SUPERDOSAGEM TORAGESIC

Atualizado em 28/05/2016

Doses de 360 mg administradas por via intramuscular, por um período superior a 8 horas em intervalo de 5 dias consecutivos, têm causado dores abdominais e úlceras1 pépticas, as quais têm sido sanadas após descontinuação da dosagem.

Um paciente apresentou náusea2 após 210 mg de cetorolaco e outro hiperventilação após 300 mg de cetorolaco.

Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Úlceras: Feridas superficiais em tecido cutâneo ou mucoso que podem ocorrer em diversas partes do organismo. Uma afta é, por exemplo, uma úlcera na boca. A úlcera péptica ocorre no estômago ou no duodeno (mais freqüente). Pessoas que sofrem de estresse são mais susceptíveis a úlcera.
2 Náusea: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.

Tem alguma dúvida sobre SUPERDOSAGEM TORAGESIC?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.