INFORMAÇÕES AO PACIENTE SYNAGIS

Atualizado em 28/05/2016
SYNAGIS® (palivizumabe) apresenta atividade contra o vírus1 sincicial respiratório (VSR), que causa doenças graves do trato
respiratório inferior em lactentes2 e crianças. SYNAGIS® (palivizumabe) deve ser mantido refrigerado entre 2 a 8°C antes da
reconstituição. O produto não deve ser congelado. Nessas condições o produto se manterá próprio para utilização pelo prazo de validade indicado na embalagem.
NÃO USE O MEDICAMENTO COM O PRAZO DE VALIDADE VENCIDO.
SYNAGIS® (palivizumabe) não deve ser utilizado por mulheres grávidas. SYNAGIS® (palivizumabe) não é indicado para uso adulto.
SYNAGIS® (palivizumabe) deve ser usado sob a orientação e supervisão de um médico. A administração deste medicamento deve ser feita somente por pessoa experiente na aplicação de forma injetável de medicamentos. SYNAGIS® (palivizumabe) deve ser reconstituído com água para injetáveis. Não deve ser misturado a outros medicamentos ou diluentes. As doses devem ser administradas até seis horas após a reconstituição. SYNAGIS® (palivizumabe) deve ser administrado exclusivamente por via intramuscular (I.M.). Deve se utilizar técnica asséptica. A administração de volumes superiores a 1ml deve ser feita em doses divididas. Para prevenir transmissão de doenças infecciosas, devem ser utilizadas seringas e agulhas descartáveis. Não reutilizar seringas e agulhas.
SIGA A ORIENTAÇÃO DO MÉDICO, RESPEITANDO SEMPRE OS HORÁRIOS, AS DOSES E A DURAÇÃO DO TRATAMENTO.
A interrupção repentina do tratamento com esse medicamento não causa efeitos desagradáveis, apenas cessará o efeito terapêutico.
NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE3.
NÃO INTERROMPER O TRATAMENTO SEM O CONHECIMENTO DO MÉDICO. As reações adversas mais comuns são: infecções4 do trato respiratório superior, otite média5, rinite6, erupção7 cutânea8, dor e faringite9.
INFORME AO MÉDICO CASO SE OBSERVE O APARECIMENTO DESTAS OU OUTRAS REAÇÕES DESAGRADÁVEIS.
SYNAGIS® (palivizumabe) não deve ser utilizado em crianças com histórico de reação anterior grave ao palivizumabe ou a
qualquer de seus excipientes ou a outros anticorpos10 monoclonais humanizados.
INFORME AO MÉDICO SOBRE QUALQUER MEDICAMENTO QUE O PACIENTE ESTIVER USANDO, ANTES DO INÍCIO OU
DURANTE O TRATAMENTO.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
2 Lactentes: Que ou aqueles que mamam, bebês. Inclui o período neonatal e se estende até 1 ano de idade (12 meses).
3 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
4 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
5 Otite média: Infecção na orelha média.
6 Rinite: Inflamação da mucosa nasal, produzida por uma infecção viral ou reação alérgica. Manifesta-se por secreção aquosa e obstrução das fossas nasais.
7 Erupção: 1. Ato, processo ou efeito de irromper. 2. Aumento rápido do brilho de uma estrela ou de pequena região da atmosfera solar. 3. Aparecimento de lesões de natureza inflamatória ou infecciosa, geralmente múltiplas, na pele e mucosas, provocadas por vírus, bactérias, intoxicações, etc. 4. Emissão de materiais magmáticos por um vulcão (lava, cinzas etc.).
8 Cutânea: Que diz respeito à pele, à cútis.
9 Faringite: Inflamação da mucosa faríngea em geral de causa bacteriana ou viral. Caracteriza-se por dor, dificuldade para engolir e vermelhidão da mucosa, acompanhada de exsudatos ou não.
10 Anticorpos: Proteínas produzidas pelo organismo para se proteger de substâncias estranhas como bactérias ou vírus. As pessoas que têm diabetes tipo 1 produzem anticorpos que destroem as células beta produtoras de insulina do próprio organismo.

Tem alguma dvida sobre INFORMAÇÕES AO PACIENTE SYNAGIS?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.