BulasMed - Referências completas de medicamentos

bulas.med.br
Buscar bulas Índice de tópicos
BulasMed
Resultados: 998

Excipientes: bicarbonato de sódio, ácido cítrico, carbonato de sódio, aspartamo, povidona, álcool etílico, corante amarelo tartrazina 5, aroma de abacaxi. INFORMAÇÕES AO PACIENTE PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO? Gelmax está indicado no tratamento de acidez estomacal, dor de estômago, dispepsia (indigestão), enjoo, náusea, vômito, epigastralgia (dor na boca do estômago), má digestão, queimação, pirose (azia), esofagite péptica (inflamação da mucosa do esôfago), distensão abdominal, cinetose (sensação de enjoo e/ou desconforto provocada pelo movimento) e hérnia de hiato (deslizamento do estômago em direção ao esôfago devido ao enfraquecimento da musculatura do diafragma).
 - 12/08/2019
O uso das xantinas em fumantes, resulta em depuração aumentada da teofilina e concentrações séricas diminuídas de teofilina, sendo que os fumantes podem requerer uma posologia 50 a 100% maior. Contra-Indicações da Aminofilina Sandoz gastrite ativa; úlcera péptica ativa ou história de úlcera péptica; hipersensibilidade conhecida à aminofilina ou teofilina.
 - 07/03/2007
raramente podem ocorrer hematúria, pancreatite, nefrite e distúrbios da visão. Contra-Indicações da Fenilbutazona gravidez, lactação, menores de 14 anos, úlcera péptica, distúrbios hematológicos, cardiopatias, diabetes, insuficiências renal e hepática graves, hipertensão arterial grave, doenças da tireóide e portadores de hipersensibilidade a qualquer dos componentes da fórmula.
 - 07/03/2007
Contra-indicações e precauções Hipersensibilidade aos componentes da formulação, crise asmática, glaucoma de ângulo estreito, hipertrofia prostática, obstrução piloroduodenal, úlcera péptica ativa. Preparações contendo cloridrato de difenidramina não devem ser administradas a pacientes recebendo IMAO. Use com cautela na presença de doenças cardiovasculares.
 - 07/03/2007
Reações Adversas de Voltaflex OCASIONALMENTE PODEM OCORRER EPIGASTRALGIA, NAUSEAS, VOMITOS, DIARREIA, BEM COMO CEFALEIA, TONTURA, VERTIGENS, REACOES EXANTEMATICAS E ERUPCOES CUTANEAS; RARAMENTE OCORREM FENOMENOS COMO SANGRAMENTO GASTRINTESTINAL, ULCERA PEPTICA, SONOLENCIA, URTICARIA, DISTURBIOS DA FUNCAO HEPATICA, INCLUINDO HEPATITE COM OU SEM ICTERICIA, EDEMA E REACOES DE BRONCOESPASMO, REACOES SISTEMICAS ANAFILATICAS OU ANAFILACTOIDES E HIPOTENSAO.
 - 07/03/2007
Alterações gastrintestinais: úlcera péptica com possível perfuração e hemorragia, pancreatite, distensão abdominal e esofagite ulcerativa. Alterações dermatológicas: petéquias e equimoses, eritema facial, retardo na cicatrização, atrofia cutânea, sudorese excessiva, supressão na reação a testes cutâneos, urticária, edema angioneurótico e dermatite alérgica.
 - 07/03/2007
Ocorre diminuição da acidez pela redução da secreção ácida basal, da secreção estimulada pela pentagastrina. Indicações de Peprazol Doença do refluxo esofágico, esofagite de refluxo. Úlceras benignas gástricas e duodenais, incluindo as causadas por tratamento com AINES. Na terapia anti H.pylori , nas doenças ulcerosas pépticas e para alívio dos sintomas dispépticos. Síndrome Zollinger-Elison.
 - 07/03/2007
Respeitados os princípios terapêuticos gerais de que a doença de base deve ser adequadamente tratada. Contra-Indicações de Doriflan Úlcera péptica. Hipersensibilidade à substância ativa ou a qualquer outro componente da fórmula.
 - 07/03/2007
necrose asséptica da cabeça do fêmur e do úmero; fratura patológica de ossos longos; ruptura de tendão. Alterações no estômago e intestino: úlcera péptica com possível perfuração e hemorragia; pancreatite; distensão abdominal; esofagite ulcerativa. Alterações na pele: retardo na cicatrização, atrofia da pele, pele fina e frágil; manchas vermelhas e/ou arroxeadas na pele; vermelhidão facial; transpiração excessiva; ausência de resposta em testes de pele.
 - 30/08/2019
necrose asséptica da cabeça do fêmur e do úmero; fratura patológica de ossos longos; ruptura de tendão. Alterações no estômago e intestino: úlcera péptica com possível perfuração e hemorragia; pancreatite; distensão abdominal; esofagite ulcerativa. Alterações na pele: retardo na cicatrização, atrofia da pele, pele fina e frágil; manchas vermelhas e/ou arroxeadas na pele; vermelhidão facial; transpiração excessiva; ausência de resposta em testes de pele.
 - 13/08/2019
O bulas.med.br faz parte da plataforma HiDoctor
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).
Mostrar: 10
<< - < - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10 - > - >>
71 a 80 (Total: 998)

Outros resultados:

Resultados: 3

Outros sintomas incluem refluxo gastroesofágico , esteatorreia e perda de peso. Pode também ocorrer uma má absorção de vitamina B12, não corrigível por fator intrínseco oral. O refluxo ácido crônico pode levar também a complicações como esofagite , estenose do esôfago e esôfago de Barrett . Do ponto de vista físico, as úlceras estão presentes na primeira porção do duodeno e são indistinguíveis da úlcera péptica .
Quais são as causas da hemorragia digestiva alta? Afora as varizes esofagianas , a úlcera péptica é a causa mais comum das hemorragias digestivas altas. Outras causas são a gastrite ou esofagite erosiva, o câncer gástrico e o leiomioma gástrico ulcerado. Causas raras incluem fístula aortoentérica, ectasia vascular gástrica, angiectasias e síndrome de Osler-Weber-Rendu.
Gastroftal da Pharmascience Antiácido efervescente com hidróxido de alumínio, hidróxido de magnésio e carbonato de cálcio. Proporciona alívio imediato da azia, má digestão, dor no estômago e queimação associada à gastrite, úlcera péptica, esofagite e hérnia de hiato. Sua fórmula agora está disponível em três sabores: abacaxi, laranja e limão.
Mostrar: 5
1 a 3 (Total: 3)
  • Entrar
  • Cadastrar