PROPRIEDADES E EFEITOS VASCASE COMPRIMIDOS

Atualizado em 24/05/2016

Vascase® é um inibidor específico de longa ação, da enzima1 conversora da angiotensina (ECA), que suprime a atividade do sistema renina-angiotensina-aldosterona induzindo, desta forma, uma redução da pressão diastólica2 e da pressão sistólica3 tanto em posição supina como em pé, geralmente sem provocar hipotensão4 ortostática.

Vascase® é eficaz em todos os graus de hipertensão5 essencial bem como na hipertensão5 renal6. É destinado ao tratamento de primeira linha. Em casos em que seu efeito for insuficiente, Vascase® pode ser associado a outros agentes anti-hipertensivos, por exemplo, diuréticos7 não poupadores de potássio, beta-bloqueadores ou antagonistas de cálcio.

O efeito anti-hipertensivo de Vascase® manifesta-se, normalmente, uma hora após sua administração; seu efeito máximo é obtido entre três a sete horas após a administração. Em geral, o ritmo cardíaco mantém-se estável. Vascase® não ocasiona taquicardia8 reflexa, embora possam ocorrer pequenas alterações sem importância clínica do ritmo cardíaco.

Nas doses recomendadas, o efeito anti-hipertensivo do Vascase® é mantido por até 24 horas. Em alguns pacientes, a redução da pressão arterial9 pode se atenuar no final do período de intervalo entre as dosagens.
Após quatro semanas de tratamento, a pressão arterial9 deverá ser avaliada e o esquema posológico ajustado, caso seja necessário.

O efeito anti-hipertensivo de Vascase® é mantido estável mesmo em tratamento a longo prazo. A interrupção abrupta do tratamento não é acompanhada por uma elevação da pressão arterial9.

Como ocorre com outros inibidores da ECA, os efeitos redutores da pressão arterial9 determinados pelo Vascase® podem ser menos pronunciados em pacientes da raça negra do que em outras raças. Entretanto, estas diferentes respostas, em função da raça, tornam-se insignificantes quando o Vascase® é administrado em combinação com a hidroclorotiazida.

Em pacientes com funções renais normais, o potássio sérico comumente permanece dentro dos parâmetros normais durante o tratamento com Vascase®. Em pacientes sob o uso concomitante de diuréticos7 poupadores de potássio, o nível de potássio pode aumentar.

Em pacientes hipertensos com disfunção renal6 moderada a severa, a taxa de filtração glomerular e o fluxo sangüíneo renal6 normalmente permanecem inalterados com Vascase®, apesar da diminuição, clinicamente significativa, da pressão arterial9.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Enzima: Proteína produzida pelo organismo que gera uma reação química. Por exemplo, as enzimas produzidas pelo intestino que ajudam no processo digestivo.
2 Pressão Diastólica: É a pressão mais baixa detectada no sistema arterial sistêmico, observada durante a fase de diástole do ciclo cardíaco. É também denominada de pressão mínima.
3 Pressão sistólica: É a pressão mais elevada (pico) verificada nas artérias durante a fase de sístole do ciclo cardíaco. É também chamada de pressão máxima.
4 Hipotensão: Pressão sanguínea baixa ou queda repentina na pressão sanguínea. A hipotensão pode ocorrer quando uma pessoa muda rapidamente de uma posição sentada ou deitada para a posição de pé, causando vertigem ou desmaio.
5 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
6 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
7 Diuréticos: Grupo de fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau de diluição da urina. Eles depletam os níveis de água e cloreto de sódio sangüíneos. São usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardiaca ou cirrose do fígado. Há dois tipos de diuréticos, os que atuam diretamente nos túbulos renais, modificando a sua atividade secretora e absorvente; e aqueles que modificam o conteúdo do filtrado glomerular, dificultando indiretamente a reabsorção da água e sal.
8 Taquicardia: Aumento da frequência cardíaca. Pode ser devido a causas fisiológicas (durante o exercício físico ou gravidez) ou por diversas doenças como sepse, hipertireoidismo e anemia. Pode ser assintomática ou provocar palpitações.
9 Pressão arterial: A relação que define a pressão arterial é o produto do fluxo sanguíneo pela resistência. Considerando-se a circulação como um todo, o fluxo total é denominado débito cardíaco, enquanto a resistência é denominada de resistência vascular periférica total.

Tem alguma dúvida sobre PROPRIEDADES E EFEITOS VASCASE COMPRIMIDOS?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.