INFORMAÇÕES AO PACIENTE ZELMAC

Atualizado em 28/05/2016
Ação esperada do medicamento: ZELMAC é indicado para tratar dor,
desconforto e distensão abdominais e a alteração do funcionamento
intestinal em pacientes com a Síndrome1 do Cólon2 Irritável (SCI). Esta
Sídrome também é conhecida por Síndrome1 do Intestino Irritável. A SCI é um
distúrbio comum do trato gastrintestinal. Caracteriza-se por alterações nas
contrações do intestino e por um aumento da sensibilidade do mesmo a estímulos
comuns tais como alimentos ou estresse. ZELMAC atua melhorando o funcionamento
intestinal alterado, aliviando assim sintomas3 de dor abdominal,
desconforto abdominal, distensão e prisão de ventre.
Cuidados de armazenamento: Zelmac deve ser protegido do calor
(manter abaixo de 30°C).
Prazo de validade: A data de validade está impressa no cartucho. Não
utilize o produto após a data de validade.
Gravidez4 e lactação5: Devido à experiência limitada com ZELMAC durante
a gravidez4, não é recomendada a sua utilização por grávidas. Caso a paciente
engravide, deve-se interromper o tratamento com ZELMAC e procurar orientação
do médico responsável. ZELMAC pode passar para o leite materno. Não
amamente durante o tratamento com ZELMAC. Durante a amamentação6
procure a orientação do seu médico antes de tomar qualquer medicamento.
Cuidados de administração: A dose habitual de ZELMAC é um comprimido
de 6 mg, duas vezes por dia. O comprimido deve ser ingerido com um copo
de água. ZELMAC é tomado antes das refeições. Siga corretamente as orientações
do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração
do tratamento.
Interrupção do tratamento: Em caso de esquecimento de um comprimido,
tome o próximo comprimido antes da próxima refeição. Não tome uma
dose dobrada de ZELMAC para compensar a dose que esqueceu de tomar.
Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
Reações adversas: Os efeitos secundários causados por ZELMAC são
normalmente ligeiros e estão principalmente relacionados com o trato
gastrintestinal. A frequência de efeitos adversos (dor abdominal, náusea7,
gases intestinais, dor de cabeça8, tontura9, dor nas costas10, sintomas3 semelhantes
aos da gripe11) não foi superior nos pacientes que tomavam o ZELMAC
relativamente aos que tomavam o placebo12. O efeito secundário de maior
incidência13 de ZELMAC é diarréia14, a qual pode ocorrer como um episódio
único durante os primeiros dias de tratamento. É muito improvável que
continue ou que ocorra depois deste período. Informe ao seu médico sobre
o aparecimento de reações desagradáveis.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO
FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.
Ingestão concomitante com outras substâncias:
Não se verificaram
interações de ZELMAC com a maioria dos medicamentos. Informe o seu
médico acerca de quaisquer outros medicamentos que esteja usando,
antes do início, ou durante o tratamento.
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
2 Cólon:
3 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
4 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
5 Lactação: Fenômeno fisiológico neuro-endócrino (hormonal) de produção de leite materno pela puérpera no pós-parto; independente dela estar ou não amamentando.Toda mulher após o parto tem produção de leite - lactação; mas, infelizmente nem todas amamentam.
6 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
7 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
8 Cabeça:
9 Tontura: O indivíduo tem a sensação de desequilíbrio, de instabilidade, de pisar no vazio, de que vai cair.
10 Costas:
11 Gripe: Doença viral adquirida através do contágio interpessoal que se caracteriza por faringite, febre, dores musculares generalizadas, náuseas, etc. Sua duração é de aproximadamente cinco a sete dias e tem uma maior incidência nos meses frios. Em geral desaparece naturalmente sem tratamento, apenas com medidas de controle geral (repouso relativo, ingestão de líquidos, etc.). Os antibióticos não funcionam na gripe e não devem ser utilizados de rotina.
12 Placebo: Preparação neutra quanto a efeitos farmacológicos, ministrada em substituição a um medicamento, com a finalidade de suscitar ou controlar as reações, geralmente de natureza psicológica, que acompanham tal procedimento terapêutico.
13 Incidência: Medida da freqüência em que uma doença ocorre. Número de casos novos de uma doença em um certo grupo de pessoas por um certo período de tempo.
14 Diarréia: Aumento do volume, freqüência ou quantidade de líquido nas evacuações.Deve ser a manifestação mais freqüente de alteração da absorção ou transporte intestinal de substâncias, alterações estas que em geral são devidas a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.

Tem alguma dvida sobre INFORMAÇÕES AO PACIENTE ZELMAC?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.