REAÇÕES ADVERSAS PAMIDRONATO DISSÓDICO

Atualizado em 26/04/2017

AS REAÇÕES ADVERSAS DE PAMIDRONATO DISSÓDICO GERALMENTE SÃO LEVES E TRANSITÓRIAS. AS REAÇÕES ADVERSAS MAIS COMUNS SÃO HIPOCALCEMIA1 ASSINTOMÁTICA E FEBRE2 (UM AUMENTO NA TEMPERATURA CORPORAL DE 1°C A 2°C), QUE OCORREM TIPICAMENTE NAS PRIMEIRAS 48 HORAS APÓS A INFUSÃO. A FEBRE2 GERALMENTE DESAPARECE ESPONTANEAMENTE E NÃO REQUER TRATAMENTO. A HIPOCALCEMIA1 SINTOMÁTICA3 É RARA.


MUITAS DESSAS REAÇÕES ADVERSAS PODEM ESTAR RELACIONADAS À DOENÇA DE BASE.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Hipocalcemia: É a existência de uma fraca concentração de cálcio no sangue. A manifestação clínica característica da hipocalcemia aguda é a crise de tetania.
2 Febre: É a elevação da temperatura do corpo acima dos valores normais para o indivíduo. São aceitos como valores de referência indicativos de febre: temperatura axilar ou oral acima de 37,5°C e temperatura retal acima de 38°C. A febre é uma reação do corpo contra patógenos.
3 Sintomática: 1. Relativo a ou que constitui sintoma. 2. Que é efeito de alguma doença. 3. Por extensão de sentido, é o que indica um particular estado de coisas, de espírito; revelador, significativo.

Tem alguma dúvida sobre REAÇÕES ADVERSAS PAMIDRONATO DISSÓDICO?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.