GUIA DE INSTRUÇÕES DE USO GONAL-F

Atualizado em 25/05/2016

Antes de começar a preparação, leia primeiro estas instruções completamente. Autoadministre a injeção1 à mesma hora todos os dias.

1. Lave as mãos2 e arranje uma área limpa. É importante que as suas mãos2 e os acessórios que vai utilizar estejam tão limpos quanto possível. Um bom local é uma mesa ou bancada da cozinha que estejam limpas.

2. Colocar sobre a área limpa tudo o que for necessário: o frasco-ampola contendo GONALf ® 75 UI (5,5 μg) liofilizado3, a seringa4 preenchida contendo o diluente, dois chumaços de algodão embebidos em álcool, uma agulha para reconstituição, uma agulha fina para a injeção subcutânea5 e um recipiente para descarte de objetos cortantes.

3. Preparar a solução para injeção1: retire a tampa protetora do frascoampola de GONAL-f 75 UI (5,5 μg) e a capa protetora da seringa4 preenchida com o diluente. Conecte a agulha para reconstituição na seringa4 preenchida, introduza no frasco-ampola de GONAL-f® 75 UI (5,5 μg) e injete lentamente todo o diluente. Gire suavemente para misturar, sem retirar a seringa4. Não agite para evitar a formação de espuma.

4. Depois que o pó liofilizado3 estiver dissolvido (o que geralmente ocorre imediatamente), verifique se a solução resultante está límpida e não contém partículas. Vire o frasco-ampola de cabeça6 para baixo e aspire suavemente a solução para dentro da seringa4, puxando o êmbolo7. Remova a seringa4 do frasco-ampola e pouse a seringa4 cuidadosamente. Não toque na agulha, nem deixe que esta toque em qualquer superfície

Se mais de um frasco-ampola de GONAL-f® 75 UI (5,5 μg) tiver sido prescrito, reinjete lentamente a solução no outro frasco de pó liofilizado3, repetindo o passo 3.

Se alfalutropina (LUVERIS®) for prescrita com GONAL-f ®75 UI (5,5 μg), você pode misturar os dois medicamentos para efetuar apenas uma injeção1. Para isso, você deve reconstituir primeiro a alfalutropina com o diluente que acompanha o GONAL-f® 75 UI (5,5 μg), aspirar a solução de volta à seringa4 e reinjetar no frasco-ampola de GONAL-f® 75 UI (5,5 μg). Depois que o pó estiver dissolvido, aspirar a solução de volta à seringa4. Verifique se existem partículas e utilize somente se a solução estiver límpida.

Até três frascos de pó liofilizado3 podem ser dissolvidos com 1 ml de diluente.

5. Preparação da seringa4 para a injeção1: troque a agulha de reconstituição pela agulha fina e elimine as bolhas de ar existentes.

Segure a seringa4 com a agulha para cima e bata suavemente nas laterais com os dedos até que todas as bolhas de ar se concentrem na parte superior. Empurre o êmbolo7 até que todas as bolhas de ar tenham sido eliminadas.

6. Injeção1 da dose: injetar imediatamente a solução. Seu médico ou enfermeira já devem ter lhe orientado sobre o local da aplicação (por exemplo, barriga, parte frontal da coxa8). Para reduzir ao mínimo a irritação da pele9 selecione uma zona diferente todos os dias. Limpe a área escolhida com um chumaço de algodão embebido em álcool com movimentos circulares. Aperte firmemente a pele9 entre o polegar e o indicador e espete a agulha com uma inclinação entre 45° e 90°, como se estivesse atirando um dardo. Injete o medicamento sob a pele9 pressionando lentamente o êmbolo7. Não injete diretamente numa veia.

Utilize o tempo que for necessário para injetar toda a solução. Retire imediatamente a agulha e limpe a pele9 com um chumaço de algodão embebido em álcool, com suaves movimentos circulares.

7. Depois da aplicação: jogue fora todos os materiais utilizados assim que a aplicação estiver concluída. Descarte imediatamente todas as agulhas e frascos de vidro vazios de forma segura, preferencialmente em um recipiente apropriado para objetos cortantes, que pode ser adquirido nas farmácias. Qualquer quantidade não utilizada da solução deve ser eliminada.

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

MS 1.0089.0363

Farmacêutico Responsável: Geraldo César Monteiro de Castro – CRF-RJ 14021

MERCK S.A.

CNPJ 33.069.212/0001-84

Estrada dos Bandeirantes, 1099

Rio de Janeiro – RJ CEP 22710-571

Indústria Brasileira

SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE

0800 727-7293

www.merck.com.br


GONAL-f® (alfafolitropina)

Merck S/A

Solução injetável

900 UI (66 μg) / 1,5 mL

450 UI (33 μg) / 0,75 mL

300 UI (22 μg) / 0,5 mL

alfafolitropina

Hormônio10 folículo11 estimulante recombinante (r-hFSH)

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
2 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
3 Liofilizado: Submetido à liofilização, que é a desidratação de substâncias realizada em baixas temperaturas, usada especialmente na conservação de alimentos, em medicamentos, etc.
4 Seringa: Dispositivo usado para injetar medicações ou outros líquidos nos tecidos do corpo. A seringa de insulina é formada por um tubo plástico com um êmbolo e uma agulha pequena na ponta.
5 Injeção subcutânea: Injetar fluido no tecido localizado abaixo da pele, o tecido celular subcutâneo, com uma agulha e seringa.
6 Cabeça:
7 Êmbolo: 1. Cilindro ou disco que se move em vaivém no interior de seringas, bombas, etc. 2. Na engenharia mecânica, é um cilindro metálico deslizante que recebe um movimento de vaivém no interior de um cilindro de motor de combustão interna. 3. Em artes gráficas, é uma haste de ferro com um cilindro, articulada para comprimir e lançar o chumbo ao molde. 4. Em patologia, é um coágulo ou outro tampão trazido pela corrente sanguínea a partir de um vaso distante, que obstrui a circulação ao ser forçado contra um vaso menor. 5. Na anatomia zoológica, nas aranhas, é um prolongamento delgado no ápice do aparelho copulador masculino.
8 Coxa: É a região situada abaixo da virilha e acima do joelho, onde está localizado o maior osso do corpo humano, o fêmur.
9 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
10 Hormônio: Substância química produzida por uma parte do corpo e liberada no sangue para desencadear ou regular funções particulares do organismo. Por exemplo, a insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas que diz a outras células quando usar a glicose para energia. Hormônios sintéticos, usados como medicamentos, podem ser semelhantes ou diferentes daqueles produzidos pelo organismo.
11 Folículo: 1. Bolsa, cavidade em forma de saco. 2. Fruto simples, seco e unicarpelar, cuja deiscência se dá pela sutura que pode conter uma ou mais sementes (Ex.: fruto da magnólia).

Tem alguma dvida sobre GUIA DE INSTRUÇÕES DE USO GONAL-F?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.