INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS OROXADIN

Atualizado em 25/05/2016

Por sua alta ligação às proteínas1 plasmáticas, o ciprofibrato pode deslocar outras substâncias de suas ligações protéicas. O ciprofibrato pode potencializar o efeito da warfarina. e portanto um eventual tratamento concomitante com anticoagulantes2 orais deve ser feito em posologia reduzida, sob controle do tempo da protrombina3. Existe um potencial de interação com hipoglicemiantes orais4, mas os dados disponíveis não apontam para a ocorrência de problemas clínicos significativos. Assim como para outros fibratos, o risco de rabdomiólise5 e de mioglobinúria pode ser aumentado quando o ciprofibrato é associado a inibidores da HMG-CoA redutase ou a outros fibratos. Como ocorre com outros fibratos, a ação do ciprofibrato pode ser inibida por anticoncepcionais orais, se bem que até a presente data não existam dados a respeito.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
2 Anticoagulantes: Substâncias ou medicamentos que evitam a coagulação, especialmente do sangue.
3 Protrombina: Proteína plasmática inativa, é a precursora da trombina e essencial para a coagulação sanguínea.
4 Hipoglicemiantes orais: Medicamentos usados por via oral em pessoas com diabetes tipo 2 para manter os níves de glicose próximos ao normal. As classes de hipoglicemiantes são: inibidores da alfaglicosidase, biguanidas, derivados da fenilalanina, meglitinides, sulfoniluréias e thiazolidinediones.
5 Rabdomiólise: Síndrome caracterizada por destruição muscular, com liberação de conteúdo intracelular na circulação sanguínea. Atualmente, a rabdomiólise é considerada quando há dano secundário em algum órgão associado ao aumento das enzimas musculares. A gravidade da doença é variável, indo de casos de elevações assintomáticas de enzimas musculares até situações ameaçadoras à vida, com insuficiência renal aguda ou distúrbios hidroeletrolíticos. As causas da rabdomiólise podem ser classificadas em quatro grandes grupos: trauma ou lesão muscular direta, excesso de atividade muscular, defeitos enzimáticos hereditários ou outras condições clínicas.

Tem alguma dúvida sobre INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS OROXADIN?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.