aos benefícios terapêuticos esperados para a lactante3.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Lactente: Que ou aquele que mama, bebê. Inclui o período neonatal e se estende até 1 ano de idade (12 meses).
2 Kernicterus: Forma de icterícia que surge no recém nascido, de especial gravidade pela tendência a produzir alterações neurológicas irreversíveis por impregnação da bilirrubina em áreas do cérebro. Seu tratamento é a fototerapia, que transforma a bilirrubina em uma forma mais estável, incapaz de penetrar no sistema nervoso central, e passível de ser eliminada na urina.
3 Lactante: Que produz leite; que aleita.

Tem alguma dúvida sobre LACTAÇÃO BACTRIM?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.