POSOLOGIA URICEMIL 100MG - CX C/ 50 ENV X 10 COMPR

Atualizado em 28/05/2016
As doses de URICEMIL® devem ser ajustadas através de controle de concentrações de urato sérico e níveis urinários de urato/ácido úrico a intervalos adequados.Pode ser tomado uma vez ao dia após a refeição, pois é bem tolerado após a ingestão de alimentos. Se a dose diária exceder 300 mg e ocorrer intolerância gastrintestinal, pode ser adotado um esquema de doses divididas.
Adultos
2 a 10 mg/kg/dia ou 100 a 200 mg diários nas condições discretas.
300 a 600 mg diários nas condições moderadamente graves.
700 a 800 mg diários nas condições graves.
Crianças com menos de 15 anos
10 a 20 mg/kg de peso/dia ou 100 a 400 mg diariamente.
O uso em criança é raramente indicado. Pode ser indicado em condições malignas (especialmente leucemia1) e algumas disfunções enzimáticas como a síndrome2 de Lesch-Nyhan.
Pacientes Idosos
Usar a menor dose possível que produza redução de urato satisfatória. Deve-se dispensar especial atenção em pacientes com disfunção renal3. Ver "Precauções".
Em casos de disfunção renal3
É aconselhável a utilização de doses menores que 100 mg/dia ou doses únicas de 100 mg com intervalos maiores que 1 dia.
Havendo condições para controlar as concentrações plasmáticas do oxipurinol, as doses devem ser ajustadas para que os níveis plasmáticos de oxipurinol sejam mantidos abaixo de 100 mmol/litro (15,2 mg/ml).
O Alopurinol e seus metabólitos4 são removidos por diálise5 renal3. Se adotada 2 a 3 vezes por semana, deve-se considerar um esquema posológico alternativo de 300 - 400 mg de URICEMIL® imediatamente após cada sessão de diálise5, sem doses intermediárias.
Em casos de insuficiência hepática6
Recomenda-se utilizar doses reduzidas em pacientes com insuficiência hepática6, e devem ser realizados testes periódicos da função hepática7 no início do tratamento. No tratamento de condições de alta substituição de urato, isto é, neoplasias8, síndrome2 de Lesh-Nyhan, é aconselhável corrigir a hiperuricemia e/ou hiperuricosúria existente, com URICEMIL®, antes de iniciar o tratamento citotóxico9.
É importante assegurar hidratação do paciente para que se mantenha ótima diurese10 e seja conseguida a alcalinização da urina11 de modo a aumentar a solubilidade ao urato/ácido úrico da mesma.
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Leucemia: Doença maligna caracterizada pela proliferação anormal de elementos celulares que originam os glóbulos brancos (leucócitos). Como resultado, produz-se a substituição do tecido normal por células cancerosas, com conseqüente diminuição da capacidade imunológica, anemia, distúrbios da função plaquetária, etc.
2 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
3 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
4 Metabólitos: Qualquer composto intermediário das reações enzimáticas do metabolismo.
5 Diálise: Quando os rins estão muito doentes, eles deixam de realizar suas funções, o que pode levar a risco de vida. Nesta situação, é preciso substituir as funções dos rins de alguma maneira, o que pode ser feito realizando-se um transplante renal, ou através da diálise. A diálise é um tipo de tratamento que visa repor as funções dos rins, retirando as substâncias tóxicas e o excesso de água e sais minerais do organismo, estabelecendo assim uma nova situação de equilíbrio. Existem dois tipos de diálise: a hemodiálise e a diálise peritoneal.
6 Insuficiência hepática: Deterioração grave da função hepática. Pode ser decorrente de hepatite viral, cirrose e hepatopatia alcoólica (lesão hepática devido ao consumo de álcool) ou medicamentosa (causada por medicamentos como, por exemplo, o acetaminofeno). Para que uma insuficiência hepática ocorra, deve haver uma lesão de grande porção do fígado.
7 Hepática: Relativa a ou que forma, constitui ou faz parte do fígado.
8 Neoplasias: Termo que denomina um conjunto de doenças caracterizadas pelo crescimento anormal e em certas situações pela invasão de órgãos à distância (metástases). As neoplasias mais frequentes são as de mama, cólon, pele e pulmões.
9 Citotóxico: Diz-se das substâncias que são tóxicas às células ou que impedem o crescimento de um tecido celular.
10 Diurese: Diurese é excreção de urina, fenômeno que se dá nos rins. É impróprio usar esse termo na acepção de urina, micção, freqüência miccional ou volume urinário. Um paciente com retenção urinária aguda pode, inicialmente, ter diurese normal.
11 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.

Tem alguma dúvida sobre POSOLOGIA URICEMIL 100MG - CX C/ 50 ENV X 10 COMPR?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.