POSOLOGIA LIQUEMINE SUBCUTÂNEO

Atualizado em 24/05/2016

Profilaxia pela heparina em doses baixas

A profilaxia pela heparina em doses baixas deve ser instituída antes da cirurgia, o que não vem a
elevar sensivelmente o risco de hemorragia1 durante ou após o ato cirúrgico. Duas horas antes da
intervenção cirúrgica, administrar por via subcutânea2 uma ampola de Liquemine® (5.000 UI). Em
seguida repetir a administração desta dose a intervalos de 8 a 12 horas durante 7 a 10 dias. Não
são necessários controles de laboratório durante o tratamento profilático. O Liquemine® SC deve
ser injetado no tecido subcutâneo3 da região abdominal subdiafragmática por meio de agulha tão
fina quanto possível. Para esse fim convém levantar uma prega cutânea4 e enfiar a agulha
horizontalmente com precaução. Terminada a injeção5 retirar a agulha sempre na posição
horizontal.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Hemorragia: Saída de sangue dos vasos sanguíneos ou do coração para o exterior, para o interstício ou para cavidades pré-formadas do organismo.
2 Subcutânea: Feita ou situada sob a pele; hipodérmica.
3 Tecido Subcutâneo: Tecido conectivo frouxo (localizado sob a DERME), que liga a PELE fracamente aos tecidos subjacentes. Pode conter uma camada (pad) de ADIPÓCITOS, que varia em número e tamanho, conforme a área do corpo e o estado nutricional, respectivamente.
4 Cutânea: Que diz respeito à pele, à cútis.
5 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.

Tem alguma dúvida sobre POSOLOGIA LIQUEMINE SUBCUTÂNEO?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.