MODO DE USAR PRIVINA

Atualizado em 25/05/2016

A fim de se diminuir o risco de transmissão de infecção1, o frasco não deve ser utilizado por mais de uma pessoa, sendo que a ponta do tubo aplicador deve ser enxaguada com água após cada uso.
Para uso adequado, inclinar a cabeça2 para trás ao máximo e pressionar o frasco levemente, de modo a instilar 1 gota3 da solução na narina direita. Em seguida, incline a cabeça2 para a frente, inale e volte a cabeça2 para a esquerda. Inclinar a cabeça2 para trás ao máximo e instilar 1 gota3 da solução na narina esquerda. Em seguida, inclinar a cabeça2 para a frente, inalar e voltar a cabeça2 para a direita.
Para se assegurar uma distribuição ótima do remédio, deve-se inspirar pelo nariz4 durante a aplicação.
PRIVINA geralmente é bem tolerada; entretanto, dependendo da sensibilidade de cada pessoa, podem ocorrer algumas reações desagradáveis, tais como: irritação local, náusea5 e dor de cabeça2. Caso ocorra alguma reação desagradável durante o tratamento, avise ao seu médico. Ele lhe dará a orientação adequada.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Avise seu médico se estiver usando qualquer outro medicamento.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
2 Cabeça:
3 Gota: 1. Distúrbio metabólico produzido pelo aumento na concentração de ácido úrico no sangue. Manifesta-se pela formação de cálculos renais, inflamação articular e depósito de cristais de ácido úrico no tecido celular subcutâneo. A inflamação articular é muito dolorosa e ataca em crises. 2. Pingo de qualquer líquido.
4 Nariz: Estrutura especializada que funciona como um órgão do sentido do olfato e que também pertence ao sistema respiratório; o termo inclui tanto o nariz externo como a cavidade nasal.
5 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.

Tem alguma dúvida sobre MODO DE USAR PRIVINA?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.