INDICAÇÕES E USO GLUCOBAY

Atualizado em 25/05/2016
Utilizado como monoterapia, GLUCOBAY®  é indicado como complemento da dieta para reduzir a taxa de glicose1 no sangue2 em pacientes portadores de diabetes3 mellitus não-insulino-dependentes (DMNID), cuja hiperglicemia4 não pode ser controlada apenas através de dieta. GLUCOBAY®  pode, também, ser usado em combinação com uma sulfoniluréia quando a dieta, seguida de concomitante administração de GLUCOBAY®  ou de uma sulfoniluréia, não resultar em adequado controle glicêmico. Para aumentar o controle glicêmico, GLUCOBAY®  tem efeito aditivo ao efeito das sulfoniluréias5, quando utilizado em combinação com estas últimas, supostamente porque seu mecanismo de ação é diferente. Ao iniciar o tratamento de pacientes portadores de DMNID, a dieta deve ser enfatizada como forma básica de tratamento. A restrição calórica e a perda de peso são essenciais no paciente diabético que é obeso. Talvez apenas o controle alimentar adequado seja eficaz no controle da taxa de glicose1 sangüínea e dos sintomas6 de hiperglicemia4. A importância de uma atividade física regular, quando aplicável, também deve ser enfatizada. Se este programa terapêutico não resultar em adequado controle da glicemia7, deve-se considerar o uso de GLUCOBAY® . Tanto o médico quanto o paciente devem considerar a administração de GLUCOBAY®  um tratamento adicional à dieta, e não uma terapia substitutiva da dieta ou um mecanismo conveniente para evitar as restrições alimentares.
Antes de consumir qualquer medicamento, consulte seu médico (http://www.catalogo.med.br).

Complementos

1 Glicose: Uma das formas mais simples de açúcar.
2 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
3 Diabetes: Nome que designa um grupo de doenças caracterizadas por diurese excessiva. A mais frequente é o Diabetes mellitus, ainda que existam outras variantes (Diabetes insipidus) de doença nas quais o transtorno primário é a incapacidade dos rins de concentrar a urina.
4 Hiperglicemia: Excesso de glicose no sangue. Hiperglicemia de jejum é o nível de glicose acima dos níveis considerados normais após jejum de 8 horas. Hiperglicemia pós-prandial acima de níveis considerados normais após 1 ou 2 horas após alimentação.
5 Sulfoniluréias: Classe de medicamentos orais para tratar o diabetes tipo 2 que reduz a glicemia por ajudar o pâncreas a fabricar mais insulina e o organismo a usar melhor a insulina produzida.
6 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
7 Glicemia: Valor de concentração da glicose do sangue. Seus valores normais oscilam entre 70 e 110 miligramas por decilitro de sangue (mg/dl).

Tem alguma dvida sobre INDICAÇÕES E USO GLUCOBAY?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta ser enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dvidas j respondidas.