FARMACOCINÉTICA PLATIRAN

Atualizado em 28/05/2016

Após injeção1 em bolo ou infusão intravenosa, a meia-vida plasmática é de cerca de 30 minutos. A razão entre a cisplatina e a platina total, livre no plasma2 varia de 0,5 a 1,1.A cisplatina não se liga istantaneamente e de forma reversível às proteínas3 plasmáticas, que é um processo característico normal de drogas que se ligam a estas. Todavia, a platina presente na composição da cisplatina mantem-se ligada às proteínas3 plasmáticas. Estes complexos são lentamente eliminados com uma meia-vida de 5 dias ou mais.
Aproximadamente 10 a 40% da platina administrada através de doses variadas é eliminada na urina4 em 24 horas. Recuperações urinárias médias de platina de forma semelhante são encontradas após administração diária por cinco dias consecutivos. A cisplatina inalterada constitui-se na maior parte da platina eliminada na urina4 em uma hora da administração. O "clearance" renal5 da platina livre também excede o "clearance" de creatinina6, não é linear e depende da dose, da taxa de fluxo urinário e da variação individual na secreção tubular e reabsorção.
Não existe relação entre o "clearance" renal5 da platina livre ou da cisplatina e o "clearance" de creatinina6.
Embora pequenas quantidades de platina estejam presentes na bile7 e no intestino delgado8 após a administração da cisplatina, a eliminação fecal de platina parece ser insignificante.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
2 Plasma: Parte que resta do SANGUE, depois que as CÉLULAS SANGÜÍNEAS são removidas por CENTRIFUGAÇÃO (sem COAGULAÇÃO SANGÜÍNEA prévia).
3 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
4 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
5 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
6 Creatinina: Produto residual das proteínas da dieta e dos músculos do corpo. É excretada do organismo pelos rins. Uma vez que as doenças renais progridem, o nível de creatinina aumenta no sangue.
7 Bile: Agente emulsificador produzido no FÍGADO e secretado para dentro do DUODENO. Sua composição é formada por s ÁCIDOS E SAIS BILIARES, COLESTEROL e ELETRÓLITOS. A bile auxilia a DIGESTÃO das gorduras no duodeno.
8 Intestino delgado: O intestino delgado é constituído por três partes: duodeno, jejuno e íleo. A partir do intestino delgado, o bolo alimentar é transformado em um líquido pastoso chamado quimo. Com os movimentos desta porção do intestino e com a ação dos sucos pancreático e intestinal, o quimo é transformado em quilo, que é o produto final da digestão. Depois do alimento estar transformado em quilo, os produtos úteis para o nosso organismo são absorvidos pelas vilosidades intestinais, passando para os vasos sanguíneos.

Tem alguma dúvida sobre FARMACOCINÉTICA PLATIRAN?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.